Blogs e Colunistas

21/08/2012

às 18:15 \ Política & Cia

As mulheres no Exército receberão treinamento para entrar em combate. Vocês sabiam?

Jociele, Vanessa e Ana Paula ficaram animadas com a chance de ingressar na Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN) (Foto: Jefferson Botega / Agencia RBS)

Jociele, Vanessa e Ana Paula ficaram animadas com a chance de ingressar na Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN) (Foto: Jefferson Botega / Agencia RBS)

Artigo publicado por Kamila Almeida no jornal Zero Hora em 20 de agosto

LEI AMPLIA AÇÃO FEMININA NO EXÉRCITO E PERMITE QUE ELAS RECEBAM FORMAÇÃO PARA ATUAR NO FRONT

Projeto sancionado pela presidente Dilma Rousseff obriga o Exército a abrir concurso para mulheres combatentes

As mulheres avançam sobre uma das últimas trincheiras ocupadas exclusivamente por homens no Brasil.

Depois de 20 anos dedicadas a cargos técnicos do Exército, atuando na Saúde, na Educação e na Informática, surge uma nova opção: o quadro de combatentes.

A Aeronáutica e as forças policiais de quase todo o país já ampliaram a ação feminina na linha de frente há anos. Em pleno século 21, a Lei nº 12.705, que entrou em vigor no dia 8 passado, quebra paradigmas, mas é mais tardia do que parece. Isto porque o Exército ainda terá cinco anos para se ajustar a uma realidade mais do que presente no Brasil, que tem, inclusive, uma representante do gênero no comando — a presidente Dilma Rousseff.

Alojamentos e escolas de formação precisarão de reformas estruturais, e até o conteúdo técnico pode sofrer adaptações para recepcionar as novatas na linha militar bélica de ensino. Elas devem ser formadas para atuar em Campanha e poderão até ser vistas a bordo de um blindado, portando fuzis e pistolas, durante patrulhamentos nas missões de paz, por exemplo.

O grau de dificuldades durante a capacitação em escolas como a Academia Militar das Agulhas Negras (Aman) e na Escola de Sargentos das Armas (EsSA), tradicionalmente frequentada apenas por homens, deverá ser o mesmo, independentemente do sexo. Mas alojamentos devem passar por adaptações, incluindo os quartéis.

O coronel da reserva Paulo Roberto de Almeida Rosa, da Comunicação Social da 3° Divisão de Exército, situada em Santa Maria, região central do Estado [do Rio Grande do Sul], lembra que as militares, quando vão para uma missão, recebem um preparo específico, com instrução de tiro e condicionamento psicológico para resistir às adversidades dos locais para onde serão enviadas.

— Embora formalmente não estejam na linha de frente, tecnicamente fazem tudo o que os homens fazem em uma situação extrema. Uma oficial na selva enfrentará adversidades, como exposição ao calor, ao frio, ficará sem banho e dormirá sem conforto. É uma questão de semântica — avalia o coronel Rosa.

Livres de preconceitos, não estarão. Para recebê-las, deve haver muitas mudanças. Há quem comemore a novidade.

— A entrada do segmento feminino já mudou muito o nosso meio, até o jeito como nós nos comportamos. Isso é muito positivo. Ficamos mais sensíveis também — afirma o coronel Francis de Oliveira Gonçalves, comandante e diretor de Ensino do Colégio Militar.

— O homem é impetuoso. A mulher, prudente — lembra o coronel.

A aposta do diretor é de que ambos serão complementos na linha de frente.

 

Vocação familiar

 

Jociele se inspirou no amor do pai à carreira militar para almejar um posto na linha de combate do Exército (Foto: Ricardo Duarte / Agencia RBS)

Jociele se inspirou no amor do pai à carreira militar para almejar um posto na linha de combate do Exército (Foto: Ricardo Duarte / Agencia RBS)

Jociele Moreira Rezende, 16 anos, é filha única de um subtenente do Exército. Admira desde menina as medalhas do pai, Joacir de Oliveira Rezende, 44 anos. Quando o assunto eram os treinamentos de guerra, o coração se enchia de esperanças de um dia fazer igual. Mas sabia que era impossível.

— Como sempre disseram que a gente não podia, saímos em busca de outras possibilidades. Querendo ou não, ficou um pouco de lado esse sonho. Agora, ele renasceu — diz Jociele.

