Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Ator é afastado da TV americana após denúncia de pedofilia

Por Da Redação 9 out 2014, 11h51

O início de uma investigação, por parte da polícia de Nova York, de suspeita de pedofilia levaram a emissora americana ABC a fechar as portas da série Scandal para o ator Stephen Collins. Ele havia participado de um episódio do seriado, que trata do gerenciamento de crises de imagem do presidente dos Estados Unidos e de outros poderosos, em 2012, e seu retorno agora foi afastado em defitivo, segundo informação dada pela ABC à revista Variety. As acusações tomaram forma na última terça-feira, quando o site americano TMZ publicou um áudio em que o ator confessaria abusar de crianças de 10 a 12 anos.

Leia também:

Filme com Ryan Reynolds em Cannes explora casos de pedofilia

Scandal é apenas mais um programa a fechar as portas para Stephen Collins esta semana. Ainda na terça, quando a denúncia veio à luz, a UP TV emitiu um comunicado dizendo que todos no canal estavam “profundamente preocupados com as famílias que poderiam ser atingidas” pelos fatos revelados pelo TMZ e passou a exibir reprises do seriado 7th Heaven. O ator também se afastou do conselho nacional do SAG-AFTRA (Screen Actors Guild e AFTRA), entidade que representa mais de 165.000 atores, anunciantes, jornalistas, dançarinos e DJs americanos.

Collins também atuou na série Falling Skies e no filme Os Três Patetas (2012), entre outros.

Continua após a publicidade
Publicidade