Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Miranda será capitão de Tite pela segunda vez nessa Copa

Jogador falou nesta quinta-feira sobre a Bélgica, adversária nas quartas de final da Copa

Por Luiz Felipe Castro - 5 jul 2018, 12h35

O técnico Tite confirmou nesta quinta-feira que o zagueiro Miranda será o capitão brasileiro na partida contra a Bélgica, pelas quartas de final da Copa do Mundo. Até o momento, o treinador reduziu o “rodízio de braçadeiras” a três atletas: Marcelo foi o capitão na estreia contra a Suíça, Miranda contra Sérvia e agora Bélgica e Thiago Silva contra Costa Rica e México, priorizando os atletas mais experientes no rodízio.

Tabela completa de jogos da Copa do Mundo 2018

Contra a Bélgica, Miranda vestirá a braçadeira pela quinta vez e ultrapassará o lateral-direito Daniel Alves, que ficou fora da Copa do Mundo por lesão, como o jogador que mais vezes foi capitão com Tite.

Nesta quinta-feira, o zagueiro concedeu entrevista ao lado de Tite, na Arena Kazan, e exaltou as qualidades do adversário e a dificuldade de marcar Romelu Lukaku, que já marcou quatro gols na Rússia. “É um grande atacante, mas a Bélgica não é só Lukaku. A principal maneira de parar o adversário é estar atento a todas as jogadas e jogadores, porque tem vários de qualidade e decisivos, habilidosos, verticais. Nosso sistema defensivo vai entrar muito bem preparado para neutralizar todas as armas adversárias. “

O jogador da Inter de Milão falou sobre a ótima Copa que vem fazendo ao lado de Thiago Silva, que ganhou a posição de Marquinhos às vésperas do Mundial. “O Thiago é um jogador de alto nível, atuamos juntos mais de dez anos na seleção, fomos convocados juntos pela primeira vez, em 2007, já havia um entrosamento e ele vem fazendo uma Copa extraordinária.”

Publicidade