Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Radar

Por Robson Bonin
Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Nicholas Shores e Ramiro Brites. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.
Continua após publicidade

Desorganização no controle de armas é ‘deliberada’, diz Alessandro Vieira

Senador fala em impactos ‘graves’ na segurança pública e defende votação de revisão do Estatuto do Desarmamento

Por Nicholas Shores Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO Atualizado em 9 Maio 2024, 20h15 - Publicado em 7 nov 2023, 15h30

O senador Alessandro Vieira afirmou que as informações que o Exército entregou ao TCU sobre o controle de armas e munições, reveladas com exclusividade pelo Radar, mostram uma “desorganização deliberada” do setor, com impactos “graves” na segurança pública.

“Não é um problema novo, mas se agravou muito durante o último governo”, disse o emedebista. “O caminho é pautar e votar a revisão do Estatuto do Desarmamento.”

Os dados em posse da Corte de Contas evidenciam que não existe um único servidor com dedicação exclusiva ao controle de armas e munições.

Além disso, o número de lojas que presta correta e periodicamente as informações sobre vendas de munições é baixíssimo, com verdadeiros apagões de dados em São Paulo e Minas Gerais durante o governo Bolsonaro.

E o investimento do governo federal no controle de armas e munições caiu de 6,8 milhões de reais em 2018, sob Michel Temer, para 3,4 milhões de reais em 2022, sob Bolsonaro – isso tudo em paralelo ao aumento exponencial no número de CACs e de pedidos de registro de material bélico.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.