Mais Lidas

  1. Na casa de Cunha, clima de velório após afastamento

    Brasil

    Na casa de Cunha, clima de velório após afastamento

  2. Saiba como observar a chuva de meteoros desta madrugada

    Ciência

    Saiba como observar a chuva de meteoros desta madrugada

  3. Câmara questiona Lula e Dilma por discursos sobre 'golpe'

    Brasil

    Câmara questiona Lula e Dilma por discursos sobre 'golpe'

  4. Delcídio deve comparecer à CCJ e comprometer Lula e Renan na Lava Jato

    Brasil

    Delcídio deve comparecer à CCJ e comprometer Lula e Renan na Lava Jato

  5. Ex de Susana Vieira vira garçom e vende artesanato na web

    Entretenimento

    Ex de Susana Vieira vira garçom e vende artesanato na web

  6. Substituto de Cunha foi notificado de calção e tênis

    Brasil

    Substituto de Cunha foi notificado de calção e tênis

  7. Clientes de restaurante vegano descobrem que donos comem carne e se revoltam

    Mundo

    Clientes de restaurante vegano descobrem que donos comem carne e se...

  8. Por unanimidade, STF afasta Eduardo Cunha do mandato

    Brasil

    Por unanimidade, STF afasta Eduardo Cunha do mandato

Programa gratuito criado pelo MIT ensina programação para crianças

Simples e intuitivo, o Scratch, faz o que parecia impossível: ensinar a linguagem dos computadores a menores

Por: Raquel Beer - Atualizado em

DESDE CEDO - Aula de Scratch no Dante Alighieri, em São Paulo: em dez minutos, crianças de 8 anos aprendem a criar uma animação
DESDE CEDO - Aula de Scratch no Dante Alighieri, em São Paulo: em dez minutos, crianças de 8 anos aprendem a criar uma animação (Jonne Roriza/VEJA)

Nos anos 90, com a globalização dando as cartas na economia, os pais perceberam que aprender uma língua estrangeira, em especial o inglês, tornara-se um pré-requisito para que seus filhos pudessem disputar bons empregos no futuro. O ensino de idioma estrangeiro passou a ser obrigatório até no currículo das escolas públicas brasileiras. Vinte anos depois, falar inglês parece já não ser suficiente. A geração que nasce no novo milênio depara com a ascensão de uma nova segunda língua: a dos computadores. Em um planeta no qual quase metade da população tem contato diário com o mundo digital por meio da internet - no computador do trabalho, no uso do celular, e assim por diante -, o entendimento das ferramentas que fazem funcionar os chips pode ser a diferença a favor de quem espera se destacar no universo acadêmico ou no mercado de trabalho. "A programação se tornou uma disciplina tão básica quanto a matemática e a escrita", disse a VEJA Mitchel Resnick, do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT). "A dificuldade está em ensinar a crianças algo que parece complexo mesmo para adultos", completou. Resnick não apenas identificou a dificuldade. Ele também encontrou a solução: desde 2007, chefia o desenvolvimento do Scratch, um modo fácil de ensinar a linguagem da computação a crianças a partir dos 8 anos. A última versão, o Scratch 2.0, foi lançada em maio.

Para ler a continuação dessa reportagem compre a edição desta semana de VEJA no IBA, no tablet ou nas bancas.

Outros destaques de VEJA desta semana

TAGs:
Computação
Educação