Veja Digital - Plano para Democracia: R$ 1,00/mês

O envolvimento de Elon Musk na briga entre Johnny Depp e Amber Heard

Bilionário teria tido um caso com a atriz enquanto ela era casada com o ator, afirma a defesa de Depp

Por Amanda Capuano Atualizado em 28 abr 2022, 15h03 - Publicado em 28 abr 2022, 14h30

O julgamento movido por uma ação de Johnny Depp contra a ex-esposa Amber Heard vem rendendo detalhes particulares dignos de uma novela. Entre brigas sanguinolentas e acusações mútuas, o embate agora adicionou à narrativa o excêntrico bilionário Elon Musk. Na sessão de quarta-feira, 27, o ex-agente do casal revelou que Amber se envolveu com Musk enquanto tentava se reconciliar com o ex-marido. “Não sei se eles estavam namorando, mas passaram algum tempo juntos”, disse Christian Carino em depoimento apresentado ao júri. Carino, que incentivou a reconciliação entre Heard e Depp, foi questionado quanto tempo depois da tentativa de reaproximação ele descobriu que Amber estava em um relacionamento com o dono da Tesla. “Não sei exatamente o período, mas não muito tempo depois”, respondeu.

Na mesma sessão, os advogados de Depp exibiram algumas das mensagens trocadas entre Carino e Amber, incluindo uma em que a atriz lamenta o rompimento com Musk. “Por que você está triste se não estava apaixonada por ele? Você me disse mil vezes que estava apenas preenchendo o espaço”, escreveu o ex-agente, dando a entender que o bilionário seria um “passatempo” para Amber na ausência de Depp.

O julgamento diz respeito a um artigo escrito por Amber para o Washington Post alegando ter sido vítima de violência doméstica. Embora ela não cite o nome de Depp diretamente, o ator, que move uma ação de difamação contra a ex, afirma que o artigo no jornal deixa explícito quem seria o propagador da violência, acusação que detonou sua carreira.

Essa não é a primeira vez que Musk é citado no julgamento. No início do processo, os advogados de Amber disseram que Depp estava “obcecado” por Musk. Durante seu depoimento, o ator disse acreditar que o chefe da Tesla estava saindo com Amber enquanto eles ainda estavam casados — uma estratégia para manchar a credibilidade da ex.

Segundo documentos judiciais, Heard teria começado um caso com Musk um mês depois de se casar com Depp. O empresário, inclusive, teria acesso à garagem do prédio do casal, de onde supostamente entrava na casa através de um elevador. Os dois, no entanto, foram vistos juntos pela primeira vez em julho de 2016, cerca de dois meses depois que ela pediu o divórcio de Depp, e assumiram o relacionamento em 2017.

Em entrevista à FOX News nessa quarta-feira, 27, o advogado de Musk, Alex Spiro, informou à emissora americana que seu cliente não irá depôr no julgamento. Musk, no entanto, foi intimado a entregar à Justiça toda e qualquer comunicação entre ele e Amber em que Depp é mencionado.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)