Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Bruno Senna minimiza toque com Massa: ‘foi um acidente de corrida’

Além de ficarem longe das primeiras colocações, os brasileiros Bruno Senna e Felipe Massa protagonizaram um acidente no Grande Prêmio da Austrália, realizado na madrugada deste domingo. Depois de abandonar a prova, o piloto da Williams minimizou o toque na Ferrari do compatriota que culminou com a saída de ambos da corrida.

‘Eu acho que foi um acidente de corrida. Eu consegui sair melhor da curva três do que ele. Ele e o Ricciardo estavam brigando. Não sei se o Ricciardo empurrou ele ou não, mas eu deixei espaço para ele por dentro. Acho que ele acabou enconstando em mim, a gente prendeu o carro um no outro e aí já era. Não tinha muito o que fazer, mas corrida é assim e não tem muito jeito’, afirmou o piloto à Rede Globo.

Na largada em Melbourne, Bruno Senna já havia sido tocado pela Toro Rosso de Daniel Ricciardo. O incidente com Massa aconteceu na 47volta. Na briga por posição, ambos se tocaram e chegaram a ficar com os carros engalfinhados por alguns momentos. O ferrarista abandonou na sequência e o piloto da Williams chegou a voltar depois de passar nos boxes, mas não aguentou até o final da corrida.

Questionado se sentiu que foi empurrado por Felipe Massa, Bruno Senna manteve a postura diplomática. ‘Se ele deu uma empurrada, foi azar para os dois, porque acabou estragando a corrida dos dois. Enfim, isso é coisa que acontece’, declarou o piloto, que abandonou sua primeira prova pela Williams a apenas duas voltas do final.

O Grande Prêmio da Austrália, prova que abriu o Mundial-2012, foi vencido pelo britânico Jenson Button (McLaren). O alemão Sebastian Vettel (Red Bull) chegou na segunda colocação e o britânico Lewis Hamilton (McLaren) completou o pódio. A segunda prova do calendário será realizada na madrugada do próximo domingo, na Malásia.