Blogs e Colunistas

27/05/2014

às 14:00 \ Vasto Mundo

Vejam as fotos de mulheres soldados de diversos países. É uma conquista, mas problemas e preconceitos continuam a existir

Publicado originalmente em 25 de fevereiro de 2011.

Fardadas e de fuzil na mão, as mulheres podem passar despercebidas no meio de uma tropa, embora estejam conquistando cada vez mais espaço dentro das Forças Armadas em diferentes países do mundo.

Campeões de Audiência

Campeões de Audiência

Em países como Alemanha, Canadá, Dinamarca, Estados Unidos, Finlândia, Israel, Noruega, Nova Zelândia, Suécia e Suíça, por exemplo, elas podem participar, inclusive, da linha de frente dos combates. No Brasil, só podem ser combatentes, por enquanto, as mulheres pilotos de caça da Força Aérea Brasileira (FAB), como é o caso da tenente-aviadora Daniele Lins, primeira na galeria de fotos abaixo.

Só nos Estado Unidos, entre 2003 e 2009, mais de 200 mil mulheres serviram no Oriente Médio, principalmente no Iraque. Entre elas, cerca de 600 ficaram feridas e pouco mais de 100 morreram em combate. Na França, de acordo uma pesquisa divulgada pelo Ministério da Defesa, entre os cerca de 340 mil soldados no país, há mais de 50 mil mulheres.

Um email que circula na internet mostra militares de diversos países com seus respectivos uniformes.

As bonitas fotos que selecionamos, entretanto, não mostram um dado alarmante: elas continuam sofrendo preconceito dentro das Forças Armadas e os casos de estupro são freqüentes. Por exemplo: cerca de 3 mil militares norte-americanas sofreram violência sexual em 2008, 9% a mais do que no ano anterior. Dentre as que estavam servindo no Iraque e no Afeganistão, o número subiu para 25%.

Em 2009, segundo dados do Exército americano divulgados pelo site da BBC, 30% das mulheres foram estupradas durante o serviço militar, 71% foram vítimas de violência sexual e 90% de assédio sexual.

Isso sem consideram os casos não divulgados. Um relatório do Government Accountability Office, organismo investigativo do Congresso dos EUA, concluiu que 90% das agressões sexuais não são notificadas, na maioria dos casos, devido ao receio das vítimas de serem perseguidas.

Áustria

Brasil

Finlândia

Grécia

Indonésia

Irã

Israel

Nepal

Noruega

Polônia

Reino Unido

República Checa

Sérvia

Suécia

Turquia

Deixe o seu comentário

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

» Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

401 Comentários

  1. sergio

    -

    17/11/2014 às 12:03

    o orgulho de pais equando os seus filhos podem usufluir da iguaudade.sem preconseito de brancos e negros.pobre ou rico……a riquesa do nosso povo independente de quauquer lingua parabems pelas conquista´>

  2. Roberto Caramonete Valcarcel

    -

    15/11/2014 às 20:19

    No brasil o serviço militar deveria até por questão moral ter a participação feminina o que não acontece temos por exemplo Israel que possui mulheres e homens em sua defesa e por lá não existe nada que impeça a presensa feminina nas trincheiras e também elas fazem parte da equipe de apoio nas áreas sociais afinal nessa área elas são mais dedicadas e isso poderia ser feito no brasil pelo serviço social obrigatório onde elas iriam ao invés de ficarem por ai vadiando passariam a se dedicar em ajudar a população em escolas – hospitais – etc como acontece em Israel – falta melhor dedicação do governo brasileiro nesse assunto afinal só cobram os rapazes e esquecem que o país está cheio de mulheres sem ter o que fazer e deveriam estar fazendo algo pelo país até por uma questão moral.

  3. Roberto Caramonete Valcarcel

    -

    15/11/2014 às 20:12

    Não existe motivos para a ausência da mulher nas forças armadas pois não é só pro motivos de guerra que existem as forças armadas mas também para dar apoio a população pelo menos é assim que pensam as autoridades de países mais avançados onde a mulher faz parte do serviço militar seja ele obrigatório ou não elas tem suas funções e são bem vindas uma vez que defender a pátria não é uma atividade apenas a ser defendida pelo sexo masculino como pensam os menos entendidos mas a defesa da pátria deve ser de ambos os sexos afinal a pátria não é apenas “deles” mas “delas” também e pra mim quem não defende a sua pátria não merece ter os mesmos direitos e regalias a não ser por misericórdia.

  4. marcos

    -

    11/11/2014 às 20:51

    so gata lindaa

  5. Luana Silva

    -

    09/11/2014 às 11:17

    Jose teve mulheres que participaram da guerra de Stalingrado, maioria participando como enfermeiras ou médicas, minoria como combatente, na guerra germano-soviética tbm. Tamara Shmakova salvou mts homens na época pois tinha a fama de retirar soldados feridos da linha de frente, Valia Pakhomova retirou mais de 100 feridos no campo de batalha, Nadia Koltsova 2x condecorada com a bandeira vermelha,posso citar várias.
    Mas eu concordo com vc, os homens são mais fortes e resistentes do q nós, e cm ctz desempenharam um papel mais importante, mas dizer q nao aguenta 1 dia na guerra é exagero ne, só pra essas mulheres q ñ levam a carreira militar à sério.

  6. Brasileiro Nato

    -

    01/11/2014 às 12:06

    Que desperdício brutal, covarde, ainda precisarmos empunhar armas contra nossos próprios irmãos. Quanto energia, quanto dinheiro desperdiçado em guerras, quanto poderia estar sendo usado para o bem comum, para acabar com a fome, a miséria. Com isto o astral da Terra mudaria para melhor e a paz, a fraternidade, a beleza, a glória reinariam em todos os países e a FELICIDADE PLENA SE ESPALHARIA PELO PLANETA E SERÍAMOS VERDADEIRAMENTE IRMÃOS.

  7. jose silva

    -

    31/10/2014 às 15:50

    Olha vamos ser realistas já imaginaram essas lindas mulheres em guerra, vamos pensar mais longe, imaginaram essas mulheres na Batalha de Stalingrado, Batalha de Okinawa, Operação Overlord, bom a resposta nos já sabemos, por mais que as feministas digam que as mulheres não são frágeis, eu duvido que uma beldade como essa da Finlândia aguentaria um dia em umas dessas batalhas da segunda guerra. Mulheres lindas assim não devem ir para o exercito, elas nasceram para serem amadas e não para lutar, se encontrasse alguma delas na minha frente eu as diria “Faça amor, não faça guerra”, e para concluir eu reflito que exista um limite racional para os ideais do movimento feminista.

  8. Eugênio

    -

    30/10/2014 às 10:27

    Sou antiquado mesmo.Considero as guerras, absurdas. Imaginem agora ter uma beldade dessas na mira do meu fuzil…Acho que eu iria preferir namorá-las que matá-las ou violentá-las. Mulheres humanizam o mundo – ou deveriam.

  9. João Medeiros

    -

    28/10/2014 às 23:45

    Acho muito interessante essas belas mulheres entrarem para as forças militares e realmente chamam a atenção para o mundo, porém o que eu gostaria mesmo de saber é como elas conseguem dividir o serviço militar, o amor, a família, filhos, marido…. etc…????

  10. Djo

    -

    28/10/2014 às 15:23

    Já ouvi, no passado, alguma feminista se vangloriando que as mulheres estavam se mostrando mais valentes em combate, que os homens, pois não se recusavam a lutar, enquanto estes queriam pular fora da briga, sendo possível. Continuo achando, uma tremenda ignorância essa ideia de mulheres combatendo. Quero ver quando uma dessas beldades retornarem para casa, toda arrebentada, marcada para o resto da vida; aí, talvez se arrependa amargamente. Guerra não serve para ninguém, mas já que existe, deixe para o homem que é mais rústico; a não ser que as mulheres fiquem só em serviços mais amenos, em suas bases; caso contrário, seria um tremendo desperdício ver tantos monumentos maravilhosos deixando de ser modelos femininos para se transformarem em homens, simplesmente.

  11. Ricardo Henriques

    -

    26/10/2014 às 1:06

    É uma carreira brilhante do ponto de vista da conduta! agora fica uma questão em dúvida: será que elas estão totalmente preparadas para enfrentar uma batalha naqueles dias ???

  12. lucas

    -

    25/10/2014 às 22:23

    elas estao indo p a guerra que desperdicio.

  13. lucas

    -

    25/10/2014 às 22:19

    sao lindas .inteligentes mas seguiram pelo lado sombrio deixando o amor ao proximo em ultimo caso .

  14. hoteleiro

    -

    25/10/2014 às 10:15

    Cara tem mulher linda por esse mundo né?

  15. zoraide

    -

    23/10/2014 às 16:22

    Essa criatura wesley não é desse planeta.

  16. Victor

    -

    23/10/2014 às 13:39

    Deixa de ser burro, José de Carvalho Sampaio Filho. Você está misturando dois dados distintos. Um está relacionado às mulheres em si e o outro às agressões. Uma mulher pode sofrer mais de uma agressão.

  17. Wesley

    -

    22/10/2014 às 4:41

    Deveria ser proibido de mulheres entrarem nas forças armadas, na politica e nos órgãos públicos e em todos os cantos da sociedade, porque elas foram feitas p/ ficar na cozinha, lavando, passando e cozinhando, e além do mais elas querem direitos iguais, mas não querem deveres iguais.

  18. José de Carvalho Sampaio Filho

    -

    21/10/2014 às 0:05

    Fantástico! A BBC, baseada em dados o Exército Americano, diz que 90% das mulheres sofrem assédio sexual e o Government Accountability Office afirma que 90% das agressões sexuais não são notificadas… Ou seja, 180% das mulheres são molestadas…

  19. Denis

    -

    16/10/2014 às 15:22

    Na linha de frente…fala sério!!! adm até que sim, mas há diferenças que nunca mudaram, por mais que tentem! e na guerra, urubu é frango!

  20. NIGHT RIDER

    -

    15/10/2014 às 12:11

    As regras para publicação de comentários no blog, conforme relembrei aos amigos leitores incontáveis vezes, não aceitam textos escritos somente em maiúsculas, em respeito à boa educação, aos leitores e seguindo uma norma internacionalmente praticada na web.
    Como presumo que você saiba, palavras em maiúsculas significam palavras gritadas, não é mesmo?
    99% dos leitores escrevem assim, como neste texto, em maiúsculas e minúsculas.
    Peço que você faça o mesmo das próximas vezes.
    Confira as regras no link http://goo.gl/u3JHm
    Obrigado

  21. Helbert

    -

    15/10/2014 às 1:27

    Essas mulheres se acham as poderosas camufladas pintadas. Deviam ver minha mulher com liquitificador na mao o que ela faz quando não LIGO do trabalho kkk

  22. Rodrigo

    -

    12/10/2014 às 13:53

    Existe aquele documentário ‘A GUERRA INVISIVEL’ onde narra a chocante história de estupros dentro do exército americano.

  23. keili

    -

    11/10/2014 às 17:40

    como sempre as mulheres negras não fazem parte deste quadro,o povo cheio de preconceito.

  24. marcio leonel

    -

    10/10/2014 às 23:03

    a finlandesa e a noroeguesa são muito lindas. babei

  25. Rainer

    -

    08/10/2014 às 12:30

    Que mediocridade esses comentários, como se tudo se baseasse apenas em forca bruta, por terem essa linha de pensamento pode se dizer que vocês não enxergam que lógica, raciocínio rápido, inteligencia podem sim sobrepor forca bruta.
    Por Que o preconceito? todos tem direitos iguais, ou pelo menos deveriam ter. Capacidade não se julga a partir da aparência.

  26. Danilo

    -

    06/10/2014 às 15:38

    Bruno, você tá brincando, né ?? Só pode…
    E Daniel, se houver uma guerra … Você tem razão… Tem que mandar os homens, mas não por razões idiotas como essa sua mas sim porque não vão fazer falta alguma ! Ah se guerra fosse só força ou arrombar uma porta !! Sabe de nada inocente ! Para de jogar video game !

  27. bruno

    -

    06/10/2014 às 4:10

    Meu povo vota na Dilma vamos acordar pra vida meu povo não vote no Aécio vote em Dilma do PT

  28. Daniel

    -

    04/10/2014 às 2:34

    Muito bonito pra desfiles, mas é comprovado que devido a biologia, a mulher dificilmente terá a força e resistência de um homem, a menos que seja submetida a doses de hormônios masculinos e perca as características femininas (e ainda assim provavelmente não será igual a um homem treinado como soldado). Em uma guerra, ou uma situação de risco, é potencialmente mais perigoso para as vítimas depender de soldados mulheres. Isso também já foi comprovado entre bombeiros por exemplo, onde um homem tem mais chances de arrombar uma porta do que uma mulher. Isso não é preconceito, nem outro bla bla bla marxista, é biologia humana.

  29. Marcos Botelho

    -

    03/10/2014 às 15:07

    É bonito e há muitos anos existem mulheres nas forças armadas de outros países.Por que preconceito, os direitos são iguais.E também em outras áreas.Acho muito legal e quero que vocês mulheres tomem conta do mundo.

  30. marcelo

    -

    03/10/2014 às 12:18

    O preconceito começa nesta mesma sessão de fotos da reportagem… ou alguém ta vendo alguma mulher feia ? Ou alguma mulher Afro-descendente ? …hipocrisia bagarai

  31. Gabriel

    -

    30/09/2014 às 18:14

    Levei uma flechada do cupido bem no coração.
    Com essa mulher eu não ia pra guerra, eu ficava em casa com ela.

  32. Júlia

    -

    27/09/2014 às 21:00

    Sim,e quem disse que elas não lutam,que não vão para o campo de batalha? Não é porquê tiraram fotos que elas são apenas modelos.Se for assim,as fotos que tiram dos soldados homens,também fazem eles serem “modelos” e tudo aquilo ali é mentira.
    Francamente,é triste saber que existe gente que acha que a mulher é um “sexo frágil”.As duas piores dores que existem são a de ser queimado vivo e a dor do parto normal; e as mulheres passaram pelas duas : na inquisição as diversas mulheres queimadas e até hoje,o parto normal.
    Têm mais do que capacidade de enfrentar uma guerra.

  33. clarindo

    -

    27/09/2014 às 10:22

    ar eu guero ser prezo por estas beleza

  34. Daniel Zanini

    -

    26/09/2014 às 20:00

    Pessoal, posto e graduação militar não possui gênero. Então é soldado, cabo, sargento, subtenente (suboficial), aspirante, tenente, capitão, Major, tenente-coronel, coronel e general (na Marinha e na Força Aérea os postos e graduações são diferentes).

  35. alex silva

    -

    25/09/2014 às 18:56

    belas modelos,mas só servem pra enfeite,eu concordo quando dizem que mulheres são privilegiadas, e que em muitos aspectos são mais valorizadas pelo poder publico,se utilizando sorrateiramente da carapuça de sexo fragil e oprimido quando convém,porém no caso do serviço militar é simples,exercito sempre foi coisa de homem,da mesma forma que vai outras areas,homens tradicionalmente sempre ocuparam posições de risco e trabalho braçal,da mesma forma que sempre foram cientistas,engenheiros,advogados,etc…,se mulher quer ter direito,tem que ter os mesmos deveres também,não ainda nada ficar fazendo propaganda de mulher nas forças armadas,se elas vão la pra atender telefone,trabalhar nos recursos humanos,tem que ir pro campo de batalha também,queimar sutiã é fácil

  36. julio nascimento

    -

    25/09/2014 às 17:29

    as mais lindas servia e israel!

  37. alvaro m

    -

    24/09/2014 às 15:08

    Tinha uma letra de música, cantada pelo Miltinho que se não me falha a memoria, que falava assim: ” Aí aí ai seu capitão bota mulher na parada e me convida pra empurrar canhão….”

  38. Jonas

    -

    19/09/2014 às 18:12

    Race, muito bom…!!!

  39. Natália Prado

    -

    19/09/2014 às 9:53

    Interessante as informações e as fotos,porém os dados sobre violência sexual chocam,a falta de respeito contra mulheres é grande Há ainda muito preconceito contra o sexo feminino desempenhar muitas profissões isso precisa mudar!

  40. jucelito

    -

    15/09/2014 às 11:44

    Odillon, Só para esclarecer, a candidatura de KAssab ja estava bem definida em SP, a novidade foi em ultima hora o Jose Serra querer ser candidato e ainda por cima pedir para o Kassab retirar a sua candidatura, então uma pessoa dessa forma não pode ser considerado Traidor concorda!!!

  41. Odillon Avilla Santos

    -

    12/09/2014 às 19:41

    Lamento muito não poder votar no senador Álvaro Dias, por residir em SPaulo. E em meu Estado, é provável que seja eleito para o senado, um dos piores governadores que o RS, teve: Olivio Dutra. E os paulistas e paulistanos, cometerão mais um erro grave sê reelegerem Suplici. Mas quem manda é o povão.

