Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Kate Middleton admite que editou 1ª foto divulgada após meses de sumiço

Imagem que futura rainha da Inglaterra publicou enquanto se recupera de uma 'cirurgia abdominal' foi acusada de manipulação e virou objeto de especulação

Por Da Redação
Atualizado em 8 Maio 2024, 12h30 - Publicado em 11 mar 2024, 09h09

Depois de cinco agências jornalísticas de fotografias removerem de suas galerias uma imagem de Kate Middleton, a Princesa de Gales, por suspeitas de ter sido “manipulada”, a futura rainha do Reino Unido veio a público se desculpar nesta segunda-feira, 11. Segundo ela, sua primeira foto divulgada após mais de dois meses de sumiço, enquanto se recuperava de uma misteriosa “cirurgia abdominal”, foi editada por ela mesma.

O Palácio de Kensington, que cuida da comunicação da princesa, disse em comunicado nesta segunda-feira que Kate reconheceu que houve manipulação na imagem, mas afirmou que ela mesma fez a edição da foto, em que aparece sentada e rodeada pelos três filhos – George, Charlotte e Louis. De acordo com o palácio, o príncipe William, seu marido e futuro rei, tirou a foto, postada em homenagem ao Dia das Mães, que o Reino Unido celebra em 10 de março.

“Como muitos outros fotógrafos amadores, eu experimento editar as fotos de vez em quando. Queria expressar minhas desculpas por qualquer confusão que a foto de família que compartilhamos ontem causou. Espero que todo mundo tenha passado um feliz Dia das Mães”, afirmou Kate no comunicado.

Suspeitas de “manipulação”

A imagem, publicada na manhã de domingo 10, atraiu a atenção de todo o globo, por ser a primeira de Kate em meses desde que foi submetida a uma cirurgia no abdômen em janeiro. Não tendo detalhado mais nada sobre o procedimento, seu estado de saúde foi alvo de fortes especulações ao longo dos últimos meses.

Logo após ser divulgada, cinco importantes agências de notícias retiraram a foto às pressas de seus serviços: a britânica PA, Getty Images, AFP, Reuters e Associated Press. Segundo comunicado, foi notada uma “inconsistência no alinhamento da mão esquerda da princesa Charlotte”.

Continua após a publicidade

A plataforma X, antigo Twitter, postou seu próprio aviso de isenção de responsabilidade na conta oficial do Príncipe e da Princesa de Gales, dizendo que “acredita-se que (a imagem) tenha sido alterada digitalmente”.

Saúde da princesa

Kate, 42 anos, passou 13 noites na London Clinic, um hospital no centro de Londres, após sua cirurgia. O príncipe William visitou sua esposa durante a internação, mas não houve fotos.

O Palácio de Kensington compartilhou poucos detalhes sobre sua condição, que gerou um turbilhão de teorias da conspiração nas redes sociais, de doação de órgão e plástica mal feita até um possível divórcio entre ela e William. O palácio, que disse que a princesa queria que as suas informações médicas permanecessem privadas, afirmou apenas que não se trataria de uma doença “cancerosa”.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.