 

Jociele se inspirou no pai para escolher a carreira militar

Ela e as colegas Ana Paula dos Santos Cavalheiro, 16 anos, também filha de subtenente e Vanessa Ferreira Abdalla, 17 anos, cujo pai é coronel, também cultivavam o sonho antigo de entrar para a Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN), castrado pelo rigor da carreira bélica, destinada ao sexo masculino.

No último ano do Ensino Médio do Colégio Militar, as três já definiram carreiras na Engenharia militar e na Força Aérea. A idade máxima para prestar concurso no Exército é 21 anos. Estão chuleando que as vagas sejam abertas antes desse prazo. Jociele largaria tudo para ser intendente no Exército.

— É claro que não é uma profissão normal. O juramento mesmo diz que defenderemos o Brasil com o sacrifício da própria vida, que é o nosso bem maior. Mesmo assim teria muito orgulho se ela conseguisse entrar — argumenta Joacir.

Elas são de uma escola onde muitas moçoilas partilham do mesmo sonho e sentiam a exclusão desde o ambiente escolar. O Colégio Militar tem por hábito organizar excursões para as tradicionais academias militares do país nas férias de julho, mas só os garotos podiam se inscrever para o passeio ao Rio de Janeiro e São Paulo, conta o major Flávio Marcelo Lima dos Santos, comandante da 3ª Companhia de alunos, que congrega o 2º e 3° ano do Ensino Médio:

— É sonho de muitas aqui no colégio. Ficavam fora da viagem porque sabíamos que não era permitido o ingresso delas na maioria das academias. Agora estão animadas para o ano que vem, quando devemos fechar um ônibus só com elas.

 

Forças Armadas têm prazo de cinco anos para formar mulheres combatentes

A Lei nº 12.705/12, sancionada pela presidente Dilma Rousseff, dá prazo de cinco anos para que as Forças Armadas viabilizem o ingresso das mulheres na linha militar bélica. Assim, em breve teremos infantas, cavalarianas, artilheiras, engenheiras e comunicantes (ou será comunicantas?).

Confira:

“Art. 7o O ingresso na linha militar bélica de ensino permitido a candidatos do sexo feminino deverá ser viabilizado em até 5 (cinco) anos a contar da data de publicação desta Lei”.

Quer saber? Já era tempo. Boas vindas à mulherada!

LEIAM TAMBÉM:

Post do leitor: “Sou absolutamente contra mulheres combatentes nas Forças Armadas”

Veja as fotos de mulheres soldados de diversos países. É uma conquista, mas problemas e preconceitos continuam a existir

Deixe o seu comentário

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

» Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

85 Comentários

  1. Tatiana Silva

    -

    21/04/2014 às 1:35

    Tenho 17 anos faço 17 no final do ano. Será que eu tenho oportunidade de fazer parte do Exercito militar.

    Cara Tatiana, a primeiríssima coisa que você precisa aprimorar para pensar em entrar para o Exército é melhorar seu texto. Onde é que ficou o ponto de interrogação em sua frase? E como assim, “Exército militar”. Por acaso existe Exército que não seja militar?

    Depois, pensando em ser militar, você precisa ter o que os militares necessitam em momentos cruciais de sua vida: INICIATIVA. Em vez de enviar um comentário aqui para o blog e esperar passivamente que alguém resolva as coisas por você, vá ao Google, pesquise, procure!

    Comece pelo site do Exército, cujo link não vou lhe passar porque você precisa aprender a se virar desde já.

    Vá em frente e boa sorte.

  2. Fernanda Wilberte

    -

    12/04/2014 às 22:39

    Ólá, meu nome é Fernanda tenho apenas 15 anos e tenho o objetivo de entrar no Exército.
    Eu li algumas perguntas e vi que suas respostas falavam bastante de: Iniciativa,responsabilidade,esforço,correr atrás, etc.
    Então resolvi ir atrás, me informei e agora mais do que nunca quero entrar e servir.Obrigados suas respostas me ajudaram muito.

    Fico feliz por saber, Fernanda. Desejo muita sorte a você!
    Abraços

  3. Raiana

    -

    11/04/2014 às 11:03

    Sou Raiana tenho 17 anos, entrar no Exercito esta virando um sonho de consumo!vou contribuir para que esse sonho vire realidade!

