Clique e assine a partir de 9,90/mês

Em SP, Pros e PDT deixam um pé em cada canoa

Por Da Redação - 16 jun 2014, 19h45

As convenções eleitorais deste final de semana foram reveladoras sobre as alianças partidárias em São Paulo. No sábado, líderes nacionais do Pros e do PDT participaram do lançamento da candidatura de Paulo Skaf (PMDB) ao Palácio dos Bandeirantes, com lugar de destaque no palanque do peemedebista. Oficialmente, os dois partidos se aliaram a Skaf. No dia seguinte, o presidente do Pros na capital paulista, vereador Ari Friedenbach, subiu ao palco do petista Alexandre Padilha. Ele era um dos que na véspera figuravam ao lado de Skaf. Ari diz estar “participando de algumas convenções para decidir quem irá apoiar” porque o “acordo partidário foi feito sem consultar os representantes do partido na cidade”. Militantes dissidentes do PDT ligados à Força Sindical também foram manifestar apoio ao candidato do PT. O grupo do Sindicato dos Metalúrgicos de Santo André e Mauá, no ABC paulista, vai se desfiliar do PDT após o apoio a Skaf. (Felipe Frazão, de São Paulo)

Leia também:

PR fecha apoio a Padilha em São Paulo

Longe de Dilma, PT lança candidatura de Padilha

Continua após a publicidade

Skaf lança candidatura ao lado de ex-ministros faxinados por Dilma

Publicidade