    Calma lá! Suplicy não lidera as pesquisas de intenção de voto por aqui — embora a candidatura do ex-prefeito Gilberto Kassab, que traiu com isso a José Serra, seu criador, se destine exclusivamente a tirar votos do ex-governador e prejudicá-lo no embate com Suplicy.

  42. Race

    -

    11/09/2014 às 0:15

    Daniel Cortes – Como é? “Primeiro, é soldadAs”? Quem foi que lhe disse isso? Tu estas em frente a um computador com internet e nao pôde consultar um dicionario on-line antes de vir aqui corrigir o texto? Tu deve ser um daqueles que diz ” PRESIDENTA” também..

  43. Daniel Cortes

    -

    08/09/2014 às 23:43

    Sugestao: pare que o que estiver fazendo e vá IMEDITAMENTE ler o livro The Mity of Male Power, do Warren Farrell, onde ele demonstra sobejamente, com uma lucidez ímpar, sobre, dentre outros temas, a descartabilidade masculina. E tambem que o Charlton tem razao. Ele nao tem nada contra mulheres, ele nunca disse ter, ele apenas mostrou que as mulheres ocupam uma posicao privilegiada na sociedade, e de fato ocupam. O fato de mulheres ficarem fora do exército é simplesmente porque a vida delas vale muito para que morram em uma guerra. Espera estourar uma guerra e vamos ver se as soldadas ( e nao soldados, assim como existe generala, coronela, etc) serão mandadas para o front. Quem morreu nas guerras desde que o mundo é mundo sempre forem os homens.

  44. Daniel Cortes

    -

    08/09/2014 às 23:39

    Primeiro, é soldadAs. Segundo, nao se trata de preconceito, mas sim da descartabiliade masculina. Vivemos em tempos de paz. Pode ser certeza que, em épocas de guerra, quando se tornar soldado(a) significa possivalmente a morte, seriam só os homens, já que a vida do homem não vale nada.

  45. pagador de impostos

    -

    08/09/2014 às 23:06

    ´Desculpem, mas ainda sou mais a sargenta aqui de casa.

  46. cesario paixao ribeiro

    -

    07/09/2014 às 11:55

    uau!!!

  47. Pedro

    -

    07/09/2014 às 6:41

    Ate sou a favor. mas em unidades de combate a mulher que quisesse entrar teria que passar nos mesmos testes, acho um risco so para ficar bem na fita ”abrandar ”para elas.

    no resto em funçoes de apoio td bem.

  48. Marcelo Barros

    -

    07/09/2014 às 0:36

    Aproveito pra lamentar a viralatice de alguns comentaristas, que menosprezaram a brasileira. Ela está no mesmo nível das outras.

  49. Marcelo Barros

    -

    07/09/2014 às 0:35

    Acabo de ser censurado pelo Ricardo Setti: eu não repeti nenhum comentário, mesmo porque é a primeira vez que faço um.

  50. Marcelo Barros

    -

    07/09/2014 às 0:33

    O autor do artigo não desmentiu nada do que o Charlton Heslich Hauer disse em seu comentário. Se limitou a sair pela tangente, perguntando “o que ele tinha contra esses seres maravilhosos que são as mulheres.”

  51. Abigail Pereira Aranha

    -

    06/09/2014 às 22:06

    Poxa, chefe, você respondeu ao meu amigo o que ele tem contra mulheres, mas isso aí é pra guerra ou postar no Facebook? Um mês e meio antes você mesmo publicou: “‘Chega de igualdade! Mulher não dá para ser soldado!’ – diz capitã dos ‘marines’ dos EUA”. Não entendeu ainda que o Feminismo é ser homem quando pode e mulher quando interessa?

    Eu postei uma opinião de uma pessoa. Não era e não é a minha.

  52. Charlton Heslich Hauer

    -

    06/09/2014 às 21:09

    Infelizmente, os links colocados dos respectivos artigos parecem que não serão publicados. Bom, o Senhor Google está aí para ajudar as pessoas.

    O que você enviou eu, corretamente, publiquei.

  53. Charlton Heslich Hauer

    -

    06/09/2014 às 21:06

    Eu coloco uma série de evidências mostrando que mulheres são mais privilegiadas que os homens, e o quanto esses privilégios são danosos, não só para as crianças, os adolescentes, adultos e idosos do sexo masculino, mas, para o funcionamento de toda a sociedade. Mostro que, onde há preconceito contra as mulheres, os homens, sim, sofrem preconceito em uma escala infinitamente maior, mas o Ricardo Setti usa a mesma falácia batida, muito usada por feministas, em forma de tática de constrangimento: “Puxa vida, o que, afinal, você tem contra esses seres maravilhosos que são as mulheres?”

    Ou seja, para ele, por exemplo, se nós dizemos que há algo errado na Lei Maria da Penha pelo fato desta lei privilegiar apenas um sexo, e excluir dos seus benefícios até mesmo as crianças do sexo masculino…. então, o jornalista conclui que se nós somos contra essa lei é porque nós somos contra as mulheres, ou apoiamos a violência contra elas, ou sei lá o que…

    Ser NÃO-feminista NÃO é igual a ser contra as mulheres, Ricardo.

    Penso que você não deveria se enveredar por este caminho. Talvez lendo artigos como os seguintes, façam vossa senhoria sair do convencional, e comece a enxergar o contraditório: 1) LISTA DE DISCRIMINAÇÕES CONTRA HOMENS E MENINOS ; 2)”Sexo Privilegiado – O Fim do Mito da Fragilidade Feminina” (MATÉRIA DA VEJA): ;

    3) Os X%: Sobre o que o feminismo realmente é, e porque quem valoriza a liberdade deve lutar contra ele

    4)Quatro em cada cinco pessoas assassinadas por violência doméstica no Brasil são homens!;

    5)Feminismo na Espanha: O Regresso à Inquisição

  54. Sandro

    -

    06/09/2014 às 19:35

    Muito bonito na teoria. E lógico, para aplacar a sanha das feministas da ONU. Mas se formos ver a realidade, mulheres em serviços como polícia e exército é um tiro no pé dos contribuintes. Na policia por exemplo não se pode largar uma dupla de mulheres na viatura. Nas missões mais duras elas não vão, primeiro porque elas se esquivam, segundo porque não possuem força, destreza e coragem suficientes, salvo exceções. Nos bombeiros, na maioria das missões elas são inúteis porque não conseguem sequer carregar outra mulher, não tem força suficiente pra segurar um desencarcerador, até mesmo a força da mangueira de água é muito forte pra elas. Uma mulher tem de correr 2000 metros na prova da polícia, enquanto que um homem 2400, caso o homem corra 2300 ele roda e a mulher que correr 300 metros a menos que ele passa. Milhares de rapazes com energia ficam de fora de serviços essenciais pra dar lugar a mulheres e assim fazer bonitinho pra aplacar a ira dos politicamente corretos, nem que para isso se deixe toda a lógica e a razão de lado, com prejuízos ao contribuinte e para quem precisa desses serviços.

  55. Charlton Heslich Hauer

    -

    06/09/2014 às 17:44

    Um recado ao jornalista Ricardo Setti: se um dia você e/ou sua família sofrer um acidente, e estiverem encarcerados num veículo, NÃO ESPERE que sejam salvos por essas “mulheres que estão conquistando mais espaço”, pois elas prevaricam dos serviços mais difíceis, usando do argumento de que elas são “mais frágeis”, e, ao mesmo tempo, são poupadas por seus superiores pelo mesmo argumento: “menor força física” (em média, diga-se) delas. Vocês só poderão ser salvos pelos “machistas” “agressores” e “preconceituosos” homens. Se um dia você e/ou sua família forem assaltados ou sequestrados por bandidos, não espere que essas mulheres que “estão conquistando cada vez mais espaço” vão salvá-los; correrem o risco de perder a própria vida; trocar tiro com bandidos para salvar sua família. Elas não irão (pelos motivos que já citei acima)! Isso só os homens e sua imensa solidariedade, instinto de proteção e comprometimento com suas funções podem fazer. Se um dia houver um incêndio em seu apartamento, não espere que elas vão até lá salvar você, sua esposa e filhos, porque elas não vão (pelos mesmo motivos). Vocês terão que orar pelos “preconceituosos” homens. Quando há guerras, APENAS AS BUCHAS DE CANHÃO DAS SOCIEDADES, ou seja, OS HOMENS, são obrigados, por esta sociedade historicamente GINOCÊNTRICA, a entregar os seus corpos pela sociedade, enquanto das mulheres não se espera que cumpra obrigações (nem os papéis antigos, nem os novos, porque isso seria “opressão”, não é verdade, jornalista?). Portanto, jornalista, pare de repetir clichês feministas. Pare de mentir que elas são discriminadas, porque ISSO É MENTIRA! NÃO EXISTE CLASSE MAIS PRIVILEGIADA NO MUNDO QUE AS MULHERES! Quando se fala em direitos, e não se fala de deveres, isso é nojento. Quem sofre com isso não são só os homens, mas TODA A SOCIEDADE, toda vez que ela precisa. Pare de defender pessoas que recebem o mesmo salário (ou até mais) por menos trabalho que os homens, em troca de audiência em seu blog. Pare de defender pessoas privilegiadas que se aposentam 5 anos a menos que os homens, mesmo estes últimos viverem 8 anos a menos que elas. ISSO NÃO É JUSTO! Pare de replicar estatísticas feministas sobre estupros, porque TODOS, repito, TODOS ESSES CLICHÊS SÃO MENTIROSOS e todas essas ESTATÍSTICAS são FRAUDULENTAS, e, quando feministas fazem isso, têm o intuito de DEMONIZAR as crianças, adolescentes, adultos e idosos do sexo masculino, e PUNIR TODOS OS HOMENS COLETIVAMENTE apenas pelo fato de serem do sexo masculino! Quer abrir espaço para as mulheres? Ótimo, mas exija que elas sejam cobradas como os homens são. Nenhum Estado é rico o suficiente para colocar pessoas que não podem desempenhar seus papéis da forma desejada. Por que você acha que as forças militares não abrem as portas de maneira escancarada para as mulheres? Acha que é discriminação? Não é justo ter que ver apenas os homens entregarem seu ser, sua identidade e sua própria vida pelas mulheres e por toda a sociedade. É duro ter que ver, a cada segundo, a mídia podre apoiar a MISANDRIA, a DEMONIZAÇÃO dos homens, os PRIVILÉGIOS ILEGÍTIMOS FEMININOS (travestidos de “direitos”) e o NÃO RECONHECIMENTO dos feitos dos homens, como se estes últimos fossem discriminações contra as mulheres.

    Puxa vida, o que, afinal, você tem contra esses seres maravilhosos que são as mulheres?
    E, que eu saiba, militares das Forças Armadas de nenhum desses países funciona como polícia.

  56. Cleber

    -

    03/09/2014 às 15:01

    …graças a Deus, … continuam mulheres…

  57. Felipe

    -

    02/09/2014 às 21:19

    Uau! Só gatas!

  58. Razao

    -

    30/08/2014 às 20:43

    Pela questao genetica , e mulher é mais fraca que um homem, nao ha porque coloca-las em serviço militar , nao consigo entender, isso é uma conquista ? do que ? treino arte marcial a 10 anos e nunca vi uma mulher se impor a um homem, nem mesmo quando ambos eram do mesmo tamanho…como disse o amigo,um ser de 60kg e 1,55m nao da conta do recado!!!

  59. José Claudio

    -

    26/08/2014 às 22:52

    Dilma só fala besteira,o **** ***** ****.

  60. André Silva

    -

    26/08/2014 às 21:30

    Gente, essa da finlandia…por essa mulher eu vou ate pra querra.

  61. Christian Castro

    -

    26/08/2014 às 4:31

    Botava essa da Finlândia pra *****. Lindinha demais *-*

  62. Grimlord

    -

    22/08/2014 às 11:32

    Que tropa, né? Eu gostei mais da sueca, mas todas são lindas.

  63. Arlindo Reis

    -

    21/08/2014 às 14:12

    Com excessão de países como Israel, Coréia do Norte e mais alguns outros que nescessitam de um efetivo grande, frente a população pequena, é justificável, porém num país como o Brasil, cuja população é enorme para um contigente pequeno, é ridículo colocar mulher no lugar de um homem, que por questões óbvias, rende muito mais em combate.Mas como a senhora ONU é quem manda no nosso país, impondo a confusão dos papéis homens e mulheres, que faz parte da política mundial de dominação, da “Nova Ordem Mundial” patrocinada por esta entidade, os políticos vão cabisbaixo em obediência aos maiores bandidos do planeta, que como objetivo, querem todo o poder político pra eles. HOJE SÓ É IDIOTA QUEM QUER, é só pesquisar pra entender do que mem refiro.

  64. Mauro

    -

    17/08/2014 às 13:13

    Foi realmente uma coleção de fotografias fantásticas onde mostra mais um setor em que a força da mulher está presente e se destacando…são lindas…que seja sempre para a construção e o progresso de todos os povos.

  65. Daniel

    -

    15/08/2014 às 19:13

    Bom brincadeiras a parte , eu sou militar e temos na nossa corporação mulheres que são excelentes comandantes, e companheiras mesmo, deixam muitos homens no chinelo, não falo só de cargos administrativos não falo de linha de frente mesmo! Parabéns a elas que tem um equilíbrio e entendimento diferenciado em ações comparadas aos homens!

  66. Daniel

    -

    15/08/2014 às 19:08

    Pórco Taco, se tiver na guerra assim num dá mata o papai, só bombonzinho pai!

  67. denis

    -

    12/08/2014 às 15:34

    As mulheres acham que ser militar é ficar produzida dando ordens de dentro de uma cabine de navio ou tanque de guerra. Como nas polícias (e durante a história, até hoje) o serviço sujo, pesado e degradante fica por conta dos homens. Em tempos de homens efeminados numa sociedade transexual, nada mais justo que acharem isso, afinal, os homens hoje tem déficit de testosterona. Lamentável.

  68. Luciana

    -

    12/08/2014 às 14:13

    Acho certissimo as mulheres fazerem parte do exército, e me mais ainda é que paises mulçumanos não fazem restrições ao egresso dessas mulheres , como no Irã, isso ja serve de exemplo para deixar o machismo barato de certos brasileiros para escanteio, que nunca conseguiriam aguentar a metade do que essas mulheres guerreiras , e até mesmo homens de verdade suportam no Oriente.

  69. taciana brazl

    -

    11/08/2014 às 17:31

    maravilhoso quero muito ingressar no exercito to lutando pra caramba pra isso, somos lindas mulheres guerreiras batalhadoras e persistente!

  70. Eu

    -

    11/08/2014 às 15:42

    Seu comentário racista, mentiroso e ofensivo foi deletado.

  71. Alexsander Menezes

    -

    11/08/2014 às 13:35

    Abusos, estupros, atentados violentos ao pudor ocorrer siariamente nas forças armadas de todos os países, seja contra homens, seja contra mulheres.

    As forças armadas são instituições que representam as sociedades as quais servem, com seus valores e falhas.

    Em combate, e bem treinadas, não existem diferenças de g~enero que impeçam que mulheres combatentes igualem-se em efetividade os homens.

    Não sejamos preconsceituosos…

  72. LudoFinal

    -

    09/08/2014 às 20:28

    Finlândia, Indonésia, Israel, Reino Unido e Turquia = gatas. A da Indonésia, além disso, é, muito, mas muito gata.

  73. Flávio José

    -

    08/08/2014 às 9:57

    Mulheres lindas mas acima de tudo corajosas e destemidas

  74. David Pontes

    -

    02/08/2014 às 15:14

    Como sou apaixonado pelas Israelenses..

  75. adalberto

    -

    31/07/2014 às 12:44

    As regras para publicação de comentários no blog, conforme relembrei aos amigos leitores incontáveis vezes, não aceitam textos escritos somente em maiúsculas, em respeito à boa educação, aos leitores e seguindo uma norma internacionalmente praticada na web.
    Como presumo que você saiba, palavras em maiúsculas significam palavras gritadas, não é mesmo?
    Confira as regras no link http://goo.gl/u3JHm
    Obrigado

  76. Francisco Guine

    -

    30/07/2014 às 11:48

    pois elas merecem serem soldados, por serem erro da humanidade cometido pelo Deus no edem. tando choram de direitos iguais então deeveres iguais também. alias mulheres soldados dificeficeis lidarem como esposa de casa. mas de qualquer jeto vos amo mulheres soldados por sempre ñ fugirem a responsabilidade de mães.

  77. alexandre

    -

    27/07/2014 às 10:56

    oq eu ir para as forcas armadas , nao vou servi um pais q num liga para seu povo, um pais q so pensa em encher o bolso de mensalao , por mim vai se fude msm.

  78. Senhorita Dias

    -

    26/07/2014 às 17:13

    Poxa, as do Irã tiraram onda, gostei.

  79. nilson v santos

    -

    20/07/2014 às 19:27

    As regras para publicação de comentários no blog, conforme relembrei aos amigos leitores incontáveis vezes, não aceitam textos escritos somente em maiúsculas, em respeito à boa educação, aos leitores e seguindo uma norma internacionalmente praticada na web.
    Como presumo que você saiba, palavras em maiúsculas significam palavras gritadas, não é mesmo?
    Confira as regras no link http://goo.gl/u3JHm
    Obrigado

  80. Maxwell

    -

    16/07/2014 às 20:03

    Não aguentam nem meio minuto de porrada comigo.

