Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

STJ adia julgamento de ações de Flávio Bolsonaro no caso ‘rachadinha’

Análise de dois recursos do senador que poderiam paralisar investigações estava marcada para esta terça-feira

Por Mariana Muniz 1 mar 2021, 17h32

Os dois recursos da defesa do senador Flávio Bolsonaro contra as investigações do caso das “rachadinhas” que seriam julgados nesta terça-feira foram retirados da pauta da Quinta Turma do STJ.

O adiamento da análise ocorreu na tarde desta segunda e pegou de surpresa até mesmo o advogado de Flávio, Rodrigo Roca, que estava a caminho de Brasília.

Nos processos, o senador, investigado pelo Ministério Público do Rio, pede a anulação de todas as decisões tomadas pelo juiz Flávio Itabaiana — que autorizou, entre outras medidas, a quebra de sigilo do ex-deputado estadual.

Caso prevaleça a tese da defesa, como ocorreu na semana passada, são grandes as chances de que toda a apuração contra o filho do presidente seja colocada em risco.

Nos bastidores, o adiamento foi visto como uma medida do STJ para tirar o foco do caso, que ganhou repercussão após o julgamento da semana passada.

Continua após a publicidade
Publicidade