Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Arábia Saudita proíbe o Pokémon Go

Pokémon "promove o pecado e as mutações das criaturas no jogo são uma blasfêmia"

Alá, de acordo com os sauditas, não gostou do jogo Pokémon Go. O país, ultraconservador e regido sob rigorosas leis islâmicas, reeditou uma fatwa (decreto islâmico) de 2001 — que proíbe a franquia Pokémon. De acordo com as autoridades religiosas islâmicas árabes, o Pokémon “promove o pecado e as mutações das criaturas no jogo são uma blasfêmia”, no sentido em que promove a teoria da evolução. O primeiro decreto foi criado há 15 anos contra o jogo de cartas. Segundo a fatwa, os símbolos usados no game da Nintendo promovem a maçonaria, xintoísmo e o cristianismo.

(Com ANSA)

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Geisson Rocha

    Tem gente q se explode… Tem terroristas matando gente inocente. Guerra sem motivos… E blasfêmia é um jogo virtual.. as maldades feitas pela sua guerra santa. É normal

    Curtir

  2. Geisson Rocha

    Decapitar crianças de 10 anos… Isso Alá deixa… Pq é certo

    Curtir