  81. adelson

    -

    15/07/2014 às 15:47

    É um desperdício tantas gatas assim correndo risco.

  82. marcio maxlife

    -

    13/07/2014 às 21:07

    Finlândia, Noruega e reino unido estão de parabéns, porém, acho um dispedicio total tanta beleza rumo a morte

  83. Vandergleyson

    -

    13/07/2014 às 1:31

    Errata: “escandinavas”

  84. Vandergleyson

    -

    13/07/2014 às 1:26

    Ai, ai, essas escandinávias sempre batendo um bolão.

  85. pacote

    -

    12/07/2014 às 23:14

    uhhuhuhuu soma todas elas que da um missel ********** ….que coisa feia meu deus

  86. estevao dom

    -

    11/07/2014 às 10:38

    Aqui temos uma presidente que é um tremendo canhao!

  87. RAMOS

    -

    10/07/2014 às 12:26

    não acredito que umas coisinhas lindinhas dessas possam fazer mal a alguem! não acredito mesmo.

  88. Silvio

    -

    07/07/2014 às 20:22

    São lindas estas mulheres, independente do país e da suas funções. Parabéns às meninas que a cada dia se posicionam profissionalmente e se destacam no que fazem. Machismo à parte: Eu me rendo à beleza e à feminilidade de vocês. Graças a Deus vocês existem.

  89. kevin

    -

    06/07/2014 às 13:00

    Sérvia OMG Tiro Onda !

  90. jorge nascimento coutinho

    -

    04/07/2014 às 12:44

    Por essas queria eu ser preso. São lindas !

  91. Salviano

    -

    04/07/2014 às 12:17

    Luiz Augusto e Willians: Se voces estiverem ilhados em uma enchente ou em um edificio pegando fogo, pode ser essa garota piloto brasileira, a vossa salvadora. E tenha certeza que ela malhou muito para estar ai. Deve ser bem inteligente.

  92. Luis Augusto

    -

    02/07/2014 às 17:39

    A do Brasil é a mais feia kkkk

  93. willians

    -

    02/07/2014 às 1:27

    Só a brasileira que se destaca mesmo. Por ser a soldado mais maloqueira “bem a cara do Brasil”

  94. Ronaldo

    -

    01/07/2014 às 22:06

    Cadê a Nikita?

  95. Alexandre Novaes

    -

    01/07/2014 às 21:26

    É Ricardo Setti o preconceito começa quando se coloca na matéria fotos de belas militares exaltando principalmente a beleza o que é uma bobagem enorme. Sabemos que nas tropas beleza não é fundamental, muito pelo contrário. Quanto a termo “soldada” citado abaixo, deve ser alguma militante petista, coisas de Dona Dilma, ela criou depois de presidenta a profissão de “Torneira Mecânica”

  96. Rômulo

    -

    01/07/2014 às 17:05

    Não, não existe SOLDADA, é SOLDADO, tanto o homem quanto a mulher, assim como mulher não é presidentA, nem governantA, muito menos comerciantA, não são Soldadas.

  97. Raquel

    -

    30/06/2014 às 22:16

    É sutil, mas mesmo reportagens como essa acabam por incitam comportamentos machistas. O uso de fotos em que mulheres mais se parecem modelos de revista, e apontar para “vejam as belas fotos abaixo”, parece bobagem, mas é assim que discretamente é abordado o tema: do ponto do vista estético. Ponham imagens das mulheres em combate, esqueçam um pouco da associação entre mulheres e beleza. Não fomentem a cobiça e a superficialidade estética para tratar da competência feminina.

  98. EDVANIA

    -

    24/06/2014 às 12:16

    As regras para publicação de comentários no blog, conforme relembrei aos amigos leitores incontáveis vezes, não aceitam textos escritos somente em maiúsculas, em respeito à boa educação, aos leitores e seguindo uma norma internacionalmente praticada na web.
    Como presumo que você saiba, palavras em maiúsculas significam palavras gritadas, não é mesmo?
    Confira as regras no link http://goo.gl/u3JHm
    Obrigado

  99. bartolomeu

    -

    24/06/2014 às 9:41

    Por que mulheres SOLDADOS? Os militares são chamados de SOLDADOS porque os seus vencimentos chamam-se SOLDO. Logo, o homem é SOLDADO; a mulher é SOLDADA…

  100. Keila Priscila

    -

    19/06/2014 às 14:28

    Se Deus quiser um dia vou ser igual a elas, guerreiras, lutando pelo seu país.

  101. Thauany Lopes da Silva

    -

    17/06/2014 às 22:02

    Estudo, para que um dia eu esteja assim com toda a garra e fé representando o meu país.

  102. Irineu

    -

    17/06/2014 às 20:12

    Caro Setti, por favor acrescente mais fotos. Abcao!

  103. william

    -

    17/06/2014 às 17:45

    isso não é um exercito,é um harém.

  104. Aurelio

    -

    17/06/2014 às 9:52

    Pra mim isso é tudo balela. Vai por uma pra enfrentar um embate ou situação de risco ja saem correndo, não adianta criarem um bando de montagens e colocar no youtube ou essas reportagens mentirosas que so boboca acredita que um ser de 60 kg e 1,55 vai dar conta do recado.

  105. Duda

    -

    16/06/2014 às 22:33

    E o meu vai vai para…

    Todas que alem de lindas são corajosas por enfrentar tanto preconceito.

  106. marcela

    -

    15/06/2014 às 13:57

    Seu comentário mentiroso, calhorda e ofensivo foi deletado.

  107. juan Philipe

    -

    14/06/2014 às 12:31

    E um orgulho para o país de cada uma delas,
    ser soldada isso mostra que as mulheres estão crescendo a cada dia, parabéns para elas sem esquece que são muito lindas.

  108. JORGE MARIA DE VASCONCELOS

    -

    10/06/2014 às 20:00

    As regras para publicação de comentários no blog, conforme relembrei aos amigos leitores incontáveis vezes, não aceitam textos escritos somente em maiúsculas, em respeito à boa educação, aos leitores e seguindo uma norma internacionalmente praticada na web.
    Como presumo que você saiba, palavras em maiúsculas significam palavras gritadas, não é mesmo?
    Confira as regras no link http://goo.gl/u3JHm
    Obrigado

  109. JMB

    -

    09/06/2014 às 22:25

    Cadê a NIKITA?

  110. Soldado Universal

    -

    09/06/2014 às 14:29

    As regras para publicação de comentários no blog, conforme relembrei aos amigos leitores incontáveis vezes, não aceitam textos escritos somente em maiúsculas, em respeito à boa educação, aos leitores e seguindo uma norma internacionalmente praticada na web.
    Como presumo que você saiba, palavras em maiúsculas significam palavras gritadas, não é mesmo?
    Confira as regras no link http://goo.gl/u3JHm
    Obrigado

  111. Miguel Angelo Bernardi

    -

    02/06/2014 às 20:14

    No Brasil, as mulheres levaram para os quartéis respeito, moderação no linguajar e nos gestos,cortesia, enfim, civilidade.

  112. marco

    -

    28/05/2014 às 9:10

    E uma piada , capturadas vão fazer a alegria dos fuzileiros.

  113. ex-magazine

    -

    27/05/2014 às 15:26

    O Nepal e o Irã entraram na seleção pelo critério “politicamente correto”? As demais podem vigiar minha cidade !

  114. Teresa Cristina

    -

    27/05/2014 às 15:12

    Realmente trata-se de notícia de suma importancia, mas só para o clube do bolinha né.

  115. JORGE MARIA DE VASCONCELOS

    -

    26/05/2014 às 20:53

    saõ lindas essas heroinas,fazendo inveja a muitos marmanjos, inuteis,que se recusam a ir para as forças armadas ,com medo da guerra

  116. Francisco

    -

    23/05/2014 às 14:05

    Me renderia logo na primeira vista. ;)

  117. Filipe

    -

    16/05/2014 às 13:14

    isso é uma coisa linda de se ver! Parabéns pela publicação..

  118. André Luiz Bezerra

    -

    13/05/2014 às 2:30

    Lindas mulheres devemos ama-las com todo nosso amor e dedicação pois são guerreiras, mães donas de casa e ainda muitas delas trabalham fora para o sustento de seu lar e cuida dos filhos e um detalhe não tem férias dos afazeres domésticos e ainda são submetidas a muitos preconceitos opressões violências de várias formas e características, não exercendo a liberdade verdadeira, como dizia Vladimir Ilitch Lenin; Não pode haver e nem haverá liberdade verdadeira enquanto alguns privilégios que a lei estabelece ao homem impedirem a liberdade da mulher.

  119. jose

    -

    12/05/2014 às 22:13

    Seu comentário racista e asqueroso foi deletado.

  120. geroldo zanon

    -

    12/05/2014 às 13:22

    Todas muito mais bonitas do que a GLEISE e a IDELI LANCHAS SALVATTI

  121. What's up?

    -

    12/05/2014 às 11:27

    Eu prefiro aquelas que jogaram suas medalhas fora em Chicago durante NATO Chicago summit meeting em 2012 e pediram desculpas aos afegãos e iraquianos.

  122. Jackson

    -

    11/05/2014 às 16:40

    Charles, acho que as do Nepal e Indonésia são asiáticas, se bem que as árabes e israelenses também vivem na Ásia.

  123. Charles

    -

    11/05/2014 às 13:09

    nao tem nenhuma negra como sempre, acho que o padrao de beleza eh bem definido e ajustado a preferencia da grande maioria, tambem nao tem nenhuma asiatica(minha preferencia) mas acho esse artigo legal

  124. Fernando

    -

    11/05/2014 às 10:29

    Isso é estratégia para destruir o inimigo. Tem um ditado bem próprio em que a mulher enganou o Diabo.

  125. Vitor

    -

    10/05/2014 às 2:10

    Essa da Sérvia ta com uma cara de má! huhuhuhu

  126. Wilian Pereira

    -

    09/05/2014 às 15:51

    Sou militar há quase 12 anos. Servi no Corpo de Fuzileiros Navais da Marinha e na Brigada Pára-quedista do Exército, duas das tropas mais respeitas da FFAA brasileiras. Não vejo problemas na inclusão das mulheres em si, mas questiono quando a qualidade da formação e do treinamento é reduzido para permitir o acesso delas. E na maioria das vezes é exatamente o que ocorre. Isso diminui drasticamente a capacidade de preparo e emprego da tropa. Mulheres só conseguiram terminar o curso de paraquedista militar por serem poupadas nos treinamentos e não venham me chamar de machista, pois estava lá e vi. Sem falar que elas reclamam de preconceito, mas sempre que podem se utilizam do fato de serem mulheres para conseguir alguma vantagem indevida ou deixar de cumprir alguma obrigação a todos imposta.

  127. Marcos

    -

    09/05/2014 às 15:00

    É isso aí, direitos iguais! Passou da hora de acabar a moleza para essa mulherada, que vão para o front morrer também! Está na hora de um projeto de lei para as construtoras, empreiteiras, mecânicas, limpadoras de esgôto abrirem quotas de pelos menos 20 % para a mulherada, queria ver as feminazis ocupando preferencialmente essas vagas…

  128. Marcelo Iost Bausells

    -

    09/05/2014 às 14:37

    deu até vontade de ser preso

  129. Diogo Yoshida

    -

    09/05/2014 às 10:55

    Os rostinhos bonitos delas enganam. São soldados! Elas com certeza saberão ser duronas. Fico imaginando aqui um combate entre exércitos com mulheres do outro lado… será que apertaríamos o gatilho?

  130. Felipe Miranda

    -

    09/05/2014 às 10:50

    Lindas,mas ja as Iranianas e as do Nepal,nem a pau juvenal que mulheres feias man.

  131. Gleisson

    -

    09/05/2014 às 0:02

    Estão tentando se igualar a nós homens no que nós temos de pior.

  132. lucios

    -

    08/05/2014 às 19:58

    posar para tirar foto é fácil quero ver em uma guera vão todas sumir sempre paga pato é os homens .

  133. Lord Romulus

    -

    08/05/2014 às 17:16

    Bonitas e corajosas. Informo que a suposta militar sul-coreana na verdade é a atriz Lee Kang Hyeon(이강현) em traje militar para o drama “Nip and Truck” (“Beliscar até marcar” em tradução livre) da emissora sul-coreana MBC. De fato ela fica linda, mesmo não sendo militar.

    Eis algumas cenas:
    https://www.youtube.com/watch?v=WFxZ40pMn3I

    Muito obrigado pela informação, caro Romulus. Vamos retirar a bela Lee do post para não continuar incidindo no erro.
    Abraços

  134. ranieri

    -

    08/05/2014 às 15:15

    Lindas mulheres representando as forças armadas de seus países

  135. Kat Santos

    -

    02/05/2014 às 14:28

    Acho lindo o serviço militar. Queria eu ser militar tlz em Israel, gostaria de morar lá e servir o país…:)

  136. Deusdete Borges de Amorim

    -

    01/05/2014 às 8:25

    A maioria das militares talvez não tenha visto um estrago de um tiro de fuzil cal.7.62,é bagaceira. . .

  137. José

    -

    28/04/2014 às 16:17

    quero ser criminoso… em um pais escandinavo!!!

  138. gilvan marques da silva

    -

    23/04/2014 às 19:55

    eu queria se preso pela sueca sem resistecia no deserto da arabia saudita sol nois dois

  139. gilvan marques da silva

    -

    23/04/2014 às 19:48

    indonesia pode me prende que eu nao reagia nuca

  140. Jeremias-no-deserto

    -

    21/04/2014 às 19:18

    Assim, dá até gosto de ser preso e torturado….

  141. CAVALO DE TROIA

    -

    21/04/2014 às 13:46

    ***, ninguem tem culpa se voce é feia..rsrsrsrsrsrsrsrs

  142. Jack

    -

    19/04/2014 às 15:03

    Finlandia, Noruega e Suécia… me rendo!

  143. andre

    -

    18/04/2014 às 20:41

    da Finlândia e a mais li8nda

  144. Lu

    -

    16/04/2014 às 22:26

    “Em 2009, segundo dados do Exército americano divulgados pelo site da BBC, 30% das mulheres foram estupradas durante o serviço militar, 71% foram vítimas de violência sexual e 90% de assédio sexual.”

  145. Lu

    -

    16/04/2014 às 22:23

    Com esses comentários fico imaginando que é exatamente esse tipo (mais suave) de assédio que elas recebem pelos seus colegas de trabalho, tipo: por essa eu seria preso, Apetitosas mulheres! A Servia me serveria! e etc. Uma coisa é ressaltar a beleza, parabenizá-las. Enfim… caraca as mulheres sofrem violencia e eu nao paro de pensar como essas mulheres se restruturaram, se é que conseguiram. E grande parte, com exceçao, focam em como as mulheres sao gostosas!

  146. Antonio Marmo

    -

    15/04/2014 às 16:29

    Revendo e revendo…Não atire, eu me rendo!!!!! A todas…

  147. Joaquim Francisco R.M. da Costa

    -

    13/04/2014 às 14:37

    Gostei das fotos e lembram as muitas mulheres que lutaram em várias guerras como combatentes regulares, como guerrilheiras atrás das linhas inimigas, como agentes de inteligência, como médicas e enfermeiras nos hospitais e em tantas outras funções militares.

  148. Compíuta

    -

    03/04/2014 às 15:27

    Estes são os que não estão contaminados com mulheres; porque são virgens.

    Apocalipse 14:4

  149. P contra a patrulha

    -

    28/03/2014 às 17:58

    Infelizmente a primeira agressão que um combatente inimigo pensa contra uma mulher combatente (ou não), bonita (ou não) é o estupro. Alguns homens foram sodomizados pelo exército oponente como forma de tortura, humilhação, etc. A violência sexual em guerras é documentada. A mulher que vai para a frente de batalha não deve esperar tratamento digno do inimigo, o que ela espera é que seus colegas e compatriotas a tratem com respeito e dignidade e é esse o problema: muitas vezes a decepção acontece de maneira dramática. O exército israelense tem tradição de mulheres lutando nas frentes desde antes da segunda guerra mundial, nos enfrentamentos para proteção das fazendas e vilarejos de maioria judaica com as valorosas mulheres da Haganah.http://jwa.org/encyclopedia/article/haganahAcho que o alistamento pode ser obrigatório para todos, porém centrado no treinamento da população para auto-proteção, preparação e mobilização em caso de emergências, o que corresponderia a uma espécie de serviço civil obrigatório. O brasileiro é um ignorante de técnicas básicas de sobrevivência, não sabe socorrer o próximo e nem a si mesmo e espera a todo momento o socorro do Estado. As forças armadas teriam o glorioso papel de preparar o civil para “se virar”, e a carreira militar poderia ser para aqueles que realmente tem o pendor para o serviço.