  4. Ludmila Silva

    -

    10/04/2014 às 9:19

    Oi…Quero saber se nos colegios militares de Brasília-DF ja treinam as mulheres para linha de combate?

    Procure se informar por sua conta, pesquisando na Internet. Vá ao site do Exército. Se você tem interesse na carreira militar, precisa ter iniciativa e não esperar que as coisas caiam do céu, não é mesmo?
    Abraço e boa sorte.

  5. samara

    -

    08/04/2014 às 4:39

    queria entrar pra ser combatente servi ao exercito tenho certeza muitas mulheres são capazes

  6. Josi diniz

    -

    01/04/2014 às 22:09

    Meu sonho e entra no exercito, e ser uma enfermeira acho tao lindo Tenho 17 anos e pretendo ingressar brevemente

  7. nerivalda galdino neves

    -

    27/03/2014 às 8:15

    Eu tenho 17 anos gostaria saber se posso fazer parte armadas?

    Como sempre digo, uma habilidade essencial de um militar é ter, em determinadas condições, capacidade de iniciativa. Você, se quer ser militar, deve começar agora, se mexendo e se virando.
    Comece pesquisando pela web os sites do Exército, da Marinha e da Força Aérea e vai encontrar o que precisa. Mas não vou lhe fornecer os links, não. Você precisa fazer alguma coisa por si, e não esperar que elas caiam em seu colo.
    Boa sorte!

  8. catarina

    -

    27/03/2014 às 0:03

    Minha amiga tem 26 anos e gostaria de saber se ela pode fazer parte das forças armadas?

    A primeira qualidade que se exige de um militar é de ter, nas condições devidas, capacidade de iniciativa.
    Diga a sua amiga para ela pesquisar na web, começando pelos sites do Exército, da Marinha e da Força Aérea Brasileira.
    Não vou fornecer os links aqui porque ela precisa desde aprender a ter iniciativa e correr atrás do que deseja.
    Boa sorte.

  9. Talia Aguiar Nielsen

    -

    26/03/2014 às 16:23

    como eu faço para entrar nas forças armadas da base area de santa maria …no casa eu tenho 16 anos faço 17 em setembro posso

    A primeira qualidade de um militar deve ser a capacidade de tomar iniciativa, quando requerido. Você precisa se virar e pesquisar na web. Comece pelos sites do Exército, da Força Aérea e da Marinha. Não vou fornecer os links porque você precisa começar a se esforçar desde já.
    Boa sorte.

  10. sandra

    -

    24/03/2014 às 11:01

    acho bem legal as mulheres poder entrar no exército…tenho muita vontade tbm e vou fazer de tudo pra conseguir servir..e da o melhor de mim e mostrar que nos mulheres somos capazes de fazer o que os homens fazem

  11. joyce

    -

    16/03/2014 às 22:02

    Tenho 14 anos meu maior sonho e servi a marinha do Brasil servi meu país e da u ser deus quizer e ele que n vou desisti do meu sonho jamais quero servi minha pátria amada bjs ass: Joyce

  12. Eulalia Lorrany

    -

    15/03/2014 às 22:59

    Bom,eu tenho 17 anos e quero muito me alistar. E lendo um pouco mais sobre isso me faz querer ainda mais.

  13. Pablo

    -

    15/03/2014 às 19:30

    Por que não estender também às mulheres o Serviço Militar Obrigatório ?

  14. ketlin machado de oliveira

    -

    11/03/2014 às 13:22

    oie eu ketlin tenho 17 anos e des de pequena tenho o sonho de ser uma futura militar do exercito estou corendo atraz mas tenho a certeza q vou conseguir

  15. jani Abreu

    -

    09/03/2014 às 15:49

    Oi eu sou a Jani, e adoraria ingressar na Marinha, estou correndo atrás do meu sonho mais parece estar distante de mais para conseguir.

  16. tereza dalque silva

    -

    07/03/2014 às 16:08

    minha filha tem quatorze anos e quer ce alista como devo fazer ? com quantos aons ela pode se alista ?

