Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

‘League of Legends’ chega ao Brasil – e em português

Com uma base de 11 milhões de pessoas, o título é considerado o game para PC mais jogado no mundo. Riot Games distribuirá 80.000 dólares (161.000 reais) em dinheiro para vencedores de torneios no país

Por Renata Honorato
10 ago 2012, 07h30

O League of Legends, um jogo on-line para PC gratuito e desenvolvido pela Riot Games, ganha – enfim – a sua versão brasileira. O título, jogado por mais de 11 milhões de usuários em todo o mundo, combina elementos de RPG e estratégia a ações de combate, e coloca o usuário em uma arena onde dois times rivais competem entre si.

Leia também:

‘World of Warcraft’ finalmente chega ao Brasil

LoL, como é conhecido o game, está presente em centenas de países em todo o mundo e chega ao Brasil graças a um investimento de 5 milhões de dólares feito pela Riot na região. A aposta pareceu pertinente à companhia em razão da relevância econômica do país e a significativa adesão do público. “Mesmo sem servidores locais, os brasileiros já eram a quarta maior comunidade no jogo. Há mais de um ano, a Riot estudo o mercado e planeja a sua operação por aqui”, diz Paulo Fernandes, diretor executivo da produtora no país.

Continua após a publicidade

A versão local de League of Legends foi totalmente localizada para o português. Mais de 100 profissionais, dentre os quais dubladores renomados, fizeram parte da equipe de tradução. Segundo Fernandes, o Brasil é prioridade para a companhia, o que justifica os esforços da empresa americana em oferecer um serviço personalizado. “Já somos centenas de milhares de jogadores brasileiros nos servidores dedicados ao país”, conta o executivo.

Por ora, os servidores brasileiros estão localizados em Miami, nos Estados Unidos, mas parte do investimento da Riot deve ser dirigido à migração de infraestrutura. De acordo com Fernandes, as ações de marketing da empresa ao longo dos próximos meses serão bastante agressivas: “Queremos nos posicionar no mercado como o jogo número 1 no Brasil.”

eSports – No exterior, a Riot Games é conhecida pelos inúmeros campeonatos que promove a fim de identificar futuros atletas digitais. Desses torneios, onde os prêmios em dinheiro alcançam a casa dos milhões de dólares, participam jogadores de todo o mundo. As partidas são assistidas por até quatro milhões de pessoas. Recentemente, League of Legends foi destaque na Forbes depois de sua produtora anunciar planos de pagar salários mensais aos jogadores profissionais.

O modelo será replicado no Brasil. O primeiro campeonato local começa neste mês e termina em outubro, durante o evento Brasil Game Show. Serão distribuídos 80.000 dólares (161.000 reais) em prêmios aos jogadores brasileiros. Mas a Riot não para por aí. A expectativa da empresa, ressalta Fernandes, é realizar campeonatos semanais, todos com premiações em dinheiro vivo.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.