Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Em Cartaz

Por Raquel Carneiro
Do cinema ao streaming, um blog com estreias, notícias e dicas de filmes que valem o ingresso – e alertas sobre os que não valem nem uma pipoca
Continua após publicidade

Roteirista refuta rumores sobre envolvimento de Richthofen em filme

'A Menina que Matou os Pais: A Confissão' finaliza trilogia cinematográfica sobre o caso — mas nega qualquer ligação factível a suas figuras reais

Por Thiago Gelli Atualizado em 10 Maio 2024, 08h15 - Publicado em 30 out 2023, 17h16

O escritor e roteirista Raphael Montes, de Bom Dia, Verônica, Jantar Secreto e outros sucessos da literatura criminal, utilizou sua conta no Instagram para elucidar dúvidas acerca de seu mais recente projeto, o longa A Menina que Matou os Pais: A Confissão, que encerra a trilogia dedicada a representar os antecedentes e a investigação do assassinato de Manfred e Marísia von Richthofen pela filha, Suzane, e os irmãos Daniel e Cristian Cravinhos. Na postagem, o escritor reforça: não há envolvimento qualquer da assassina com o projeto audiovisual.

Em um carrossel de seis imagens, o autor destaca cinco fatos que o espectador “deve saber” antes de assistir ao novo filme. São eles: “Os envolvidos no caso não fazem parte nem contribuem para o filme”; “o filme é uma adaptação baseada exclusivamente nos depoimentos transcritos nos autos do processo, que são públicos”; “as pessoas retratadas nunca receberam nem irão receber nenhum valor ou pagamento”; “a interpretação dos fatos e das versões é facultada ao público” e “não há nenhum uso de verba pública em suas realizações.”

Na internet, a trilogia já foi alvo de críticas por especulação de que Suzane tivesse direito a pagamento pela reprodução de sua história, ou de que os filmes fossem produzidos com orçamento público. No carrossel, Montes ainda rebate acusações de romantização e sensacionalismo, afirmando: “Os filmes não apontam inocentes ou culpados, tampouco romantizam ou enaltecem os assassinatos.”

A Confissão está disponível no catálogo do streaming Amazon Prime Video desde sexta-feira, 27 de outubro. No terceiro capítulo da saga, o ponto de vista que guia a narrativa passa a ser o dos investigadores do caso, vividos por Bárbara Colen e Rodrigo Fernandes. Carla Diaz, Leonardo Bittencourt e Allan Souza Lima retornam como o trio assassino.

Continua após a publicidade

Acompanhe notícias e dicas culturais nos blogs a seguir:

Tela Plana para novidades da TV e do streaming
O Som e a Fúria sobre artistas e lançamentos musicais
Em Cartaz traz dicas de filmes no cinema e no streaming
Livros para notícias sobre literatura e mercado editorial

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.