Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Em 2012, Tite concordava com Osorio sobre Neymar: ‘Mau exemplo’

Quando ainda era técnico do Corinthians e adversário do atacante, técnico se irritou com o comportamento do jogador santista

Por da Redação Atualizado em 3 jul 2018, 14h47 - Publicado em 3 jul 2018, 11h17

Na Copa do Mundo de 2018, Neymar está recebendo críticas de vários adversários e espectadores por simular faltas e, supostamente, tentar enganar os árbitros. O técnico da seleção brasileira, Tite, é o principal defensor do atacante do Paris Saint-Germain, mas, em 2012, quando era técnico do Corinthians e Neymar jogava pelo Santos, o treinador partilhava da mesma opinião do treinador do México, Juan Carlos Osorio, que afirmou na segunda-feira que Neymar é um “mau exemplo” para as crianças.

Tabela completa de jogos da Copa do Mundo de 2018

Em agosto de 2012, após derrota para o Santos por 3 a 2 na Vila Belmiro, pelo Campeonato Brasileiro, Tite ficou irritado com o comportamento do então santista Neymar, que, segundo ele, deveria ter sido expulso pelo juiz. Tite relembrou uma situação do jogo em que as duas equipes fizeram em junho, pela Libertadores, quando Emerson Sheik fez falta em Neymar, que exagerou na reação de dor.

  • “No jogo da Libertadores, o Emerson deu carrinho imprudente, e foi expulso. Neymar caiu e rolou. Quando o Emerson foi expulso, ele levantou e já estava bom. Perder ou ganhar faz parte do jogo. Simular uma situação para tirar vantagem não é. É um mau exemplo para o garoto que está crescendo, mau exemplo para meu filho”, disparou Tite.

    Anos depois, já na seleção brasileira, Tite foi questionado algumas vezes sobre a declaração antiga e costuma repetir que Neymar “amadureceu”. Ao tratar do caso desta segunda, o treinador defendeu Neymar das acusações de Osorio.

    “As hierarquias se mantêm, técnico fala com técnico, atleta com atleta e direção com direção. Depois eu respondo isso para ti.”“As hierarquias se mantêm, técnico fala com técnico, atleta com atleta e direção com direção (…) Eu não vou responder ao Osorio. Eu vi o lance. Todos que estão me assistindo, vejam o lance e tirem suas conclusões. Não dá para contestar a imagem.”

    Continua após a publicidade
    Publicidade