  150. Celso do Lago Paiva

    -

    23/03/2014 às 11:12

    O próximo passo é o alistamento militar obrigatório também para mulheres, por igualdade de direitos e de deveres,
    ou torná-lo facultativo para todos
    (o que seria infinitamente melhor).

  151. Bennito

    -

    22/03/2014 às 11:43

    O bom de haver mulheres na guerra é que você pode levar o prêmio ou ser torturado por uma dessas apetitosas belas!

  152. jailton silva santos

    -

    19/03/2014 às 10:17

    Parabens pra essas lindas mulheres destemidas,que não medem esforços.Realmente,Elas são totalmente formosas àvista,como diz a Bíblia,o ser mais especial e delicado sobre a face da terra:´´A Mulher“

  153. Compíuta

    -

    11/03/2014 às 9:50

    14 E indignou-se Moisés grandemente contra os oficiais do exército, capitães dos milhares e capitães das centenas, que vinham do serviço da guerra.
    15 E Moisés disse-lhes: Deixastes viver todas as mulheres?

  154. Caramba, o senhor trocou a foto...

    -

    10/03/2014 às 12:15

    -
    A beleza SÉRVIA me seduz… a da INDONÉSIA é maravilhosa… o importnae é que o senhor tem bom gosto, e o principal. GOSTA DE MULHERES… tem muita gente que não é chegada, k k k

  155. Carlos Adriano

    -

    09/03/2014 às 5:04

    AS mais belas :

    Finlândia,Coreia do Sul, noruega,Indonésia,
    Reino Unido.

  156. Bruno Sampaio

    -

    07/03/2014 às 21:41

    A finlandesa e a norueguesa poderiam me prender sem a menor resistência.

  157. Falcão

    -

    07/03/2014 às 19:32

    com essas gatas eu ficava dez anos na guerra.

  158. Paulo

    -

    07/03/2014 às 16:47

    Fecha os olhos e pega a primeira que passar. Não tem erro !!!

  159. juscelino

    -

    07/03/2014 às 14:50

    só faltou as fotos das meninas do batalhão do lulllla: a iriny, a idely, e a gracinha foster…

  160. Carlos Alberto Marques

    -

    06/03/2014 às 22:30

    São lindas

  161. luiz c luz

    -

    23/02/2014 às 18:39

    muito legal de se ver as mulheres defendendo os seus paizes

  162. Fransérgio

    -

    22/02/2014 às 15:43

    Essa morena me “Sérvia”…

  163. Rodrigo

    -

    21/02/2014 às 22:01

    Nossa, me apaixonei pela menina da Finlândia. Se eu sou do exército inimigo me renderia ou preferiria a morte que atirar numa beldade dessas. Ia desertar para o lado dela…

  164. Compíuta

    -

    20/02/2014 às 9:22

    Viram os filhos de Deus que as filhas dos homens eram formosas; e tomaram para si mulheres de todas as que escolheram.
    Gênesis 6:2

  165. renato

    -

    16/02/2014 às 16:10

    tirem os olhos, porque eu vi primeiro! srrsrs

  166. Vamiris

    -

    13/02/2014 às 20:37

    LIndas

  167. BILA

    -

    10/02/2014 às 16:54

    Até eu ia prA guerra

  168. Roger

    -

    07/02/2014 às 16:09

    Ahh se eu pudesse voltar a ser Instrutor !
    O Marino seu malandro zoiudo , sabe de tudo , mas quem foi não se esconder , sem comentários , kkkkk !!!!

  169. Rui Reis Santana dos Santos

    -

    06/02/2014 às 13:01

    Tudo pela farda !

  170. Erik

    -

    06/02/2014 às 8:53

    Serviço militar obrigatório é a coisa mais atrazada que pode existir, deixem as pessoas escolherem para si próprias.
    Realmente as mulheres na maioria das FAA do mundo e Brasil desempenham funções auxiliares, e no Brasil as FAA inteiras estão praticamente relegadas a quartel ou escritório, inclusive uma marinha que não navega e um força aérea que não voa.

  171. ronaldo

    -

    03/02/2014 às 15:11

    A coreana eh tao bonita que nem parece soldada …hehe

  172. Mario

    -

    03/02/2014 às 1:44

    A da SERVIA é muito linda…

  173. MARINO

    -

    02/02/2014 às 21:41

    setti
    vou te confidençiar

    A Tenente Aviador brasileira é minha vizinha, sem comentarios para não invadir privacidades ok!!!!!!

  174. Bryan

    -

    01/02/2014 às 9:29

    Embora seja admitida a inclusão de mulheres nas Forças Armadas no mundo afora, elas não entram diretamente no campo de batalha, basta observar o que aconteceu nos últimos anos com as mulheres no Exército, Marinha e Força Aérea dos EUA. Até onde li na imprensa internacional e pátria, as mulheres apenas participavam em comboios ou grupos grandes, mas não chegavam a confrontar e sim fazendo mais atividade interna. Segundo o que eu pude concluir, as mulheres no campo de batalha não apresentavam resistência adequada, tampouco, em caso de captura, seriam objetos de estupros e demais violências contra a mulher. É o que de fato a realidade nos conta: a mulher não está ainda preparada para encarar o campo de batalha. Acho que a forma de querer igualar o homem e a mulher é válida até certo ponto, mas não se muda a essência da mulher a ponto de transformar num homem.

  175. Antonio Carlos

    -

    30/01/2014 às 15:21

    Eu presto continência para a sérvia em primeiro plano! Muito gata.

  176. Antonio Carlos

    -

    30/01/2014 às 15:17

    Bárbara Santiago, servem ao Brasil e não a MB.

  177. Bárbara Santiago

    -

    28/01/2014 às 10:52

    Gente pelo amor de Deus né. Essa matéria foi feita para mostrar que hoje em dia as mulheres são tratadas com igualdade.Conheço grandes mulheres militares e que foram treinadas iguais homens. Sabem se defender ! Minha familia toda serve a marinha. Hoje em dia estuprador não liga se é homem ou mulher. pega o que estiver na reta!

  178. Renato Moro

    -

    25/01/2014 às 9:27

    Eu só acho que deveria existir no Brasil serviço militar obrigatório também para as mulheres. Se elas podem entrar nas forças armadas como profissionais, eu eu acho que podem, também são capazes de entrar como reservistas.

  179. Samuel

    -

    23/01/2014 às 17:35

    No feriado nacional, elas deveriam desfilar em passarelas, não na rua, tão lindinhas que são.

  180. Rosi

    -

    23/01/2014 às 17:12

    adorei as fotos eu também vou fazer part delas meu sonho

  181. Eduardo

    -

    23/01/2014 às 3:50

    Na guerra qualquer buraco é trincheira! disse-me um amigo certa vez (falando de mulher feia rs), mas aqui não é o caso (tirando algumas) belas soldadas amadas ou não…

  182. FÁBIO CARDIM

    -

    22/01/2014 às 9:58

    Setti, a coreana e a servia… hummmm que princesas! Vencem o inimigo pela indução a falta de ar! Umas tetéias!

  183. Tiago Moreira da Silveira

    -

    22/01/2014 às 0:11

    Outro comentário, primeiro um ***** de um padre, segundo de uma **** com perfil de feminista. Livia Torres, existem mulheres feias, existem homens feios, a feiura existe e aceite isso. A matéria quis passar a beleza feminina – que existe – mista com o poder que elas exercem hoje, coisa de mídia.

    Outra coisa, Livia Torres, nenhum homem acha a vó surda da praça é nossa feia por causa da propaganda, mas sim porque é, tá? Beleza é beleza e ponto final.

  184. Tiago Moreira da Silveira

    -

    22/01/2014 às 0:06

    Comentários como esse do Padre Antony me irritam. **** ***** ***** **** **** ***

    Olha, eu não acho que elas sirvam na frente de batalha corpo a corpo, pelo bem delas acho que preservá-las na área de inteligência, piloto de caças, até mesmo de navios e entre outros, essas áreas que não dependa de força física, mas sim de inteligência. Mulher eu sei que é inteligente igualmente, mas fisicamente elas são menos rápidas e menos fortes.

    Eu acho que elas se dariam bem como médicas, espiãs, pilotos de caças, tanques e etc, ficariam mais na inteligência e nas máquinas.

    Coloquei asteriscos nas ofensas e xingamentos feitos a um comentarista, mas será a primeira e última vez, Tiago.
    Críticas, aqui, aceitam-se à vontade.
    Baixarias, ofensas e xingamentos, não.
    Da próxima vez, comentário assim irá para o lixo.

  185. Padre Antony

    -

    17/01/2014 às 10:50

    vejam um documentario americano que fala dos abusos que as mulheres sofrem nas forças armadas.Isso é uma ilusão do mundo pós moderno. Mulher tem que cuidar da família e da cozinha

  186. Rafael Santan Marques

    -

    15/01/2014 às 16:15

    acho muito bom i até bonito, ver uma mulher de farda e cada vez mas independente! parabens a todas as mulheres por esta conquista!!!

  187. Ricardo Luiz Cabral Lopes

    -

    10/01/2014 às 17:02

    As mulheres deram um toque de inteligência e classe as forças armadas brasileiras. Sou praça de 1978 e em 1983 as mulheres ingressaram nas forças armadas. Hoje ocupam cargos de grande responsabilidade, embora os salários não seja capaz de mantê-las nas fileiras da ativa, muitas saem em busca de uma remuneração mais justa para suas responsabilidades. Desde médicas a pilotos meus parabéns as mulheres.

  188. JOSÉ CARLOS WERNECK

    -

    10/01/2014 às 14:40

    Que time belíssimo!Mas continuo sonhando com um Mundo com muita Paz e Amor!E que essas moças ajudem isso a se tornar realidade.

  189. Fernanda Victória

    -

    08/01/2014 às 9:03

    È um absurdo o que acontecem com as mulheres lá dentro, isso deve mudar, elas não devem se abusadas deste jeito, por ser mulher eles pensam que elas são mais frágeis e por isso usam e abusam delas?? Quando isso irá acabar? E as pessoas só olham e não fazem nada para mudar, isso por quê o que aparece na mídia é apenas 10% dos casos, quantas não sofrem mais ainda sim aguentam firme pelo sonho de ser guerreira e servir ao seu país.

  190. Cesar Augusto Pinto Pereira

    -

    07/01/2014 às 23:28

    As suecas……… aaaaaa meu Deus

  191. carla

    -

    02/01/2014 às 18:12

    Nossa parabéns para essas mulheres,além de ser muito trabalhadoras guerreira,eu admiro muito essa carreira militar.
    e eu vou conquistar o meu espaço também na carreira militar.

  192. Arnaldo

    -

    30/12/2013 às 15:09

    cada dia mais as mulheres desempenham seu papel com mais perfeição, muitas das vezes fazem com melhor perfeição ,parabéns to todas as mulheres do mundo

  193. Guilherme

    -

    23/12/2013 às 10:45

    finlandia noruega reino unido republica checa e austria, que coisinhas mais lindas!

  194. Álvaro de Almeida

    -

    15/12/2013 às 10:54

    O comentário de nº206 foi sobre a bolha inflacionária que li em um artigo recente. AGORA, sobre as beldades das forças armadas, estas sim, são fantásticas, incríveis, mas é uma pena que estão tão longe, algumas, e outras ficam ocultas em nosso país. Quem dera se pudessemos ter o comando de nossas forças armadas nas mãos das mulheres. As guerras seriam outras e, talvez, digo, talvez, nem conflito haveria, mas sim, competições saudáveis, mostrando toda a beleza de cada país e suas beldades femininas, as quais iriam “matar” os marmanjos, principalmente, casados, porque nós, os solteiros, seríamos facilmente alvos das “balas disparadas pelas armas femininas.” ehehehe.

  195. Álvaro de Almeida

    -

    15/12/2013 às 10:48

    Fiquei perplexo com as comparações e vejo que nós (alguns espertalhões do povo brasileiro e os incautos, aqueles que querem enriquecer rápido, “caindo na conversa dos atravessadores”, fixam o preço de seu imóvel sem qualquer critério técnico e sem observar a localidade do mesmo.).

  196. micelo

    -

    14/12/2013 às 17:52

    Woow, i want go war with Finland, Norway and Sweden. xD

  197. Idelson

    -

    11/12/2013 às 12:08

    Partiu Sérvia!

  198. Leonardo

    -

    09/12/2013 às 16:04

    Muito lindas, porém não se ganha uma guerra com beleza!

  199. Livia Torres

    -

    08/12/2013 às 18:54

    Retificando: não me pronunciei de maneira correta. Não, não acho mulheres negras, gordas e com espinhas feias. Acho normal e natural. A designação feia é aquela atribuída pela mídia que quer vender mais e mais produtos/dietas/remédios as mulheres.

  200. Livia Torres

    -

    08/12/2013 às 18:52

    Não há uma negra; uma gorda; uma com espinhas… fobia de feiura ou vocês querem naturalizar uma beleza impossivel (ou minimamente dificil de ser alcançada)?

    Inacreditável suas observações, especialmente partindo de uma mulher: quer dizer que mulher negra, por definição, é FEIA? Você sabia que isso é RACISMO?

    Mulher que você chama de “gorda” é, por ter peso a mais, FEIA?

    Barbaridade… E ainda entra no blog para criticar…

  201. luiz carlos da cunha

    -

    08/12/2013 às 7:22

    em uma batalha ou confronto, devemos atirar e matar mulheres “soldados” inimigas? é só olhar as carinhas aí de cima, e elas nos matariam? fica a interrogação

  202. Rob

    -

    08/12/2013 às 3:50

    Mulheres deveriam ficar no setor de inteligencia do exercito,acho q seriam mais aproveitadas,mas isso nao quer dizer q elas nao possam servir na infantaria ou em qualquer outra area.

  203. jonas klein

    -

    05/12/2013 às 20:58

    As mais lindas pra min são a finlandesa e a norueguesa, elas pelo menos de rosto são nota dez.

  204. Paulo Cesar

    -

    05/12/2013 às 18:15

    As mulheres podem até ser bonitas; a guerra, por qualquer motivo, nunca é bela.

  205. Giulia

    -

    04/12/2013 às 15:06

    É por essas e outras que tem tanto assédio e estupro, quase ninguém reconheceu a coragem dessas meninas, nao só a de ir pra guerras e dar suas vidas ao ”país”, mas também a de viver em um ambiente onde podem ser estupradas e assediadas a qualquer momento, só vi o pessoal comentando qual era a mais linda e ignorando completamente os dados mostrados no texto.

  206. rafael

    -

    03/12/2013 às 17:09

    são lindas

  207. Paulo Anjos

    -

    01/12/2013 às 11:49

    Guerra é lugar de homens estúpidos e essas gatas não combinam com um cenário de caos. Que tal se concentrarem em áreas mais afins com o belo sexo como culinária, prendas caseiras e educação dos filhos?

  208. ARI

    -

    01/12/2013 às 0:32

    Todas são lindas e guerreiras mas essas: da Grécia, do Reino Unido e da República Checa são umas gracinhas fiquei completamente apaixonado. Ainda mais essa da Grécia. Tem uma gatinha aqui em minha cidade que tem traços bem parecidos com o dela. Amei-a.

  209. Francisco

    -

    30/11/2013 às 18:03

    Nossa essa Loirinha da Finlândia e uma verdadeira delicia

  210. Carlos Guimaraes

    -

    29/11/2013 às 22:43

    Amei as Israelenses! guerreiras fantasticas e destemidas.

  211. Herbert

    -

    26/11/2013 às 1:58

    Nossa… sem comentários! Alguém sabe como faço para me alistar no exercito da Finlândia? rsrs

  212. Juninho

    -

    25/11/2013 às 18:26

    éh coincidência ou a norte-americana éh a mais bem armada? aaaaah detalhes
    kkkkkkkkkk

  213. Leonardo

    -

    25/11/2013 às 9:55

    Qual seria a razão para o autor dizer que mulher fazendo guerra é uma conquista?

  214. Osvaldo Aires Bade Comentários Bem Roubados na "Socialização" - Estou entre os 80 milhões

    -

    20/11/2013 às 3:51

  215. Marcelo

    -

    18/11/2013 às 19:07

    Essa da terceira foto me deixou encantado. Amo asiáticas. Esses olhinhos puxados…

  216. jair sergio de moraes

    -

    17/11/2013 às 16:13

    A duvida fica, qual delas enfrentar numa batalha corpo a corpo?

  217. Andre dedé

    -

    14/11/2013 às 15:52

    Sou militar e tenho certeza que em breve as mulheres estarão na linha de frente da infantaria e em cargos de comandos de unidades e grandes unidades, mas para isso as forças armadas precisam melhorar muito suas estruturas físicas para poder ter essas mulheres no meio da tropa e além disso deve estar preparado para punir com rigor praças e oficiais que fizerem algo contra mulhures

  218. joao augusto

    -

    10/11/2013 às 16:59

    eu pensava que o nepal nao tinha exercito

  219. Renato

    -

    31/10/2013 às 15:14

    Relativo aos dados divulgados não acho uma conquista exércitos permitirem mulheres servirem.

