Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

GM planeja fechar 2.369 concessionárias

Por Da Redação
15 Maio 2009, 15h44

Um dia após a montadora Chrysler informar que planeja reduzir em 25% sua rede de concessionárias nos Estados Unidos, a General Motors (GM) apresentou proposta parecida. Nesta sexta-feira, a GM anunciou que quer fechar 2.369 lojas – cerca de 40% de sua rede norte-americana – até o final de 2010.

A medida visa cortar bilhões de dólares em custos operacionais e dívidas antes de a empresa encaminhar o pedido de proteção judicial contra falência até o final do mês. Nesta sexta-feira, 1.600 concessionárias já foram notificadas que terão de fechar.

Os fechamentos sem precedentes da GM e da Chrysler, realizados sob a supervisão da força-tarefa voltada para o setor automotivo do governo do presidente Barack Obama, colocaram 100.000 empregos em risco nos Estados Unidos e mostram a expansão do sofrimento econômico resultante do colapso das duas companhias.

A justificativa da GM para o fechamento de parte das lojas, cerca de 1.100, é que elas estão em regiões menos lucrativas e em situação financeira mais fraca. Outras 470 concessionárias serão eliminadas com o corte das marcas Saab, Hummer e Saturn. Depois haverá uma unificação de lojas, até que 2.369 sejam eliminadas.

Continua após a publicidade

“Basicamente estamos dizendo a elas que não se encaixarão no novo cenário no longo prazo, mas entre agora e depois vamos ajudar cada concessionária individualmente nessa transição, da melhor maneira “, explicou o porta-voz da GM, John McDonald.

Chrysler – Na quinta-feira, a Chrysler, que pediu concordata há duas semanas, anunciou que planeja fechar 789 de suas 3.200 concessionárias até o começo de junho. A medida pode custar até 40.000 postos de trabalho, segundo o principal grupo de concessionárias.

(Com agência Reuters)

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.