Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Chefe da McLaren se diz frustrado e mira reação

Por Da Redação - 23 maio 2012, 11h09

Por AE

Montecarlo – Martin Whitmarsh admitiu que está decepcionado com o desempenho da McLaren na temporada 2012 da Fórmula 1. Após começar o campeonato sendo apontada como o carro a ser batido, a equipe inglesa viu a Red Bull se recuperar e assumir a liderança do Mundial de Pilotos, com o alemão Sebastian Vettel, e também o Mundial de Construtores. O dirigente reconheceu que a equipe cometeu erros de estratégia, que atrapalharam as provas de Lewis Hamilton e Jenson Button.

“Eu não estou um pouco frustrado. Estou muito frustrado. Temos um carro razoável e dois grandes pilotos, então, olhando para trás, devíamos ter tido mais sucesso do que nós tivemos”, disse o chefe da McLaren, avaliando que a equipe tem potencial para estar em uma posição melhor nos campeonatos.

Assim, Whitmarsh espera que a McLaren inicie uma nova fase a partir do GP de Mônaco, neste fim de semana. “Ao invés de focalizar a frustração, você tem que olhar para a frente, para a oportunidade. Qualquer um dos nossos pilotos pode ganhar o campeonato e nossa equipe pode definitivamente vencer o título do campeonato de construtores. Estamos com apenas 25% do campeonato e, certamente, outras equipes estão pensando de forma semelhante. Estamos em uma posição forte para fazê-lo”, afirmou.

Publicidade

A McLaren não vence uma prova em Mônaco desde 2008, quando Hamilton venceu a tradicional prova. Mesmo assim, Whitmarsh fez questão de lembrar que a equipe inglesa tem um bom retrospecto, assim como os seus pilotos, incluindo Button, que triunfou na corrida em 2009, pela Brawn.

“A McLaren venceu em Mônaco 15 vezes. Nós sabemos como vencer lá. Ambos os nossos pilotos são bons nesse circuito. Temos uma boa chance de ter uma vitória lá. Mas você está sempre a milímetros de distância do desastre na pista e você pode estar a milésimos de segundos do desastre na garagem. Então, qualquer coisa pode acontecer, mas vamos para lá com um nível razoável de confiança de que podemos fazer um bom trabalho e poderemos estar liderando ambos os campeonatos na próxima semana”, comentou.

Após a realização de cinco provas, a McLaren está na segunda colocação no Mundial de Construtores, com 98 pontos, 11 a menos do que a Red Bull. Já Vettel lidera o Mundial de Pilotos com 61 pontos. Hamilton está na terceira posição, com 53 pontos, e Button é o sexto, com 45 pontos.

Publicidade