  220. nilson schmeisck

    -

    29/10/2013 às 21:02

    São todas, sem dúvida, mulheres lindas, e corajosas… a serviço de seus Países…

  221. jorge m. l. vicente

    -

    29/10/2013 às 13:13

    TODAS sáo lindas, eu assim não me importava de ter uma recruta ou um treino difícil, gostaria de uma companhia assim até em combate, ficava até com as turcas.

  222. Fernando Boldo

    -

    29/10/2013 às 12:05

    elas são mais frágeis que os homens sim. Quem diz o contrário, e no mínimo, desinformado.

  223. Fernando Boldo

    -

    29/10/2013 às 11:59

    Embuste é fácil. quero ver fazer igual.

  224. jean sizenando

    -

    24/10/2013 às 12:35

    só pagam embuste

  225. denise araujo

    -

    21/10/2013 às 19:48

    Lindas!! não sei quem disse que não há mulheres mais bonitas que as brasileiras… me desculpe, discordo totalmente. Há mulheres lindas em alguns países!

  226. Pedro de`Paula Santos Junior

    -

    21/10/2013 às 4:25

    Espero que isso jamais aconteça, mas alguém pensou na hipótese de estupro das prisioneiras de guerra que tiverem o azar de ser capturadas?

  227. Paulo F

    -

    19/10/2013 às 0:34

    O mundo esta’ ficando louco. Depois as feministas americanas fazem filminhos reclamando dos estupros dentro das forças armadas e dizem não entender por que !!??
    As pessoas perderam a noção da natureza das coisas …

  228. celio

    -

    16/10/2013 às 9:31

    só belezas raras.cara , são todas lindonas!!!!hehehe!!!!

  229. gatobaiano

    -

    14/10/2013 às 12:31

    que que isssoooooo

  230. alaine santo rodrigues

    -

    13/10/2013 às 14:36

    muito lindas e acho que ser milita é muito bom pra o pais todo

  231. Andre

    -

    12/10/2013 às 9:26

    Como militar da reserva, que vivenciou a chegada das mulhereres às FFAA, digo que, por mais propaganda politicamente correta que haja, nós, homens, nem sequer conseguíamos imaginar nossas colegas femininas suportanto o barulho de um único tiro de fuzil numa situação real de combate. E dávamos muitas risadas pensando no que fariam quando vissem a cabeça da coleguinha ao lado ser arrancada por uma metralhadora. Ou meia dúzia das outras virarem carne moída com a explosão de uma
    granada.

  232. Adriano

    -

    10/10/2013 às 17:16

    Lembrei agora de um comentário que fazia com uns amigos em mesa de bar em tom de brincadeira: Mulher é que nem índio… se ela se pintar é porque quer guerra!!!

  233. Santana*100

    -

    10/10/2013 às 17:10

    Amanda – 08/10/2013 às 21:20
    “Não acredito que deveria ser exigido serviço militar obrigatório nem para mulheres e nem para homens. Muito mais simples seria se o brasileiro pudesse escolher servir á pátria, votar entre outras coisas. Mas tudo começa na base, a educação deixa muito a desejar, logo temos votantes com educação deficiente e cidadãos que não escolheriam ir para o exército simplesmente por não terem condições, informções ou não querer. Mas estamos no Brasil, onde os políticos necessitam do voto do ignorante e não educa as pessoas para ter autonomia suficiente para fazer as escolhas na vida, assim fica relativamente fácil controlar a população.”
    #######
    Cara senhora, o alistamento militar obrigatório é comum em vários exércitos do mundo.

  234. Amanda

    -

    08/10/2013 às 21:20

    Não acredito que deveria ser exigido serviço militar obrigatório nem para mulheres e nem para homens. Muito mais simples seria se o brasileiro pudesse escolher servir á pátria, votar entre outras coisas. Mas tudo começa na base, a educação deixa muito a desejar, logo temos votantes com educação deficiente e cidadãos que não escolheriam ir para o exército simplesmente por não terem condições, informções ou não querer. Mas estamos no Brasil, onde os políticos necessitam do voto do ignorante e não educa as pessoas para ter autonomia suficiente para fazer as escolhas na vida, assim fica relativamente fácil controlar a população.

  235. Flávia dos santos

    -

    07/10/2013 às 15:47

    eu gostei muito, pois quero fazer parte dessas mulheres que lutam pelo seu pais….

  236. Clabitt

    -

    06/10/2013 às 22:48

    Não publico comentários mentirosos, ofensivos e calhordas como o seu, que deletei.

  237. ANDRADE

    -

    06/10/2013 às 14:38

    Como venho lembrando incansavelmente aos amigos do blog, as regras para publicação de comentários, em nome da boa legibilidade e da atenção para com os demais leitores, vedam a publicação de textos escritos somente em maiúsculas.
    Consulte as regras, se quiser, no link http://goo.gl/u3JHm
    Conto com sua cooperação da próxima vez.
    Obrigado desde já

  238. Eduardo

    -

    02/10/2013 às 19:09

    A Sueca tem cara de atriz porno… viva o Buttman!!!

  239. jamile ires

    -

    02/10/2013 às 11:45

    Me vejo vestida nessas fardas..
    amo de mas

  240. George Sillas

    -

    30/09/2013 às 12:49

    Cadê as gatinhas da Koreia do Norte???????? Isso é preconceito,……Onde estão as chinesas lindas?????????

  241. Edinaldo

    -

    29/09/2013 às 21:14

    Tirando as militares do Irã todas são maravilhosas, as da Sérvia são um pouco metidas, mas também são bonitas. As três mais lindas na minha opinião são: A da Indonésia, As de Israel e a da República Checa. A da Suécia parece a Barbie camuflada e a da Finlândia para uma atriz pornô.

  242. Rodrigo Ribeiro

    -

    29/09/2013 às 1:20

    Mulher e guerra não combinam, desde sempre.

  243. andre

    -

    28/09/2013 às 9:48

    lindas! Que elas jamais possam ir guerrar.

  244. S. Lincoln

    -

    25/09/2013 às 19:55

    Os movimentos feministas brasileiros deveriam reivindicar o serviço militar obrigatório para todas as brasileiras…

  245. Altamir Gomes Bispo Junior

    -

    25/09/2013 às 15:56

    Os problemas não acabarão e, partilho da mesma opinião do estrategista Martin Van Creveld. A presença de mulheres na tropa é sinônimo de maiores problemas para elas mesmas e para a coletividade. Para dizer o mínimo, combatentes homens sob estresse são muito mais propensos a cometer estupro e a produção de testosterona lhes confere ampla capacidade de ganho de massa muscular e uma fúria mortífera para arrebentar ao meio tudo o que vier pela frente, literalmente. Os homens possuem características muito diferenciadas nesse sentido as quais batem de frente com o desejo dessas mulheres de servir nas Forças Armadas.

    Além do mais, a visão de uma mulher mutilada ou retalhada por artefatos de guerra é algo depressivo na sua pior forma.

  246. Orlando Catanduva

    -

    24/09/2013 às 13:32

    Se elas quiserem me fazer seu prisioneiro de guerra, estou à disposição…

  247. RONILDO RODRIGUES DA SILVA

    -

    24/09/2013 às 1:53

    Amei, apoio todas vocês; tenho 46 anos reservista veteranos das fileiras do exercito brasileiro, é lindo ver mulheres mostrado que se os marmanjos não defender a população vocês tem meu apoio Foxtroty. QSL.Um abraço a todas, amei, Ronildo Rodrigues da Silva

  248. Sebastiao

    -

    23/09/2013 às 19:31

    Belissimas

  249. Dom Flori Spectrum

    -

    18/09/2013 às 20:06

    Verdadeira matadoras …de saias fardadas.Começam a matar pela beleza que é fatal e mortal. Soldadas são para matar mesmo.

  250. George Candido Pinto Costa

    -

    17/09/2013 às 22:16

    Isto mostra que as mulheres não são sexo fragil, mas infelizmente existe sim preconceito, em relação a cargos de patentes.Mas isto não deve abalar a moral delas.isto mostra que elas são competentes.Meus parabens a todas elas.Selva.

  251. UZERLANDIO PASSOS DE CARVALHO

    -

    17/09/2013 às 13:46

    Nao acredito que haja preconceito com relacao as mulheres, o que existe e desigualdade entre elas e os homens, para as militares do sexo feminino as coisas boas do militarismo e para os homens o outro lado. Na Marinha brasileira, por exemplo, as mulheres nao embarcam em navios, principalmente nos navios da esquadra, dificilmente dao plantao a noite e nos feriados finais de semana, (exceto as militares do ramo de saude) etc. Sao essas e outras desigualdades que nao sao aceita por muitos militares do sexo masculino.militares.

  252. RUBEM

    -

    15/09/2013 às 12:19

    SÓ ESTRELAS… Foi Deus que fez.

  253. Carlos Eduardo

    -

    12/09/2013 às 16:14

    A dos EUA (LEE) é a melhor para mim!

  254. A.S.M

    -

    09/09/2013 às 11:24

    Tenho 24 anos sou pernanbucana. Fico muito feliz en saber que tem todas essas mulheres servindo a carreira militar e que podem progredir mas e mas. Feliz tanbem porque eu estou dando os meus primeiros passos para engreçar na carreira militar e se Deus quize vai dar tudo certo.

  255. jogamos no msmo time - MULHERES LINDAS!!!!

    -

    04/09/2013 às 11:49

    essa ( Sérvia) da chamada do post é demais… gostei, também da Grécia….

  256. isaias

    -

    30/08/2013 às 13:05

    o meu sonho é ser um deles mas como deus é maio eu vouparticipar

  257. Santos

    -

    28/08/2013 às 16:46

    Se precisar de algumas fotos, tenho amigas lindérrimas!! parabéns pelo trabalho e pelo VALOR que tens dado a elas! Guerreiras em avançar em todos os aspectos e principalmente essa sociedade machista.

  258. Santos

    -

    28/08/2013 às 16:44

    é porque vc não conhece as Brasileiras do Paraná

  259. Tolugo

    -

    27/08/2013 às 15:09

    Belas e mortais!

  260. MELHER: COISA LINDA

    -

    27/08/2013 às 14:11

    -
    a do Brasil, embora bonita, deixou a desejar ( ntalvez a foto nao ficou boa… ) … tem coisa muito melhor….. MULHER É SEMPRE MULHER, COM FARDA OU SEM ELA…… PARABÉNS E CONTINUA COLOCANDO ESSAS MARAVILAHS DA NATRUEZA NO SEU BLOGCOISA LINDA!!!!!!!!!!!!!!!

  261. Charles A.

    -

    23/08/2013 às 22:12

    É uma grande evolução!Logo estaremos morando em cavernas e fazendo fogo atritando pedras!

  262. Ricardo Rodrigues

    -

    23/08/2013 às 17:40

    É,realmente são belas soldadas,e com as armas da beleza e da sedução, não tem inimigo que resista!Mas, e quanto aos canhões ,hein,Setti?.

  263. L.A.S

    -

    23/08/2013 às 16:22

    Me sinto orgulhosa de fazer parte dessa minoria de mulheres que servem ao exercito.
    Um prazer, um orgulho!
    Ex-soldada do Army of Israel.

  264. RVQ

    -

    21/08/2013 às 17:49

    Essas meninas ganham qualquer GUERRA.

  265. Paulo

    -

    20/08/2013 às 13:54

    Eita que eu entrei pra Marinha errada!

  266. Ronaldo Barra

    -

    15/08/2013 às 14:54

    Serve também de fetiche. Já pensou vc quebrar a autoridade dessas meninas dizendo: filha tire a farda! É coisa de louco.

  267. otinael amorim tito

    -

    11/08/2013 às 10:16

    gostei meu irmao e disso que brasil precisa desse jeito ate eu ja entrava numa guerra quanto mas eu olhace mas criaria coragem para luta eu ao lado delas nao teria medo de nada sor ia fala ne der cubertura estou ferido precisso de ajuda
    amo voces

  268. YOSHIRO KISHATO

    -

    10/08/2013 às 10:44

    Beleza e sensualidade à parte, quando o assunto é GUERRA as mulheres já mostraram que podem ser excelentes guerreiras. Ao longo dos anos, a História tem demonstrado isso. A título de exemplos: na época de Nero,uma rainha celta (Bretanha) causou várias derrotas aos romanos antes de morrer em combate; Joana D’arc (França),comandou com valentia os franceses na guerra contra os ingleses; Maria Quitéria (Brasil) e Anita Garibaldi (Brasil e Itália) sao outros dois exemplos da valentia dessas amazonas.

  269. YOSHIRO KISHATO

    -

    06/08/2013 às 11:21

    Cadê as gatas da Rússia, da China e da Coréia do Norte?
    Isso é uma nova guerra fria?

  270. ales

    -

    04/08/2013 às 10:26

    Tenho sérias restrições ao uso de mulheres em guerras. O governo americano tem estudos sobre o comportamento do homem no campo de batalha, quando tem uma mulher ao lado. O homem tende a proteger a mulher, em vez de enfrentar o inimigo. Há um desvio de foco do soldado homem. E é instintivo. Mas…como “a mulher faz tudo que o homem faz”…fazer o que, não é mesmo?

  271. Santana*100

    -

    02/08/2013 às 22:55

    Santana*100 – 02/08/2013 às 22:43
    Correção: “Caneta marcadoR”.

  272. Santana*100

    -

    02/08/2013 às 22:51

    Ferreira Felipe – 31/07/2013 às 17:04
    “Preconceito?! sempre vai haver… porque são diferentes… qual a diferença entre um homem e uma mulher? porém nada impede que ambos façam um mesmo trabalho!!!”
    #######
    Ferreira Felipe, você disse: Façam o mesmo trabalho.
    Quero ver uma mulher engravidar um homem!
    - Brincadeira Ferreira só pra descontrair!

  273. Santana*100

    -

    02/08/2013 às 22:43

    Lee, a garota americana está marcando com uma “caneta marcado” a massa de mira do seu M16! É sinal de que ela não quer errar o tiro.

  274. Ferreira Felipe

    -

    31/07/2013 às 17:04

    Preconceito?! sempre vai haver… porque são diferentes… qual a diferença entre um homem e uma mulher? porém nada impede que ambos façam um mesmo trabalho!!!

  275. Irineu

    -

    30/07/2013 às 23:11

    Fazem lembrar- me, uma linda soldado israelense ostentando uma arrogante metralhadora no Damascus Gate em Jerusalém.

  276. Henrique

    -

    30/07/2013 às 16:33

    Essas guerreiras da Turquia bem que poderiam me capturar…

  277. Wesley

    -

    27/07/2013 às 0:23

    Respondo sua pergunta: nos EUA, há 203 mil mulheres nas Forças Armadas. Na Rússia, o governo não divulga dados, mas calcula-se que entre 120 a 160 mil mulheres.
    Não publico sua pergunta porque sou coerente: como venho lembrando incansavelmente para os amigos do blog, as regras para publicação de comentários — que têm chamada permanente na home page para que possam ser consultadas — vedam a publicação de textos escritos somente em maiúsculas.
    Conto com sua cooperação da próxima vez.
    Obrigado desde já

  278. Wesley

    -

    27/07/2013 às 0:17

    Como venho lembrando incansavelmente para os amigos do blog, as regras para publicação de comentários — que têm chamada permanente na home page para que possam ser consultadas — vedam a publicação de textos escritos somente em maiúsculas.
    Conto com sua cooperação da próxima vez.
    Obrigado desde já

  279. JDavid

    -

    26/07/2013 às 23:36

    Vejam que interessante! Os jornais impressos se desmancham no ar; A revista Veja impressa, permanece à “frente e avante”! Os remanescentes dos jornais impressos começam a bloquear seus sites, para não serem lidos sem pagar. A Veja lança um site, na minha opinião, sensacional, bom de se ler, informativo, atualizado e super multimidiático e continuam a editar uma revista impressa de imenso sucesso. Tenho medo de elogiar a imprensa brasileira. Mas, parabéns pelo site. Leio mais de vinte jornais (on line)do mundo e nenhum bloqueia a leitura. Alguém poderia explicar isto. JDavid

  280. Zé Reinaldo

    -

    25/07/2013 às 10:10

    Incrível como mesmo usando os pesados uniformes militares,as mulheres conseguem transmitir leveza e sensualidade!!!Independente da profissão que exerção são verdadeiras guerreiras.

  281. pereira vicente (angola)

    -

    25/07/2013 às 9:10

    eu acho q está na hora ,de nos desarmar ,na luta do sexo ,estamos a ver que ser homem não é ter o sexo masculino e ser mulher não é ter sexo femenino.porque ha mulheres que tem muita mais actitud que muitos homens e há homens que são muito mais mulheres ,q muitas mulheres .por isso o importante é sermos todos humanos com beleza e capacidade construir um mundo melhor …. independentemente da sua imagem femenina ou masculina .(belas imagens)

  282. Santana*100

    -

    25/07/2013 às 1:54

    Royrogers – 24/07/2013 às 20:35
    “As da Finlandia, Noruega, Suécia e Reino Unido sao as mais lindas!! Se tomasse um tiro delas, morreria feliz da vida!”