    Tereza, procure se informar no Exército. http://www.eb.mil.br/. Abraços

  17. Rebeca Rodriguês Aguiar

    -

    02/03/2014 às 12:26

    Tenho 14 anos, e estou correndo atrás do meu sonho que é ser uma futura militar do Exército, que é meu sonho desde que eu tinha 6 anos de idade, já mandei mensagem para o Exército e me responderam sobre a AMAN, que o ingresso de mulheres está previsto para 2016, estou muito feliz.

  18. Arthur Aguiar

    -

    28/02/2014 às 11:55

    Olá meu nome e Arthur eu queria saber quando vai começar o alistamento ?.

    Ser militar é ter iniciativa, caro Arthur. Pesquisa no Google, procure o site do Ministério do Exército, cujo link não vou fornecer porque você é que precisa correr atrás.
    Boa sorte.

  19. samara amaral

    -

    27/02/2014 às 17:36

    tenho 20 anos e quero entrar nas forças armadas sem nem um curso tecnico
    tem como ?

  20. Kathleen Alexandra de Melo

    -

    19/02/2014 às 1:42

    Olá,meu nome é Kathleen tenho 17 anos,gostaria de saber com quantos anos posso me alistar no Exército?

    Desde já Obrigada.

    Cara Kathleen, como futura militar você precisa ter algo fundamental: iniciativa.
    Então, procure pelo Google o site do Exército e, lá, vá atrás dessa informação.
    Eu não estaria ajudando você se lhe proporcionasse tudo mastigado.
    Acredite em mim.
    Abraços e boa sorte.

  21. Karla

    -

    07/02/2014 às 21:09

    Tenho intenções de entrar no Exército,mas a questão é, se eu entrar agora com meus 17 anos para a AFA e assim que der esses 5 anos, será que poderei mudar para tentar entrar na AMAN?

  22. raillany miranda de sousa

    -

    26/01/2014 às 22:06

    era meu sonho pode entrar no exercito e se4r uma pessoa leal e muito guerreira por que so os guerreiros que entram no exercito e ficam la ,,
    gostaria de ser uma tenente ..
    e trabalhar bastante para um dia ser uma policial militar

  23. Anderson

    -

    23/01/2014 às 17:07

    Tudo muito bonito, tudo muito evoluído… Mas, sinceramente, tenho minhas dúvidas em duas coisas:

    1- acho muito difícil o mesmo tratamento que dispensam a homens na vida militar ser aplicado às mulheres.

    2- acho muito difícil uma mulher conseguir “sobreviver” na vida militar masculina, haja vista que existem treinamentos, instruções e até “pedágios” que muitas mulheres não suportariam puramente por questão fisiológica.

  24. Amanda santos

    -

    18/01/2014 às 10:19

    Eu tenho 19 anos sou do sexo feninina1quero saber se ainda posso mim alista !

    A primeira coisa que você deveria fazer, Amanda, é melhorar seu português, estudar mais. Esse seu “mim alista” é de lascar, desculpe a franqueza. Sem isso, você não tem qualquer chance.
    Depois, pesquisar por conta própria no Google. Procure os sites do Exército, da Marinha e da Força Aérea Brasileira e, nele, encontrará informações sobre o que deseja.
    Não forneço os links aqui porque você precisa desde agora aprender a se virar sozinha, situação que os militares encontrarão sempre ao longo da vida.
    Boa sorte.

  25. Kelli Gusmão

    -

    12/01/2014 às 18:06

    Gostaria de agradecer pessoalmente a presidenta por agora ser possível a realização do meu sonho e de mais centenas de brasileiras…
    Kelli Gusmão,14 anos,moradora do Rio de Janeiro,futura 1 sargenta das forças armadas!

  26. Gleyce

    -

    11/01/2014 às 16:49

    Oie , boa tarde !
    Eu gostaria muito de fazer parte do exército militar.
    E meu sonho servir á força militar.
    - Tenho muito orgulho de ver as mulheres deixando os preconceitos de lado é fazendo o que elas realmente gostam de fazer.
    Ah eu tenho apenas 18 anos e farei 19 anos em 20 de abril !
    Gostaria muito de entra no exército militar !

  27. Ana Larissa Ferreira

    -

    06/01/2014 às 11:46

    Adoraria fazer parte dessa equipe!

