Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

VEJA Gente Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO

Por Valmir Moratelli
Notícias sobre as pessoas mais influentes do mundo do entretenimento, das artes e dos negócios
Continua após publicidade

Quando desandou de vez a harmonia entre herdeiros de Gugu Liberato

Entenda a linha do tempo da briga pela herança de 1 bilhão de reais do apresentador

Por Valmir Moratelli Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO Atualizado em 14 Maio 2024, 00h22 - Publicado em 11 jul 2023, 07h01

Oito anos antes de falecer, Gugu Liberato deixou pronto um testamento para a partilha de sua herança. Ele é pai de três filhos, Sofia e Marina, irmãs gêmeas de 19 anos, e João Augusto, de 21. A mãe é Rose di Matteo, que pede na Justiça reconhecimento de união estável – mesma briga de Thiago Salvático, que diz ter mantido relacionamento com o apresentador. Nos últimos meses, se intensificaram os desdobramentos dessa trama, que tem um ingrediente e tanto: a partilha de 1 bilhão de reais em bens. A coluna fez um passo a passo dos principais fatos que envolvem o processo.

Entre 2010 e 2011 – De acordo com o advogado Nelson Wilians, que faz a defesa de Rose e as gêmeas Marina e Sofia, nesse período foi descoberta uma traição por parte de Gugu que abalou a relação, além de afetar Rose psicologicamente.

2011 – O apresentador deixou pronto um testamento para a partilha de sua herança, avaliada em 1 bilhão de reais. O testamento divide a fortuna em 50% para os filhos e a outra metade, seria dividida novamente entre eles, que ficariam com 75% do total, e os cinco sobrinhos do apresentador.

21/11/2019 – Gugu Liberato morre aos 60 anos, após sofrer uma queda em casa, em Orlando.

29/11/2019 – Após translado do corpo, Gugu é velado por 24 horas na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp), no Ibirapuera, em São Paulo. Sob emoção de parentes e amigos, o enterro terminou às 10h15.

29/11/2019 (noite) – No mesmo dia, João Augusto é levado pelo tio e um primo à casa de um advogado em São Paulo. Ele fica com medo de ser obrigado a assinar papéis sem orientação jurídica pessoal. Alega cansado, briga com os parentes pela urgência que querem tratar os trâmites da partilha e vai embora.

Continua após a publicidade

26/12/2019 – Walter Wanderley, diretor e amigo pessoal de Gugu, registra em cartório uma escritura pública de declaração, na qual afirma que conhecia o apresentador desde 1982. Em todo esse tempo que conviveram, diz nunca ter visto ou ouvido dizer de um relacionamento de união estável ou convivência marital entre Gugu e Rose.

Dezembro de 2019 – Rose Miriam, mãe dos três filhos de Gugu, entra na Justiça para ter o reconhecimento de união estável com o apresentador, já que o testamento não a incluía como uma das herdeiras. Nesse momento, os filhos se dividem: as gêmeas Sofia e Marina, se posicionam ao lado da mãe; João Augusto fica ao lado da tia Aparecida Liberato, irmã de Gugu.

Fevereiro de 2020 – No contrato entre Rose e Gugu, revelado pela mídia, consta a doação feita pelo apresentador de uma mansão em Alphaville, São Paulo, para a mãe de seus filhos. Além disso ela recebe 47 mil reais por mês.

Maio de 2020 – O chef brasileiro Thiago Salvático, que mora na Alemanha, procura o advogado Maurício Traldi para representá-lo na disputa pela herança. Ele afirma ter tido uma união estável com o apresentador, mas desiste do processo por “pressão externa”.

29/8/2021 – Thiago Salvático passa a publicar conteúdos pessoais, para comprovar sua união com Gugu. São imagens de viagens a dois, jantares e conversas intimas.

Continua após a publicidade

Dezembro de 2022 – Salvático volta atrás e entra com ação na Justiça para reconhecimento de união estável com Gugu. A corte determinou que os dois eram apenas amigos. Ele afirma ter tido um relacionamento de nove anos com o apresentador.

31/05/2023 VEJA traz à tona a transcrição de uma videoconferência entre os advogados e os filhos de Gugu, que expõe as calorosas divergências dos envolvidos no processo. Além do medo de “outras pessoas” entrarem no processo, no caso de outros “namorados”. A reunião aconteceu em 20/9/2021.

06/6/2023 – Thiago Salvático dá uma entrevista exclusiva à coluna, relatando detalhes da relação com Gugu e comenta o processo judicial envolvendo os herdeiros.

20/6/2023 – A 3ª Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) decide reverter a decisão do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), que reduzia a disposição testamentária de Gugu. Assim se restabelece a sentença que validou o testamento deixado pelo apresentador, deliberando a totalidade dos bens (75% aos filhos e 25% aos sobrinhos).

22/6/2023Uma carta assinada por Rose e direcionada a Gugu é vazada do processo. Nela, a mãe dos seus filhos reconhece que sabia da sua condição sexual, e diz que está “orando e jejuando” para mudá-lo. Os advogados dizem que ela escreveu em momento de “desespero ao saber da traição e da bissexualidade do apresentador”. O documento é do mesmo período do testamento, de 2011. No mesmo dia, Salvático publica mais fotos de intimidade com Gugu.

Continua após a publicidade

25/6/2023 – O vendedor de carros Ricardo Rocha, de 48 anos, dá uma entrevista para o programa Câmera Record, na qual diz ser filho legítimo de Gugu. Ele entra com uma ação “post mortem” para investigar a suposta paternidade, alegando que sua mãe conheceu o apresentador em 1974, em Perdizes, São Paulo.

27/6/2023 – A ministra Nancy Andrighi, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), acolhe pedido de Thiago Salvático e suspende a ação da mãe dos filhos de Gugu para ter reconhecimento de união estável com o apresentador. A decisão ainda cabe recurso.

28/6/2023Rose Miriam manda mensagem ao filho João pelas redes sociais. Ela tenta se reaproximar de João, que permanece do lado da tia, Aparecida.

28/6/2023 – O advogado Nelson Wilians fala a VEJA, que o namoro entre Thiago e Gugu teria sido “plantado” na mídia por Aparecida, irmã do apresentador.

29/6/2023A escritura pública de declaração sobre a relação de Gugu e Rose Miriam, assinada por Walter Wanderley, diretor e amigo pessoal de Gugu Liberato é revelada por VEJA.

Continua após a publicidade

04/7/2023 – Rose alegou ao longo dos últimos anos que mora na casa de Alphaville, São Paulo, dada por Gugu; mas que teria passado o imóvel para o nome dos filhos. Entretanto, a escritura continua em seu nome.

Leia também: A decisão do STJ contra mãe dos filhos de Gugu

A mensagem de Rose Miriam a filho com Gugu

Amigo pessoal de Gugu revela como era relação com Rose Miriam

Advogado de filhas do Gugu diz quem teria ‘plantado’ suposto namorado

Continua após a publicidade

Quem são os cinco sobrinhos de Gugu que vão herdar 250 milhões de reais

Advogados de herdeiros de Gugu admitem ‘bissexualidade’ do apresentador

Suposto namorado de Gugu fala sobre teste de DNA do apresentador

O que compõe o bilionário patrimônio de Gugu que divide herdeiros

Suposto namorado de Gugu fala sobre briga dos herdeiros

Os bastidores da tensa reunião entre os herdeiros de Gugu

A briga dos advogados de herdeiras de Gugu

Exclusivo: A briga do filho de Gugu com tio após velório do apresentador

STJ valida testamento de Gugu Liberato; filhas vão recorrer

O que diz humorista que imitava Gugu sobre briga de herdeiros

A contradição de Rose di Matteo, mãe dos filhos de Gugu

 

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.