    - Eu queria mesmo era captura-las. Guerra e Guerra.
    Santana*100

  283. Royrogers

    -

    24/07/2013 às 20:35

    As da Finlandia, Noruega, Suécia e Reino Unido sao as mais lindas!! Se tomasse um tiro delas, morreria feliz da vida!

    Aliás, depois de ver as soldados do Ira, comecei a entender porque eles querem tanto a bomba atômica…

  284. jto

    -

    24/07/2013 às 19:41

    se a presença das mulheres evitasse as guerras e outros conflitos, eu seria o primeiro a apoiar a presença delas. se este espírito belicoso do ser humano continuar do jeito que está, preferia ver as mulheres fora desta: a mulher é para gerar vidas humanas, não para suprimi-las.

  285. Alexandre Maevsky

    -

    24/07/2013 às 14:06

    Faltou as Russas.

  286. GEROLDO ZANON

    -

    24/07/2013 às 9:56

    Caro Geroldo, o comentário era ofensivo demais e foi deletado.
    Criticar sem ofender, é o que sempre peço aos amigos do blog.

  287. Jeremias-no-deserto

    -

    23/07/2013 às 21:27

    A da Finlândia é uma delícia. Rendo-me a ela e já me considero preso.

  288. Luiz Pradines

    -

    23/07/2013 às 9:43

    Setti,

    Digno de nota é mencionar a primeira piloto de caça do Paquistão: Ayesha Farooq. Parabéns a esta moça e ao comando da Força Aérea do Paquistão, que venceram preconceitos para permitir que uma profissional mostrasse o seu valor e competência.

  289. Santana*100

    -

    22/07/2013 às 23:10

    Robson – 20/07/2013 às 13:02h
    “Conquista? “War is Hell”.”

    Francisco – 19/07/2013 às 18:07h
    “Isto é uma conquista? O direito de matar e de ser morto? Vade retro!”

    Robson e Francisco, Bastante pertinentes suas observações!
    - Neste particular não existe CONQUISTA nenhuma.
    Santana*100

  290. Robson

    -

    20/07/2013 às 13:02

    Conquista? “War is Hell”.

  291. francisco

    -

    19/07/2013 às 18:07

    Isto é uma conquista? O direito de matar e de ser morto? Vade retro!

  292. Fjcristal

    -

    16/07/2013 às 22:30

    E se cairem nas maos do inimigo?

  293. Maurício Oliva

    -

    16/07/2013 às 12:53

    Coreia do Sul, uma boneca. Brasil, Indonésia, Rep.Checa, Grécia, toda essa juventude a serviço da pátria. Mas sem sabres, sem pólvora, sem sangue, por favor! Guerra significa sofrimento e destruição, quando o mundo precisa de segurança e paz. Nas armas existem, sim, inúmeras funções apropriadas a essas beldades, sem torná-las rudes.

  294. Wander Gomes

    -

    15/07/2013 às 21:16

    Não sou machista, não sou misógino. Nas empresa que trabalho tem mulheres que cumprem suas funções brilhantemente. Em todas as áreas de trabalho sou a favor de mulheres, com exceção em trabalho armado como policial ou soldado.
    Imagine umas cinco mulheres sozinhas sem apoio masculino subindo o morro do Borel para combater traficantes. É impensável. As mulheres nessa área são mais firula, marketing até. Graça com dinheiro público sem resultado real.
    De vez em quando a TV mostra elas em operações mas sempre junto com homens que ficam babando elas, protegendo.
    Outra exceção também são as mulheres israelenses. Essas sim, tem coragem e competência para executar uma tarefa dessas. Mas são as únicas.

  295. Otávio Campos

    -

    15/07/2013 às 20:09

    Que pecado. Um festival de gatas pegando em armas!

  296. Jose Serafim Barbosa Reis

    -

    13/07/2013 às 19:40

    Essas delícias deveria esta em uma praia sendo feliz aproveitando a vida mais não pega armas e acha que estão defendendo alguma coisa quando na verdade estão vegetando sendo tratadas como animais irracionais na hora que levar um tiro perde a vida e na hora que der um tiro em alguém perde a liberdade é assim que funciona a sociedade os políticos não educam para levar o povo para guerra um povo tolos que dormiram na fabula de cristo e todos que dormiram em cristo estão perdidos (I Coríntios 15:18).
    Gálatas 2 :21 se a justiça vem mediante a lei, logo Cristo morreu em vão.
    Atos 25:19 um tal Jesus defunto, que Paulo afirmava estar vivo.
    Marcos 8:36 Pois que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua vida?

  297. Jose Serafim Barbosa Reis

    -

    13/07/2013 às 19:28

    Critique sem ofender. Não publico ofensas contra o papa ou quem quer que seja. Seu comentário, além do mais, era incompreensível.

  298. Leila de miranda santos

    -

    10/07/2013 às 21:56

    Meu sonho er um diapoder me vesti a sim…… …er honrra o brasil,,,,,m,,fica ai meu sonho,,,

  299. Helio

    -

    05/07/2013 às 23:10

    Nossaaaaaaaaaaa, achei a brasileira e a austríaca maior gata.

  300. Marcos

    -

    03/07/2013 às 15:15

    Quero que todas elas formem um batalhão me prendam e me mantenham incomunicável em uma ilha deserta

  301. Marco L.

    -

    03/07/2013 às 14:18

    Eu montaria meu exército desta forma:

    Coronel: eu; tenente-coronel: norueguesa; major: britânica; capitã: grega; 1ª tenente: checa; 2ª tenente: austríaca; suboficial: indonesia; sargento: coreana; cabo: brasileira; soldados: as israelenses. A sueca seria reenquadrada como secretária, sem tinta no rosto. As demais seriam dispensadas por excesso de contingente.

  302. João

    -

    03/07/2013 às 8:08

    As islamicas são as mais feias…que povo esquisito!

  303. Paulo Humberto

    -

    02/07/2013 às 20:20

    Eu dormiria tranquilo se as forças armada brasileira fossem só de mulheres…VIVA AS MULHERES!!!

  304. 100destino

    -

    02/07/2013 às 16:37

    Oba , agora eu quero ir pra guerra.

  305. Alexandre Lima

    -

    29/06/2013 às 12:36

    Todas lindas, cada uma com o seu tipo de beleza! Mas os olhinhos puxados das militares (ou militarAs?) da Indonésia e da Coréia dos Sul derrubam qualquer marmanjo!

  306. mauro Ferreira Alves

    -

    28/06/2013 às 22:00

    Acho válido,já que as mulheres querem competir em tudo com o homem, porque não o exército, para defender seu pais.

  307. Symon

    -

    27/06/2013 às 16:08

    Essa estória de estupro é uma falácia, vai mexer com uma guerreira de Israel para ver, fica sem as bolhas em menos de um minuto, ou alguém nunca ouviu falar em Krav Magá?

  308. Ezio

    -

    26/06/2013 às 0:53

    Já que tudo é uma maravilha, espero que o exército brasileiro amplie seu alistamento militar obrigatório a todas as jovens de 18 anos do sexo feminino.

  309. Quadros

    -

    25/06/2013 às 23:19

    Todas lindas, não gostaria de ver essas mulheres estraçalhadas com granadas ou amputadas com balas de alto teor destrutivo como são usados nas guerras, elas são feitas para embelezar o mundo e enfeitar nossas vidas. será que estou sendo romântico, não estou, apenas uma questão de ponto de vista.

  310. razumikhin

    -

    23/06/2013 às 17:37

    And the winner is … Greece!

  311. Tadeu Barros

    -

    22/06/2013 às 17:28

    Eliomar comenta:Isso nada mais é do que o avanço da tecnologia, atingindo também a guerra mas, faço ressalvas. A infantaria por exemplo ainda não é lugar para mulheres, dada a extrema exigência física e psicológica. Pilotar caças, artilharia, submarinos e outros lugares que evitem o corpo a corpo tudo bem. O infante além de guerreiro, é também um burro de carga, carregando dezenas de quilos de seu equipamento padrão.

  312. zz

    -

    21/06/2013 às 20:49

    Elas ficam bem de uniforme, mas lutar contra a natureza da guerra realmente é difícil: 1 – As mulheres não conseguem transportar homens feridos, 2 – O índice de ferimentos em treinamentos físicos é várias vezes maior entre as mulheres do que entre os homens. 3 – A maior causa de baixas entre mulheres nas guerras recentes dos EUA é a gravidez, que é usada como meio de fuga.

  313. Danilo

    -

    21/06/2013 às 11:41

    Elas merecem o direito que conquistarem com os próprios esforços, porém há muita mulher linda indo para a guerra é o que me deixa triste. =(

  314. Tadeu Polatto

    -

    18/06/2013 às 1:44

    As mais belas foram esquecidas… Onde estão as RUSSAS??

  315. Alaércio Flor

    -

    14/06/2013 às 10:41

    As mulheres estão cada vez mais conquistando espaços e mostrando que são mais competentes que os homens em muitas áreas tanto do conhecimento como da produção da vida material, e que as diferenças são apenas de natureza biológica…o que pesa é a força da inteligência e a beleza do ser competente e eficiente. Mulheres aqui e em qaulisquer partes do mundo sempre foram poderosas e estão se tornando cada vez mais.Vide exemplo da Rainha da Inglaterra, que reina e não governa,mas é uma imperadora nos quatro cantos do mundo. A princesa Isabel no Brasil, quando regente assinou a Lei Áurea, a Cleopatra no Egipto,a Michelle Obama, a presidenta Dilma Vana Rousseff,comandante em chefe das Forças Armadas do Brasil.Mulheres unidas jamais serão vencidas e ,sim,vencedoras sempre.Vivam as mulheres sejam ou não soldadas,abençoadas soldadas e guerreiras divinas…

  316. João Caetano

    -

    13/06/2013 às 19:16

    Seu comentário é grosseiro e obviamente não será publicado.

  317. GLADSTONE

    -

    12/06/2013 às 8:47

    Caro Gladstone, as regras para publicação de comentários no blog vedam textos escritos somente em maiúsculas. Conto com sua colaboração das próximas vezes.
    Abraços e obrigado.

  318. Santana*100

    -

    10/06/2013 às 16:33

    Obrigado. – Que a paz do Nosso Senhor Jesus Cristo esteja com o senhor e com todos os seus.

  319. Mendes

    -

    10/06/2013 às 7:21

    Caro Santana*100. Também peço desculpas se fui agressivo. Apenas lembro que é preciso cuidado ao fazer comparações com Hitler. Uma concordância pode virar discordância. Cordialmente.

  320. Santana*100

    -

    09/06/2013 às 21:31

    Caro senhor, em hipótese nenhuma desqualifique seu comentário. E só ler o que eu escrevi. Citei Hitler por ser o personagem mais importante da Segunda Guerra Mundial e não ter permitido que as mulheres alemãs fossem para guerra, mesmo quando solicitadas pelos seus generais. Isto é fato. Citei o Comunismo, poderia só ter comparado Hitler com Lenin. Sei que Lenin foi muito mais sanguinário de que ele. Na realidade o Comunismo foi e continua sendo (pois infelizmente ainda não acabou,) um dos piores regimes criados por nós Seres Humanos.
    - Não cabe aqui mais delonga sobe quem foi, ou, qual foi, o mais ou menos sanguinário.
    - Também não sou contra as mulheres se alistarem. No entanto, acho uma estupidez mandá-las para a Linha de Frente nas batalhas, não que não sejam capazes de cumprir suas tarefas com eficácia. As mulheres russas provaram serem atiradoras (Snipers) extremamente eficazes durante a guerra, abatendo centenas de inimigos. Agora, se forem apanhadas por eles…..! Daí acho uma estupides colocá-las na Linha de Frente. – Não achei que o senhor criou nenhuma polêmica, só expressou sua opinião contrária ao meu comentário, mais nada. Se o dono do Blog não aceita trocas de comentários entre seus leitores cabe a ele não postá-las. Se as postou é por que aceita e não viu nenhum desrespeito nem deselegância tanto no comentário do senhor quanto do meu. – Se o comentário que eu fiz (mesmo concordando) o ofendeu! peço desculpas. Não foi esta minha intenção. – CONTINUO CONCORCONDADO COM CADA LINHA DO SEU PRIMEIRO COMENTÁRIO.
    Cordialmente,
    Santana*100

  321. Mendes

    -

    09/06/2013 às 12:02

    Não gosto de polêmicas no espaço de comentários dos blogs, pois acho um desrespeito com o dono do blog. Mas como o leitor Santana*100 citou meu nome e comentário, vou dizer algo a respeito:
    1 – Nada como uma comparação com Hitler para tentar desqualificar uma opinião ou posição. Que o digam os anti-tabagistas e os vegetarianos.
    2 – Não entendi a comparação entre nazistas e comunistas, o que não importa pois abomino da mesma forma nazismo e comunismo, só achando que os comunistas foram menos rombudos no discurso e nos métodos, mas igualmente eficientes no morticínio.
    3 – Não sou contra as mulheres terem uma carreira nas forças armadas. Apenas acho que existem muitas áreas em que podem dar uma importante contribuição, como engenharia, logística, treinamento, medicina, etc. sem se envolver diretamente em combate. E não é por serem delicadas e femininas, pois elas podem ser igualmente ferozes. Trata-se de reaciocínio econômico porque elas são mais preciosas ou valiosas para a sociedade e devem ser mais protegidas, da mesma maneira que um exército não manda generais para a frente porque sua peerda seria um desperdício muito grande.
    4 – Reafirmo o que disse sobre a necessidade de dizer ou escrever muito mais para esclarecer uma falácia ou desmontar uma mentira do que para dizê-las.
    5 – Por fim peço desculpas a Ricardo Setti por es- ticar o assunto. Não ficarei chateado se ele, como dono do blog, der o assuno por encerrado e nem sequer publicar este meu comentário.

  322. Santana*100

    -

    08/06/2013 às 23:27

    Mendes – 06/06/2013 às 17:49h

    “Durante milênios a mulher foi preservada do combate por ser considerada muito preciosa para a preservação da espécie. Agora a mulher já pode morrer em combate na flor da idade e chamam a isso de conquista. Alguém disse que para desmontar uma mentira dita em uma frase é preciso pelo menos uma página. Há certas “conquistas femininas” que atendem a muitos interesses e não são os das mulheres. Mas isso é assunto para muitas páginas”.

    - Você disse uma grande verdade! Hitler sabia muito bem disso, por isto, nunca mandou as mulheres alemãs para o front. Dizia (ele) que as alemãs eram muito femininas (delicadas) para passar pelos sofrimentos da guerra. Já os russos, não tiveram dó nem piedade, mandaram suas mulheres para o combate! – Comunistas não gostam nem da própria mãe.
    Santana*100

  323. Edgard

    -

    07/06/2013 às 17:05

    Uma pena!!!!
    O mais lindo no mundo, a mulher, com o que tem de mais repugnante, a guerra!

  324. Dom Flori Spectrum

    -

    07/06/2013 às 15:01

    As fotos não dizem que são ferozes e prontas para matar.Soldadas,sim meu nobre e querido jornalista.Feminino com desiência a e não o que é o gênero masculino.Soldadas letais e treinadas para matar e morrer pela Pátria .Olha o português,colega.Lindas soldadas que amam,menstruam,engravidam e transam como os soldados,com orgasmo e tudo mesmo que portem uma farda.Gostei muito mesmo.O texto em português violentado poderia ser dsipensado,inclusive o meu aqui…babando.

  325. Mendes

    -

    06/06/2013 às 17:49

    Durante milênios a mulher foi preservada do combate por ser considerada muito preciosa para a preservação da espécie. Agora a mulher já pode morrer em combate na flor da idade e chamam a isso de conquista. Alguém disse que para desmontar uma mentira dita em uma frase é preciso pelo menos uma página. Há certas “conquistas femininas” que atendem a muitos interesses e não são os das mulheres. Mas isso é assunto para muitas páginas.

  326. roberto

    -

    06/06/2013 às 12:21

    SETTI
    Faltou a foto da EDNANCI com uniforme de MARINE brasileiro e de uma certa “soldada”do exército de libertação nacional=ELN,ou VAR-PALMARES..de conga,mosquetão,óculos para-brisa,camisa de xadrez,soutien de saco de açucar..etc..

  327. Noway Mann

    -

    05/06/2013 às 23:18

    CARACA MERMÃO !!!

    Só gatas !!!

    Menos a tropa iraniana.
    Pode cancelar a invasão do Irã porque não vale a pena. KKKKKKKKKK

  328. Santana*100

    -

    05/06/2013 às 22:17

    A brasileira é muito bonita (sorriso maroto), ficaria melhor se usasse óculos Ray-Ban piloto. A norueguesa e a indonesa são dois tesãos! Sem falar na sueca que está com o rosto camuflado o que escondeu um pouco de toda sua beleza! Há, não dispenso também a do Reino Unido, ela tem uma carinha inocente de boa mocinha.

