Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

VEJA Gente

Por Valmir Moratelli
Notícias sobre as pessoas mais influentes do mundo do entretenimento, das artes e dos negócios
Continua após publicidade

Os bordões e frases racistas ditos na TV em 2022

Os comentários que movimentaram a audiência televisiva no ano

Por Valmir Moratelli Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO 25 dez 2022, 08h00

Os assuntos da televisão influenciam e abastecem as redes sociais, assim como o contrário. Em 2022 não foi diferente: muitos momentos da TV repercutiram nas redes. A coluna selecionou algumas das falas mais marcantes.

“BRUACA É A TUA MÃE QUE TE COLOCOU NO MUNDO” – Ao descobrir que foi traída, Maria, personagem de Isabel Teixeira, não admitiu ser chamada pelo jeito ofensivo que o marido a tratava. A frase da novela Pantanal fez burburinho nas redes, a partir dessa reviravolta feminista na trama.

“FIVELA DE RESPEITO!” – Foi como Maria Bruaca chamou o acessório usado por Alcides (Juliano Cazarré), ao ser abraçada pelo peão por trás, em Pantanal. A cena de sedução repercutiu e fez rir.

“O SENHOR É UM PADRE DE FESTA JUNINA” – Soraya Thronicke (União Brasil) soube muito bem definir o candidato à Presidência da República Padre Kelmon (PTB). A fala foi dita no debate que reuniu os presidenciáveis nos estúdios da TV Globo no final de setembro. Aliás, não faltaram frases de efeito no período eleitoral.

Continua após a publicidade

“SILENE, A DONA DA COCADA, VAI FAZER AS HONRAS DA CASA, VAI SERVIR TODO MUNDO. POR FAVOR, PODE OFERECER, QUE TÁ TODO MUNDO QUERENDO A SUA COCADA, TÁ, SILENE?” – Talitha Morete, no É De Casa (da TV Globo), levantou discussão nas redes sociais sobre racismo estrutural.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.