  28. elidiane

    -

    09/12/2013 às 10:48

    se Deus quizer com a minha força de vontade e com os meus estudos poderei servi no exercito brasileiro

  29. Yuri Ferreira Motta

    -

    02/12/2013 às 17:13

    Sera que também posso entrar para o exército, quero servir ao meu país porém tenho 15 anos

    Para ser um bom militar você precisa ter iniciativa, Yuri. Então, em vez de mandar uma pergunta pra cá, deveria pesquisar na web. Comece pelo site do Exército.
    Como colher de chá, aqui vai o link:
    http://www.eb.mil.br/
    Boa sorte

  30. Tânia

    -

    27/11/2013 às 20:26

    Aos poucos vamos conquistando mais justiça nesse país! E os preconceituosos aguardem, pois alcançaremos muito mais e provaremos que nós,mulheres, também merecemos nossa chance!

  31. Amanda Ferreira

    -

    26/11/2013 às 22:07

    Bom eu acho muito bom isso!!! Fico Feliz disso este acontecimento espero Tambem Acontecer Aqui no Ms

  32. Hélio Carlos Corrêa

    -

    15/11/2013 às 0:30

    Como sempre, o brasil atrasadíssimo nisso, a AFA já forma pilotos militares femininos, na Intendência também, mas… por que não na Infantaria? Por que não nos Fuzileiros Navais (combatentes, sim)? por que não vir a comandar uma fragata, uma corveta ou um submarino, um dia? Desde que tenham competência para tal, por que não? Machismo idiota de quem não as quer lá.

  33. Ana Kezia Freire

    -

    11/11/2013 às 16:22

    Eu sonho dia e noite para ser militar eu quero servir o exercito , com braveza , e determinação …

  34. Gillian

    -

    11/11/2013 às 13:11

    Meu nome é Gillian e tenho 15 aninhos a penas. Pois bem, desde criança sonhei em entrar para o exército (um sonho que eu acreditava que nunca seria possível). Acho que nós mulheres somos mais capazes que muitos homens por aí. Li um comentários falando sobre banho, cabeleleiro e eu e minhaa amigas (que também pretendem seguir carreira militar) comentamos sobre isso e, sinceramente, ouvi apenas “até raspo se precisar”. Vim de família militar extremamente machista, por isso tenho uma ideia do que todas nós vamos enfrentar… Mas ainda servirei ao meu país na infantaria. E aqui fica uma dúvida: essa lei “talvez” permitira mulhres combatentes com tratamento igual dos homens ou é só papo furado? Porque não entendo quando dizem que a vida da mulher vale mais que a do homem.

  35. adara

    -

    29/10/2013 às 12:07

    eu amei isso quero me escreve faço oque tiver em meu alcancer pra com seguir um gargo assim eu tou muito feliz por tudo eu amo ser carica tenho orgulho do meu pais prabens

  36. fpenin

    -

    20/10/2013 às 10:18

    Setti,
    Respeito as restrições que o blog impõe aos comentaristas, por isso me causa espécie você deixar passar comentários como o do Sr. Valcarcel sobre as mulheres. É preconceito puro…

    Você tem toda razão. Fui rever e deletei todos os que continham o que você aponta.
    Agradeço muito pelo toque.
    Um grande abraço

  37. fpenin

    -

    20/10/2013 às 10:13

    Depois do caso dos médicos cubanos, eu não estranho coisa alguma…

  38. Débora Calheiro

    -

    02/10/2013 às 18:56

    Olá, Tenho 14 anos, Meu grande sonho desde criança e fazer parte do Exercito, Mas em umas das minhas buscas á Internet vi que para fazer parte da Escola de Sargentos das Armas (EsSA), Só pode ser homens, e mulheres somente na área de saúde, então gostaria de saber se está nova adaptação de 5 anos irá fazer parte de todas Academias Militares ou só pro (AMAN)?
    Pois eu gostaria de fazer parte como Artilharia Cavalaria ou Infantaria.
    Atenciosamente, Débora.

    Oi, Débora, realmente você precisa buscar essa informação junto ao exército. Abraços

  39. jamile ires

    -

    02/10/2013 às 10:35

    sou Jamile tenho 18 anos e o meu maior desejo é servir ao exercito brasileiro,gostaria de servir como infanta… só que não sei como iniciar pois já procurei de todas as formas pela internet mas nada esclarece as minhas duvidas,tenho amigos que fazem parte do exercito e eu sempre fico perguntando a eles como é ser membro do exercito..
    sou apaixonada pela profissão e admiro muito quem faz parte.