  329. Antonio Marmo

    -

    05/06/2013 às 9:54

    Todas muy guapas…mas Indonésia e Noruega são o máximo…Fui conferir a tal astronauta italiana, Samantha Cristoforetti: o corte de cabelo não ajuda, masculiniza a dona…

  330. Paulo Terracota

    -

    04/06/2013 às 22:11

    Não sou politicamente correto e sou um mineiro machista por isso grito com tôda as fôrças,eu quero essa Turca para mim e, se possivel, pode mandar as três. kkkkkkkkkkk,
    .

  331. toninho malvadeza

    -

    04/06/2013 às 21:04

    Caro Setti.
    Não quero causar revolta (mas vai)ou melindrar quem quer que seja,mas depois de tanta beldade (casava na hora com a Grega),poderia o amigo nos MALTRATAR com uma relação de MUSAS do PT ? Tipo: Chaui,Graças Foster e outras …

  332. pierre

    -

    04/06/2013 às 19:44

    Caro R.S. Como Jornalista especializado em mulheres militares, bonitas, (Os cinco anos na Playboy foi um doutorado em produzir boas revistas),você não poderia
    deixar de apresentar ,pelo menos a foto, da Capitã-Piloto-de-Caça e primeira astronauta italiana que estará na Estação Espacial em 2015 ,que pelo sobrenome parece ser da região trentina. Trata-se da Samantha Cristoforetti. Uma militar gatíssima!
    Desculpas mil pela brincadeira da especialização!

    Está desculpado. Vou procurar informações sobre a astronauta italiana, sem dúvida.
    Um abração

  333. neil fereira

    -

    04/06/2013 às 17:53

    OLÁ SETTI,
    As fotos me lembraram um musical que vi na Broadway no século passado (acho que é do seu tempo) “Oh que delícia de guerra !”

  334. Verlaine

    -

    04/06/2013 às 13:16

    valdecy lino da cunha – 01/05/2013 às 18:02 “com as mulheres no comando nostemos mais chance de conquistar um mundo de paz”. Margaret Thatcher e Indira Ghandi mandaram lembranças! É impressionante como tem gente que cai nessa de que as mulheres são pacifistas por natureza. Contra a história não há argumentos. Ocorre justamente o contrário quando elas detém o poder. Aliás, a Cristina Kirchner já andou criando tensões militares por conta das malvinas. E a nossa queridíssima Condolezza Rice e seu editorial no NYT sobre as armas de destruição em massa foram o estopim da invasão americana do Iraque…

  335. Paulo R. Herrmann

    -

    04/06/2013 às 9:29

    Carro Setti porque tu nao poz fotos de mulheres Chinesas ja que elas sim representam mais a mulher militar que outras pois ja havia general mulher Chinesa a 3.200 anos atraz, por favor fasa esta corecao para o altruismo da mulher no Exercito.

  336. Fernando

    -

    04/06/2013 às 8:58

    Reparando estas lindíssimas soldados, chama a atenção os rostos das mulheres do Ira e Nepal, países oprimidos por regimes totalitários e fundamentalistas. Como a liberdade faz bem às mulheres.

  337. Pedro Luiz

    -

    04/06/2013 às 8:27

    A sueca e a da indonésia são lindas. Mas a sueca não parece ser de verdade, com esses cabelos soltos. Dá vontade de me alistar…

  338. Dellagos

    -

    04/06/2013 às 7:08

    O texto diz:”Em 2009, segundo dados do Exército americano divulgados pelo site da BBC, 30% das mulheres foram estupradas durante o serviço militar, 71% foram vítimas de violência sexual e 90% de assédio sexual.” Então é melhor não defendermos mulheres no exercito só pra sermos politicamente corretos. Não vamos expor nossas mulheres! Não se trata de preconceito. Leiam isto: http://veja.abril.com.br/blog/ricardo-setti/politica-cia/chega-de-igualdade-mulher-nao-da-para-ser-soldado-diz-capita-dos-marines-dos-eua/

  339. Adrielly

    -

    29/05/2013 às 1:44

    Mulher tem que ocupar tudo…

  340. valdecy lino da cunha

    -

    01/05/2013 às 18:02

    com as mulheres no comando nostemos mais chance de conquistar um mundo de paz eu dava meu sangue pa mi casar com uma fusilera desas ai q mulheres lindas

  341. JORGEMAR BERNASCONI

    -

    28/04/2013 às 15:30

    EXERCITO FEMININO TURCO…?! MULHERES ASSIM NÃO ME PRENDEM(!)

  342. carlos rosa

    -

    22/04/2013 às 17:21

    Cada dia que passa mais me convenço que com caras destas e portanto com a mentalidade feminina muitos dos problemas existentes no mundo não teriam lugar.Abençoadas sejam

  343. pablo

    -

    01/04/2013 às 0:17

    homens mediante a estresses estremo são estimulados a comportar-se como animais para que possam manter o objetivo, pegue qualquer animal e o deixe afastado de uma femea por alguns meses depois pegue e introduza femeas na epoca de reprodução no meio de varios machos, não estou dando desculpas para que os homens estrupem ou assediem mulheres no meio militar, muito pelo contrario acho que deviam ficar na cadeia pelo resto da vida, pois ja no seculo 21 não somos mais animais, mas alguem aqui acha que homens dispostos a matar e a morrer seja qual for a situação em que se encontram, estão em estado mental normal ou estão estão ligando para regras da sociedade quando acham que ela os abandonou para serem discartados lembrando que homens que voutarão de guerras ou similares nunca mais foram os mesmos que eram antes do recrutamento.

  344. sandra

    -

    12/03/2013 às 22:48

    eu acho que sr militar e um pouco legal pra quem ta dando orgulho ao nosso pais

  345. Jeff

    -

    12/02/2013 às 16:56

    Acho na mulher militar um jeito carismatico, encantador! Fica bonita e bem apresentavel.

  346. marcia tatiane alexandre santos

    -

    23/01/2013 às 21:51

    parabéns ser militar é um orgulho poder servi ao nosso pais.

  347. Delcio

    -

    14/01/2013 às 3:24

    Como bom treinamento qualquer ser pode exercer funções.

  348. willian

    -

    13/01/2013 às 12:19

    Indonesia e correia do sull..as mais gatas..rs

  349. Sem óculos

    -

    09/01/2013 às 23:15

    Pena que a representante do Brasil saiu na foto com imensos óculos escuros. E se ela for vesga? Amei a da Coréia do Sul. Lindissima, e até me prestou continência!

  350. Paulo Terracota

    -

    09/01/2013 às 22:14

    O Ricardo,com essas belas soldados sou capaz de alistar-me de novo em qualquer exército do mundo

  351. moacir

    -

    09/01/2013 às 21:03

    Setti.
    Mãos ao alto para a Coréia do Sul.

  352. Carlos de Carvalho

    -

    06/01/2013 às 4:05

    Numa guerra ( de verdade ). Quem daria um tiro ( para matar ) numa beldade dessas ? Fala sério. Não é à toa que os SERVIÇOS SECRETOS USAM MULHERES PARA OBTER INFORAÇÕES… ISSO É VELHO. Aliás, tem homem que não pode ver um “rabo de saia ” ainda mais como esses. E a brasileirs, heimmmm ? Estou me divorciando…

  353. edson jose da silva

    -

    14/12/2012 às 19:50

    bem sao bonitas eu tambem me rendo como diz o meu avo granda garina

  354. Julia

    -

    09/10/2012 às 1:02

    Raramente vi tanto comentário machista num só lugar. Chega a embrulhar o estômago. E eu fiquei morrendo de vontade de ler o relato do Tito sobre a sua não-concordância dele com mulheres combatentes (só que não). No fim virou um concurso de “a militar mais bonita”. Não me surpreende, mas é lamentável.

  355. Eva Fidelis

    -

    24/08/2012 às 15:46

    ….enquanto isso os homens tornam-se “do lar”….

  356. S.RODRIGUES

    -

    21/07/2012 às 19:34

    muito linda essas mulheris soldados, cada uma mais linda do que a oltra

  357. Moisés Barbosa

    -

    21/06/2012 às 16:21

    Muito linda a soldado gréga amei e a continuo a lhe adorá……….

  358. assis pontes

    -

    12/05/2012 às 7:54

    Como gostaria de ser preso por essa soldado da indonesia e fazer amor com ela na cela a noite toda.
    Prende-me amor… me algema nos teus braços vai !!!

  359. geraldo quintao de almeida

    -

    21/04/2012 às 11:40

    as garotas sao lindas,as brasileiras me desculpa,mas a soldado noruega e lindissima beijao

  360. Rodrigues

    -

    21/01/2012 às 14:55

    Gamei na sul-coreana.

  361. Rubens

    -

    21/01/2012 às 2:28

    A mulher tem a mesma dose de sadismo que qualquer outro humano no planeta. Ela reclama da opressão masculina porque está no lado perdedor da história da humanidade. Se tivesse as mesmas possibilidades físicas, sociais e históricas que o homem produziria as mesmas coisas. Como está no lado perdedor responsabiliza o homem por seus limites e fica a lamentar a vida.

    Depois de mulher agredir um cãozinho yorkshire, mentir que estava grávida de quadrigêmeos para ganhar presentes e benefícios, usar produtos proibidos para roubar nos esportes, se apropriar de dinheiro público, super faturar notas fiscais, jogar filhos em latas de lixo, dirigir embriagada e provocar acidentes, tentar passar a perna no governo suiço afirmando que teria sido agredida por neonazistas e em decorrência disso teria perdido uma suposta gravidez, brigar em porta de escola para resolver seus “seríssimos” problemas, usar entorpecentes e bebidas alcoólicas para fugir da realidade,… alguém duvida que o compromisso social da mulher é tão pequeno quanto o de qualquer outro !?

    E tem gente atrasada e misandrica que apoia, por exemplo, leis como a ditatorial maria da penha, onde atitudes judiciais podem ocorrer antes mesmo que o processo (e a possibilidade de defesa do acusado portanto) existam!!

    Vamos parar com hipocrisia e nos atualizar com a realidade de nossos dias!!!

    Por fim, apenas gostaria de dizer que mulheres com traços realmente femininos e farda (como nas fotos acima) não são coisas muito comuns de se ver unidas em uma única mulher. Basta conferir por aí, ou será que não se pode falar a verdade em pleno 2012 !?

  362. Joao Paulo

    -

    19/01/2012 às 21:10

    Num consigo, é impossível, não dá pra escolher ql é a mais linda, todas são eu ficaria com todas!!!

  363. Hélio

    -

    16/01/2012 às 23:30

    Eu me renderia pra todas elas! KKKK

  364. Uber

    -

    16/01/2012 às 11:10

    Só posso dizer uma coisa para a Coréia do Sul e a Suécia:
    Eu me rendo!

  365. Jeremias-no-deserto

    -

    15/01/2012 às 22:14

    Estranho que tenha faltado as garotas de Israel.E espero que não tenha sido o critério do politicamente correto.

  366. alvaro

    -

    15/01/2012 às 20:10

    Sou contra a guerra e violências em geral, mas combater contra essas “inimigas”, eu topo.

  367. tico tico

    -

    15/01/2012 às 18:16

    Adrenalina, testosterona e stress por todos os lados, mais o encanto feminino no ar, e está preparado o palco…

  368. Dr.ELIAS BETIM

    -

    18/10/2011 às 0:51

    BRUNAO VC FOI MUITO FELIZ NA SUA ESCOLHA A BELEZA DESSA GREGA É INDESCRITIVEL!!!ABRRASS

  369. BRUNO BETIM

    -

    18/10/2011 às 0:37

    A MAIS LINDA ESTA NA GRÉCIA!!!

  370. Paula Santos

    -

    10/06/2011 às 16:51

    Espero que próximo ano minha foto seja publicada também.

  371. edineia

    -

    01/06/2011 às 20:19

    A mulherada ta mandando no pedaço”””””’ e os homens não querem aceitar.

  372. carlos mattos

    -

    01/03/2011 às 21:55

    Ainda nao pensaram em um calendario com estas beldades, nuas, ou quaze nuas?
    nossa, seria lindo!!! ufa) fiquei doidao

  373. Marianne Paz

    -

    01/03/2011 às 18:06

    Boa tarde Setti! Vc abriu espaco aqui para um assunto que este ano movimenta os bastidores da Marinha.Nos proximos meses o livro Mulheres a bordo, 30 anos da mulher na marinha do Brasil que tem como autoras 2 oficiais , sendo uma delas a Comandante Sheila Aragao(shearagao@yahoo.com.br)que e um destaque na forca e da primeira turma das mulheres no Brasil a formar militares, e vem trabalhando junto coma outra oficial a Capita Helena(hmperes2007@gmail.com) e estao finalizando o livro.. Muitos nao sabem que apos a Marinha , seguiu a Aeronautica e o Exercito. A Marinha ha anos ja tem mulheres atuando em missoes de paz e se preparam para o combate, caso seja nenessario, afinal elas sao militares.Visitem o blog e aguardem o livro, pois sera um parametro para aqueles que desconhecem como iniciou esse mundo que na epoca de preconceitos a Marinha deu um grande passo e daqui a pouco teremos mulheres como oficial general. encontre um resumo do que e o livro e conhecam o making of no http://www.mulhernamarinha.com.br
    bjocas Mari

    Obrigado pelas excelentes dicas, cara Marianne.
    Abração

  374. Marco

    -

    26/02/2011 às 17:47

    Caro R. Setti: Um pequeno susto com minha mãe, mas ela está se recuperando. Meu amigo, nem precisa dizer q tu tem toda liberdade e franqueza de me chamar atenção. Pode ter certeza q essa infelicidade não vai mais se repetir.
    Abração.
    Obrigado, amigo Marco. E o que comentamos não se tratou de nenhuma infelicidade, não. Tenho certeza de que partiu de seu coração galante.
    E mãe é coisa sagrada: tomara que ela fique cem por cento logo. Conte com minha torcida.
    Abração

  375. André Costa

    -

    26/02/2011 às 17:04

    Caro Setti, eu acho que entendo o foco do seu post, e não quero que me veja como um defensor de estupradores, os quais não devem ser perdoados nem que as mulheres andassem nuas pelas ruas. Meu foco é outro. Eu não consigo ver como uma conquista a presença de mulheres nas forças armadas, e sim um retrocesso da civilização que, na ânsia de se desculpar por milênios de opressão, deu às mulheres direitos que na verdade atentam contra a essência feminina, obrigando-as a enfrentar situações que são terríveis até para homens brutos, como é o caso dos fronts de guerra. Sei que este argumento parece machista para muita gente moderna, mas na verdade é um argumento em defesa da condição feminina, do seu espaço na sociedade. Existem milhões de outras maneiras em que a mulher pode ser útil na defesa de sua nação, sem que sua essência seja aviltada. Por fim, espero que nenhuma mulher das fotos se depare com o horror de ter que matar outra, ou de ter uma amiga morrendo em seus braços.

  376. Tito

    -

    26/02/2011 às 16:03

    Caro Tito, recebido seu post para ser publicado. Tudo OK. Sairá nos próximos dias.
    Muito obrigado e um abração

  377. SergioD

    -

    26/02/2011 às 14:22

    Ricardo, o livro do Doratio, citado pelo Elzio, é sen-sa-cio-nal.
    O melhor livro sobre a Guerra do Paraguai que li. Livro que joga por terra a visão que muitos tentaram nos incutir de que o Paraguai de Solano Lopez era um país de pessoas diligentes, livres, quase uma democracia, e que a aliança de Argentina, Brasil e Uruguai defensores dos interesses britânicos, arrasou um pobre país. Leia o livro e tenha a real noção do que era o governo de Solano Lopez. Uma ditadura infernal. Sobre o exército brasileiro da época, vale a pena ler o livro do próprio General Dionísio Cerqueira, Reminiscências da Guerra do Paraguai (1865-1870), onde ele conta sua participação no conflito como artilheiro e infante. Se interessar, encontrei alguns exemplares no Estante Virtual.
    Um abraço

    Caro SergioD, obrigado pelas excelentes dicas.
    Um abração

  378. SergioD

    -

    26/02/2011 às 14:07

    Ricardo, falando em mulheres servindo em FFAA, vale conferir esse post do BLOG Poder Aéreo sobre a tripulação feminina de um Mirage lá no Afganistão.
    Um abraço
    http://www.aereo.jor.br/2011/02/26/primeira-tripulacao-feminina-de-mirage-2000d-inicia-operacoes-no-afeganistao/

    Obrigado, caro. Abraço

  379. Marco

    -

    26/02/2011 às 11:03

    Caro R. Setti: Ainda sou mais a musa Domitila, do exército tecnológico Settiano. Quando vai botar um texto dela com foto no blog ?
    Abs.
    Ps: Estou meio devagar com os comentários, tive uma pequena supresa pessoal q estou aos poucos resolvendo.

    Caro amigo Marco, espero que você se saia bem do que chama de “pequena surpresa pessoal”.
    Quanto à Domitila, é uma jornalista profissional séria. Ela não gosta dessa história de musa, amigo Marco. E, cá pra nós, com a “intimidade” que já estabelecemos aqui no blog, eu também não. Ela é uma moça bonita e cheia de vida, sim, mas é uma profissional, e no blog só quer ser julgada por seu trabalho.
    Sei que você compreende.
    Receba um abraço e meus votos de que resolva seu problema.
    Ricardo Setti

  380. Eduardo

    -

    26/02/2011 às 10:08

    Meu amigo!!! E as ‘mininas’ de IDF (Israel)????

