Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Executivo da Televisa, citada no caso Fifa, é assassinado 

Adolfo Lagos, vice-presidente do grupo de telecomunicações, foi baleado ao andar de bicicleta em estrada da Cidade do México

O vice-presidente da emissora mexicana Televisa, Adolfo Lagos, foi assassinado neste domingo, na Cidade do México, por um grupo de pessoas armadas. A informação foi confirmada pelo perfil corporativo do grupo de telecomunicações no Twitter.

De acordo com um comunicado divulgado pela Procuradoria-Geral de Justiça do Estado do México, Lagos foi morto ao andar de bicicleta na rodovia Tulancingo-Pirámides. Segundo testemunhas, dois homens não identificados saíram de um matagal e abordaram o empresário de 69 anos, que estava acompanhado de uma escolta, para assaltá-lo. Ao ser baleado, Lagos foi socorrido pelo segurança, mas morreu em um hospital da cidade de Coacalco.

Lagos estava sob investigação após a Televisa e outras emissoras, como a Rede Globo, terem sido acusadas pelo argentino Alejandro Burzaco de pagamento de propina à Fifa para ter direitos de transmissão de partidas. Na última semana, Jorge Delhon, um advogado também envolvido no escândalo e suspeito de corrupção morreu na Argentina, após ter supostamente se jogado na frente de um trem.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Social Democrata Nem Direita Nem Esquerda

    Que historinha mais mal contada essa. Nessa tuba tem gato.

    Curtir

  2. Queima de arquivo. Né não companheiro.

    Curtir

  3. JEDI TONIC Eeuzza

    +1 corrupto no Inferno!

    Curtir