  40. Greyce Kelly Araújo da conceição

    -

    26/09/2013 às 22:55

    Olá eu me chamo Greyce Kelly tenho 16 e o meu maior sonho e ingressar no exército. Eu queria saber que tipos de cursos eu poderia fazer?

    Você deveria começar a batalhar por si própria e procurar respostas na internet.
    Comece pelo site do Exército. Não vou fornecer o link de propósito, para você se mexer…
    Boa sorte!

  41. Victória Héllen da Rocha Ferreira Silva

    -

    26/09/2013 às 13:22

    Olá meu nome é Victória tenho 19 anos e estou cursando faculdade de enfermagem, eu gostaria de saber como posso entrar no exercito como enfermeira(aeuronautica) termino o curso daqui a 3 anos, tem alguma prova ou curso especifico para eu fazer para poder entrar?

    Victória, comece desde já a ter iniciativa, que é o que mais se exige de oficiais das Forças Armadas: pesquise na Internet!
    Vá, por exemplo, ao site do Exército — http://www.exercito.gov.br –, lá há muita informação.
    E corra atrás, procure pelos sites da Marinha e da Aeronáutica, ou Força Aérea Brasileira.
    Mexa-se!
    Um abraço e boa sorte.

  42. Maressa

    -

    19/09/2013 às 12:32

    Tenho 14 e pretendo entrar para o exercito como combatente daqui a cinco anos terei 19 anos alguém pode me responder se eu ainda poderei entrar como combatente?

  43. tamaramelloreis

    -

    25/08/2013 às 17:02

    tenho 16 anos morro em resende alto dos passos rua sicilia de souza estudo no colegio estadual marechal souza dantas estou no 9 ano e desenho muito adoro deenhar e quero entra pro exercito e fazer engearia porq e uma profiçao boa eu quero pra minha vida e meu sonho de piquena obrigada espero uma oportunidade um dia ……

  44. marcelo

    -

    23/08/2013 às 16:40

    Gostaria de deixar uma questão para debate,tem mulher querendo ir pra AMAN para ser oficial combatente, então não é hora de mulheres servirem como soldados da mesma forma que todos os jovens aos 18 anos?

  45. marcelo

    -

    23/08/2013 às 16:28

    Elas tem de concorrer em condições de igualdade para cargos em todas as Armas , Quadros e serviços e nada de classificar em QG quando se formar aspirante.

  46. SANDRA ALBERTA FIRMO DA SILVA

    -

    15/08/2013 às 19:24

    Oi sou SANDRA ALBERTA FIRMO DA SILVA, UNIVERSITÁRIA da FACULDADE SALESIANA DOM BOSCO DE Manaus, gostaria de saber como faço pra ingressa. obrigada pela atenção.

    Cara Sandra, você é esperta o suficiente para procurar, via Google, os sites do Exército, da Marinha e da Aeronáutica e, neles, entrar em contacto a respeito desse tema.
    E preste mais atenção em seu português: o verbo correto é “ingressar”, com “r” no fim, não é mesmo?

  47. aparecida de jesus cipriano santos

    -

    15/08/2013 às 15:51

    oi sou APARECIDA CIPRIANO tenho 16 anos e gostaria de saber como faço para entra no colegio militar pois quero servir na cavalaria como veterinaría

    Prezada Aparecida, vá ao site do Exército que lá você encontra muita informação:
    http://www.exercito.gov.br/
    E faça sua lição de casa, procurando pelo Google os sites da Marinha do Brasil e da Força Aérea Brasileira, em cujas academias também se admitem mulheres.
    Boa sorte

  48. Carolina F. Dias

    -

    10/08/2013 às 15:26

    Você poderia me informar quando é esse concurso da 1ª série do ensino médio e em que cidade é?
    beijos

    Já lhe disse antes, prezada Carolina: procure no site do Exército http://www.exercito.gov.br/
    e, lá, envie suas dúvidas que algum oficial lhe responderá.