  381. sinisorsa

    -

    26/02/2011 às 9:27

    A questão da presença de mulheres nas forças armadas é um tema que gera debate e controvérsias, sendo fácil enveredar por comentários do tipo “Acho melhor deixar a mulherada em casa do que expô-las ao comportamento animalesco da tropa”. Esse tipo de comentário é tremendamente aviltante para os homens, reduzidos à mera qualidade de animais insaciáveis, sempre à espreita da próxima presa, não importando idade, raça, credo ou cor, desde que seja do sexo oposto. Essa tão decantada animalidade faz pressupor que todo e qualquer soldado seja um estuprador em potencial, portanto o melhor a fazer é manter as donzelas no doce cativeiro do lar (enquanto os bárbaros batem a porta). Assédio sexual, estupros, constrangimentos morais de todo tipo tem como perpetradores indivíduos que não representam todo o contigente de farda. Admiro Israel por ter um serviço militar obrigatório para ambos os sexos. Admiro os países que garantem o direito de alistamento militar para mulheres e que permitem presença feminina nas frentes de combate. Na Finlândia, as mulheres podem se alistar, mas tem garantido o direito de desistir do treinamento dentro de 45 dias, se assim desejarem. Cabe lembrar que nesses treinamentos todos dividem o mesmo espaço, não havendo alojamentos diferenciados por sexo. Quando se trata de defesa da pátria, não cabem argumentos machistas nem feministas. Custa muito compreender que, apesar das diferenças físicas, as mulheres também podem ser combatentes. Mas aí cabe recordar que não vai longe o tempo em que também não podiam trabalhar fora de casa, dirigir, constituir firma, herdar propriedade etc etc.

  382. elizio

    -

    26/02/2011 às 1:46

    Ao JUM 0:29
    Acredito eu, que no limite, o comportamento humano (humano e por isso erramos), pode levar à situações díspares.
    Tive o prazer de conhecer o sr. Nunes, paraguaio, que lutou na guerra do Chaco, contra a Bolívia. Na imensidão do nada, segundo seus comentários, faltando água, bebiam urina; caso houvesse uma bolacha e 10 soldados, seriam 10 fatias.
    Não recordo o nome do livro, mas lembro bem um comentário de um soldado alemão fugindo e alertando as mulheres: vamos fugir todos, se os russos fizerem com a gente, aquilo que fizemos com eles, não vai escapar ninguém.
    No mesmo livro, ou talvez em outro, as mulheres alemãs ficaram chocadas pela educação do oficial russo e, pelo alerta deixado: “Cuidem-se, nosso exército está chegando e não somos todos iguais”.
    Mas, como está ao meu lado o livro Maldita Guerra, do autor Francisco Doratioto (o melhor que já li sobre a Guerra do Paraguai), deixo-me levar e transcrever uma parte:
    Por Dionísio Cerqueira -
    “Em poucos instantes, as nossas forças galgavam as trincheiras, invadiam o terra-pleno e investiam, aos bandos, contra os paraguaios que se retiravam em debandada, mas ainda pelejando. Fez-me frente, com uma lança, um rapazinho que parecia forte; aparei o golpe, respondi e passei adiante. Logo depos (como está no livro), um soldadinho paraguaio, que não podia ter mais de doze anos, corria, todo ensanguentado, para o meu lado, acossado por um soldado nosso que o perseguia e já o ia alcançar, quando ele se abraçou comigo, implorando que o salvasse. Mal tive tempo de conter o seu perseguidor. Nesse momento, passava por mim, a trote largo, o distinto camarada capitão Pedra, que gritou:
    - Mata.
    - Não – disse eu – É um prisioneiro, uma pobre criança e hei de defendê-lo.
    - Queres brigar por um paraguaio?
    - Por que não? É meu dever e farias o mesmo.
    (…)
    Conduzi o pobrezinho até a guarda dos prisioneiros. Na praça principal, junto à porta da igreja, estava uma mulher moça e formosa, apesar da palidez cadavérica, com um filhinho morto ao lado. Ambos tinham sido varados pela mesma bala.”

    Esse livro deve ser muito interessante mesmo, caro Elizio.

    Obrigado por enriquecer o blog.

    Um abração

  383. elizio

    -

    26/02/2011 às 0:46

    Caro Setti:
    sinto-me até acanhado perto da vastidão do seu conhecimento e honrado pelo nível dos seus leitores.
    Tive a satisfação de ir competir nos EUA, com o patrocínio do sr. Thomas Case, amigo há mais de 35 anos (ex dono da CATHO) e, com permissão do comandante da Base Aérea aqui de Campo Grande, Ballatore, pude tirar fotos de todos os detalhes do Super Tucano armado. Construí então um aeromodelo, idêntico a um real e nosso, daqui mesmo.
    Num dia de portões abertos, conheci a piloto Danieli, tirei fotos junto à ela, com meu modelo e, apesar do pouco contato, posso afirmar: pessoa extremamente simpática, irradiando alegria contagiante e muito educada. Das reportagens que guardo dela, alguém pergunta: e se for preciso atirar e derrubar outro avião? Não consigo imaginar ela fazendo isso, mas sua resposta foi célere: estou aqui para cumprir com minha obrigação e acatar ordens.
    Abração.
    De Campo Grande – MS

    Boa história, amigo Elizio. Legal!

    Um abração

  384. Jum

    -

    26/02/2011 às 0:29

    Não acho que os estupros tenham qualquer relação com preconceito. É só a natureza humana em estado bruto.
    Enquanto a tropa está na base a civilidade ainda é preservada. Mas a partir do momento em que estão todos dispostos a matar e morrer… o que é um estupro?
    Eu não acho que soldados americanos estupraram iraquianas porque elas eram iraquianas. Fizeram com elas porque elas estavam ao alcance deles. Quando as compatriotas estão ali ao lado fazem com elas mesmo.
    É lindo ver as suecas no Exército e tal, mas a Suécia não entra em guerra com ninguém… A experiência válida é a dos EUA, que estão sempre em guerra, e os números deixam claro o tamanho do pepino. Acho melhor deixar a mulherada em casa do que expô-las ao comportamento animalesco da tropa. Imagina o generalato tendo que se preocupar em estimular o lado animal da tropa para guerrear e manter todo mundo respeitoso e civilizado com as colegas. Não dá!

  385. ze do mato grosso

    -

    25/02/2011 às 21:41

    JT..tás grilado com que… você não sabe o que tem debaixo da burka… tás vendo BBB demais, aposto que tens um poster da ariadna, ????

  386. jonas /RS

    -

    25/02/2011 às 21:12

    Cada mulherão que me faz até repensar meus conceitos sobre militares…

  387. elizio

    -

    25/02/2011 às 20:23

    Fui atendido!
    Obrigado caro Setti.
    Aí está a Danieli Lins, nossa primeira piloto de caça.

    Agradeço a observação e a dica, como agradeço ao leitor Tito por lembrar das pilotos de caça da FAB.

    Abração

  388. Tito

    -

    25/02/2011 às 19:16

    Sergio,
    Estou escrevendo primeiro sobre as mulheres nas FFAA (escondido da minha mulher…rs). Numa outra hora prometo que escreverei sobre a sua sugestão.
    Um grande abraço

  389. Elvio

    -

    25/02/2011 às 18:51

    Setti, lindas mulheres, mesmo camufladas, belas e claro competentes.

    Mas o patch da gregas, no ombro esquerdo…

    abs

    Elvio

  390. Tito

    -

    25/02/2011 às 17:48

    Ok, vou escrever, mas com muita calma, pois tenho juízo e não quero provocar a ira feminina.Vai ser difícil…rs

    Será um prazer. E você verá que há leitor já pedindo um post seu, Tito. Confira nos comentáros.

  391. SergioD

    -

    25/02/2011 às 17:45

    Ricardo, faço minhas as suas palavras. Gostaria de ler um post do leitor Tito. Com seus conhecimentos poderia nos dar uma aula sobre a modernização de nossas Forças Armadas, Estratégia de Defesa, etc.
    De novo eu e minha eterna mania de pautar os outros. Me desculpem.
    Abraços aos dois.

    Não tem que pedir descuplas, não, caro SergioD. Sua sugestão para posts do Tito são excelentes.

    Tito, você está com a palavra!!!

    Abraços

  392. Rodrigo

    -

    25/02/2011 às 17:41

    Nâo gostaria que um filho ou filha seguisse carreira militar. Dar a vida pela pátria? Isso vale a pena? A despeito disso, é melhor ver mulheres soldados do que ver a história da tal de Bruna Surfistinha.

  393. Paulo Bento Bandarra

    -

    25/02/2011 às 16:47

    Certamente formam um belo time. Não sei se foi você que comentou o caso da jornalista atacada no Egito. Como ela, as dificuldades são sempre maiores pois as mulheres são mais vulneráveis em vários aspectos! No entanto, injustificável que isto ocorre dentro do país entre colegas de farda!

    Você tem toda razão.

    E, sim, comentei o caso da jornalista da TV americana. O link é:

    http://veja.abril.com.br/blog/ricardo-setti/vasto-mundo/para-blogueiros-fascistas-nos-eua-a-reporter-estuprada-nao-e-vitima-mas-culpada/

  394. Tito

    -

    25/02/2011 às 16:43

    Setti,
    Uma correção. Na Força Aérea já temos mulheres combatentes desde, se não me engano, 2007, quando foi formada a primeira turma de pilotos com participação feminina.
    Eu não concordo com mulher combatente, mas teria que escrever um tratado a respeito. Quem sabe outra hora.

    Amigo Tito, obrigado. Vou corrigir.
    E gostaria muito de ter um post seu — pode ser sobre esse tema, muito interessante.
    Um abração

  395. elizio

    -

    25/02/2011 às 15:26

    Caro Setti:
    nada a ver com nada; mas tudo a ver com tudo.
    Copio abaixo uma reflexão que fiz hoje.
    Minha admiração pelo seu trabalho.
    elizio

    Sinto-me muitas vezes, um “Forest Gump”; podem mandar qualquer história, que tenho um arremedo. O bom e, o que é ruim nisso, não sei. Umas vezes pode parecer prepotência, em outras, conhecimento.
    Os conhecimentos de causa, não nos pertencem. Algo (Alguém) acima sabe.
    Mas, com o desfiar do novelo, mesmo gostando de ser um andador, conheço pouco do mundo; estou falando isso de corpo presente. Minhas idéias, sonhos, devaneios, já deram volta ao mundo um punhado de vezes. Na infância, estudante de um colégio de freiras salesianas, a recomendação (proibição talvez) de ler os livros do Monteiro Lobato – afinal, era um ateu. Despertou-me a curiosidade e, naquela pequena cidade do norte do Paraná, uma senhora espanhola, extremamente respeitável e claro, procurando encontrar aqui no Brasil o que tínhamos de bom (era católica e muito religiosa), dava um jeito, não sei como (afinal tudo naquela época era difícil, tempo dos rádios à pilha Rayovac – tijolões – geladeira à querosene….), conseguia trazer todos os livros do Lobato para sua filha. Claro que sua filha, não apenas era linda, mas imperava respeito, o mesmo dedicado à sua mãe. Como ela tinha e me emprestava, lí todos. Gostei. Odiava porém ter algum livro que despertasse a curiosidade dela: o motivo é simples – devolvia-me o livro, inteiramente encapado, com a doçura de uma pessoa sensível e amável; seria o meu final, educação e reconhecimento, homenagem, é o que presto e, não aquilo que eu poderia retribuir, bem que eu tentava, mas nunca consegui encapar os livros tão bem como ela.
    De divagações em divagações, vamos encompridar a história: em pequenas andanças que já fiz, tornei-me cada vez menor; vou explicar melhor, nada de dúvidas: aquilo que pensamos, que sabemos, aquilo que pensamos ser educação, respeito, nós brasileiros (nesse caso eu prevalecendo), não sabemos nada de nadicas. Consigo eu, brasileiro, caipira do interior de São Paulo, criado no norte do Paraná, ao estar em um evento lá nos Estados Unidos e, as moças que cuidavam do quiosque de alimentação, ao terminarem o horário de trabalho, fecharem o trailer e nos enormes freezers, lotados, simplesmente deixarem um copo de plástico, como caixa de recebimento, caixa de troco ou, aquilo que quiserem fazer? Acredito, não faltou um tostão no caixa do dia seguinte. É possível imaginar que alguém, ao chegar no estacionamento de um supermercado, logo ao abrir, coloque seu carro lá no fundo? Presumo que pense assim: eu tenho tempo, quem chegar na correria, deve ficar mais perto da porta. E já que estamos em supermercados, como sonhar com um carro parando a 10 metros da faixa de pedestres – observando se alguém vai ou não passar, para depois continuar? Como imaginar nós, procurando determinado produto numa gôndola e, uma outra pessoa parada em uma distância razoável, esperando a gente fazer a escolha e pegar o que queremos e, só depois de sairmos, deslocar-se e situar-se dentro daquilo que ela procura?
    Mas, vamos deixar os Estados Unidos de lado.
    Vamos nos ater a uma “lingüiça” de um país aqui da nossa América do Sul – o Chile – é isso mesmo, aquele Chile, que ao ouvir a palavra Mercosul, dá gargalhadas. Esse país aí, é o mesmo que quando seus mineiros perderam-se lá no interior, simplesmente disseram: nunca fizeram um resgate desse tipo no mundo; mas são nossos, vamos lá! Todos à superfície e, muito destacadamente, o presidente, Senhor Presidente, estava ao lado da boca do túnel, recebendo desde o primeiro até o último a sair. Vamos aprender? Inclusive à votar?
    Mas aí mesmo, um terremoto daqueles de tirar a Terra do centro de seu eixo; ajuda externa? Não, problemas nossos, resolvemos nós! E, a paz e reconstrução reina.
    Argentina: país que adoro, não apenas seus constrastes, indo de desertos de sal à geleiras e glaciares impressionantes; mas melhor que a natureza, seu povo, mais sofrido que o nosso, gerenciados por desgovernos mais antigos que os nossos atuais. Um país rico, um país pobre. No norte de lá, sorte minha: um pacote de balas: em qualquer pequena cidade, as crianças pedindo “monedas”: meia dúzia de balas para cada uma e, o ápice, os olhos brilhantes pelo reluzente ouro, ouro daquele, que mesmo criança, talvez fizesse anos sem lhe conhecer o sabor. O sabor açucarado, de coisa tão pequena, mas imensurável o brilho nos olhos; esse brilho traduzia tudo, não temos nada! O sonho virou realidade. Lágrimas derramadas por uma copeira, ao receber um pacote de café brasileiro? Imagem inesquecível, alguém nos tratou bem e muito bem, pretendíamos fazer um pequeno agrado, mas como pode alguém receber um pacote de café, coloca-lo no peito, dobrar-se e derramar lágrimas?
    Apenas peço que reflitam. Nós brasileiros temos só a aprender. A educação, o respeito, a consideração, os valores, devem ser adquiridos por nós mesmos. Se assim o fizermos, um dia teremos o país que sonhamos, para nós, filhos, netos e para os que virão depois. Vamos deixar um legado, uma herança não pecuniária, mas sim de valores agregados que darão valor para nossa alma.
    Elizio – Campo Grande – MS

  396. elizio

    -

    25/02/2011 às 15:20

    Caro Setti:
    caprichou nas fotos.
    Apresento-me como voluntário de qualquer força e de qualquer país.
    Mas, vai aí um puxão de orelhas: coloque aí uma foto da nossa primeira piloto (e não pilotA) de caça da FAB. A graça, educada e simpática Lins. Sonho de pessoa e, até onde eu saiba, sob a nossa guarda, aqui na Base Aérea de Campo Grande – MS.

  397. Natal Santana

    -

    25/02/2011 às 15:19

    Acho que escolheram a dedo, porque são todas muito bonitas!

  398. SergioD

    -

    25/02/2011 às 15:13

    Ricardo, faltou uma foto das soldados israelenses, as quais, tenho certeza, estão entre as únicas que já entraram em combate.
    Um abraço

  399. JT

    -

    25/02/2011 às 14:26

    Estou pensando em me tornar mercenário, ou talvez me aliste na Legião Francesa. Vou participar de revoltas na Grécia, na Indonésia e na República Checa. Lutarei bravamente contra aquelas militares, até ser imobilizado por cada uma delas. Mas não tem dinheiro que me pague para encarar as iranianas – haja trabuco…

  400. Inácio

    -

    25/02/2011 às 14:17

    Em meio a tantas notícias, que em sua maioria nos causam tristeza e indignação, você, Ricardo, brinda-nos, volta e meia, com temas que nos divertem e acalmam nosso espírito. Obrigado por isso.

  401. Malur

    -

    25/02/2011 às 13:27

    Há muitas bem bonitas, mas a mais engraçadinha é a coreana. Carinha de anjo.

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados