Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Forças Armadas combatem o mosquito

Por Katia Perin Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO 31 mar 2008, 08h59

Três hospitais de campanha, sob a responsabilidade das Forças Armadas, funcionarão dia e noite a partir desta segunda-feira para ajudar na epidemia de dengue no Rio de Janeiro. Exército, Marinha e Aeronáutica cederam 1.700 homens para o tratamento e combate ao mosquito. O fim de semana registrou mais cinco mortes no estado – já são 59 vítimas fatais desde o início do ano. A maioria dos hospitais continuam com superlotação no atendimento a casos da doença. Para diminuir as filas, foi montada uma tenda no Clube da Aeronáutica, em Jacarepaguá, com capacidade de atendimento a 400 pessoas por dia. A área é o epicentro da crise sanitária e, segundo a Secretaria Municipal de Saúde, já registrou 7.537 nos 10 bairros da região.

O hospital de campanha mostado pela Aeronáutica é o único que prestará atendimento direto aos doentes. Lá estão montados 40 pontos de hidratação, além de consultórios e laboratório para exame de sangue. Em Deodoro, na Vila Militar, o Exército ergueu uma tenda com 50 pontos para hidratação de pacientes – tratamento mais urgente para os portadores da dengue clássica.

Dos 1.700 militares das Forças Armadas, 500 serão usados nas vistorias feitas com apoio do Corpo de Bombeiros nos imóveis em regiões com maior infestação do mosquito Aedes aegypti. Desde o início do mês, os bombeiros já vistoriaram 89.635 imóveis. De acordo com o secretário estadual de Saúde, Sérgio Côrtes, pelo menos 20 casas já sofreram invasões na sexta-feira.


Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.