  49. Carolina F. Dias

    -

    10/08/2013 às 13:55

    oi meu nome é Carolina tenho 16 anos gostaria de saber onde tem colégio militar para as mulheres …. beijos

    Prezada Carolina, vá ao site do Exército que lá você encontra muita informação:
    http://www.exercito.gov.br/
    E faça sua lição de casa, procurando pelo Google os sites da Marinha do Brasil e da Força Aérea Brasileira, em cujas academias também se admitem mulheres.
    Boa sorte.

  50. maría isabel da silva

    -

    07/08/2013 às 14:59

    Sou isabel tenho17 anos queria saber como entrar na escola do exército tenho so o segundo ano parei de estuda gostaria muito de estuda nesta escola e meu sonho é um orgulho quando vejo os homem do exército bjs a todos do exército isabel.

    Oi, Isabel, no site do Exército tem as informações: http://www.exercito.gov.br/web/ingresso/escolas-militares. Abraços

  51. ester

    -

    17/07/2013 às 19:34

    tenho 15 anos quero saber como fasso para entra no colegio militar?

    Você é jovem, pesquise um pouco pelo Google. Vá, por exemplo, ao site do Exército:
    http://www.exercito.gov.br/web/guest;jsessionid=1FB85BFEF90F11F48025E7048DC24BB7.lr1
    E, Ester, pelo amor de Deus, vamos melhorar esse português! Eu “fasso”? Assim você não vai ser admitida nunca em nenhum colégio militar — me desculpe a franqueza.
    Boa sorte.

  52. ester

    -

    17/07/2013 às 19:22

    gostaria de saber com q idade posso comesar a fazer o curso preparatorio para entra aeronaltica e como fazer?

  53. laiza

    -

    11/07/2013 às 18:18

    estou na 8° serie estou fazendo curso preparatorio da aspren para entrar na academia militar ano que vem .. queria saber o procedimento ?

  54. cinthia farias sakamuth

    -

    10/07/2013 às 12:17

    tenho muita voltade de igressa des de meus 7 ano na marinah .vou fazer de 19 ! com muita força de voltade eu sei que posso chegar.lá.minhas dificuldades.eu trans formo em balha só assim posso chegar lá! eu vou igressa sim se DEUS quiser…..eu sei que uma mulher pode seguir carreira militar. igualmente um homem.mais concerteza.com reponsabilidade né?

    Prezada Cinthia, pelo que você escreve, para conseguir isso você precisa aperfeiçoar seu português, tá? Estude bastante.
    Abraços

  55. cinthia farias sakamuth

    -

    10/07/2013 às 12:05

    ainda na sociedade,é visto como preconceito uma mulher nas força armadas.eu queria que isso se tornaci real ao olhos dos homens! as mulheres tem todo direito de igressa na aria militar: eu tenho muita voltade de igressa: que as mulheres possa ser respeitada nessa area.
    obrigado

  56. alexandre

    -

    02/07/2013 às 0:31

    Otimo afinal o objetivo de todas as organizações de ensino do brasil não é formar os melhores , mas promover igualdade ¬¬

  57. tereza josé dos santos

    -

    01/07/2013 às 22:32

    queria saber tbm,qual a idade ideal para entra no execeto e como fazer?

  58. tereza josé dos santos

    -

    01/07/2013 às 22:25

    bem,como já falei meu nome é tereza josé dos santos,tenho 18 anos,esse ano conheci um homem q mim encantou,eleé fuzeleiro naval…le mim modtro muitas coisa q vizese com q eu mim apaixonasse pelo o execito,eu ñ tenho minha escolaridade completa,mas como eu mim apaixonei por execito,fou continuar estudando para q um dia eu possa entra..haaaa sou a favor de mulheres no execito..afinal direitos são inguas. um dia eu estare lá lutando pelo nosso brazil…

  59. mayelly gomes dos santos

    -

    17/06/2013 às 17:02

    sou afavor e achei muito bom seus documentarios acho que direitos e iguais sem colocar o sexo da pessoa em questao se for assim homens nao podem trabalhar na moda ou em manicure acho que podemos fazer a area que queremos sem levar em consideraçao se somos homens e mulheres

  60. Jaqueline Marques

    -

    13/06/2013 às 0:55

    Essa nova lei de mulheres agora poderem ingressar no exercito é incrivel, muito boa. Tenho um grande sonho de ser militar, tenho isso como um idea l uma realizacao pessoal, e me alegro em saber que agora sera possivel…eis ai a minha chance!

  61. Elizabete Savian

    -

    04/06/2013 às 12:19

    olá eu tenho 15 anos e quero muito fazer o concurso para a ESSA queria ve com quantos anos podia fazer?
    O meu maior sonho e ingressar em uma carreira militar só queria saber como faço e com quantos anos?

    Muito simples, Elizabete: procure pelo Google o site do Exército. Lá tem todas as informações de que você precisa e formas de contato também — por email e telefone.

  62. bruna oliveira

    -

    02/06/2013 às 17:46

    como ingressar em uma carreira militar?tenho 16 anos

    Procure pelo Google o site do Ministério do Exército e pesquisa lá. Tem tudo.
    Abraço e boa sorte.

  63. mislene miranda

    -

    18/05/2013 às 19:58

    bom eu tenho 17 ano e quero muito entra no exército brasileiro por que eu sou uma mulher e posso servir o meu pais .

  64. Eva

    -

    06/05/2013 às 21:10

    Qual a idade máxima para ingressar no exército? No caso / feminino.

  65. CLARISSE

    -

    23/04/2013 às 19:22

    Lamento, Clarisse, mas não publicamos comentários escritos todos em maiúsculas. Isso consta das regras para comentários no blog, que estão na home page e venho divulgando exaustivamente.
    Confira o link http://goo.gl/u3JHm
    Obrigado.

  66. CLARISSE

    -

    23/04/2013 às 19:18

    Lamento, Clarisse, mas não publicamos comentários escritos todos em maiúsculas. Isso consta das regras para comentários no blog, que estão na home page e venho divulgando exaustivamente.
    Confira o link http://goo.gl/u3JHm
    Obrigado.

  67. Gislayne

    -

    22/04/2013 às 13:41

    Sou apaixonada pelo exercito e gostaria de ingressar, mais tenho muitas duvidas,tenho apenas 15 anos e quero que alguém me ajude!

    Vamos lá, Gislayne.
    Visite o site do Exército. Se quiser, vá direto ao link que passo em seguida, que fala dos colégios militares. O site do Exército também tem como você entrar em contato para desfazer dúvidas.
    http://www.exercito.gov.br/web/ingresso/colegios-militares
    De nada.

  68. rhaiane martins

    -

    17/04/2013 às 19:53

    injusto a idade ser sóaté os 21 eu já tenho 23 ñ posso fazer é o meu sonho tbm +passei da idade agopra né

  69. Jane

    -

    25/03/2013 às 22:10

    Sou Policial Feminino aposentada, Até que enfim isso ocorreu. Não mencionando Parido, pois eu não escolhi um para as próximas eleições, ms tenho certeza se não tivéssemos uma mulher na presidência as forças armadas se renderiam a essa lei

  70. Thays

    -

    17/03/2013 às 2:24

    Olá, meu nome é Thays, tenho 15 anos, faço 16 dia 17 de junho, curso o 1º ano do ensino médio,e queria saber como eu faço para estudar em um colégio militar.
    Sempre procuro no google algumas informações, só que só fala sobre o sexo masculino, queria me informar mais sobre isso, e se tem como eu entregar em alguma escola militar com essa idade. Desde já, grata.

    Cara Thays, vá ao seguinte link do site do Exército:

    http://www.exercito.gov.br/web/ingresso/formas-de-ingresso

    Se nada conseguir ali, há uma forma de encaminhar perguntas no seguinte link>

    http://www.acessoainformacao.gov.br/sistema/

    Abraços

  71. Andresa

    -

    04/03/2013 às 20:45

    Olá,eu gostaria de saber se essa lei só vai começar a valer daqui a 5 anos, ou se ate antes desse prazo poderar ter o ingresso das mulheres nessas respectivas áreas, pois eu mim irei termina meu Ensino Médio bem antes do que esse prazo.

    Cara Andresa, a lei se refere À POSSIBILIDADE DE A MULHER RECEBER TREINAMENTO PARA MISSÕES DE COMBATE, e, como está no post, só vai começar a valer em agosto de 2017.

    Veja o texto integral da lei no link

    http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2011-2014/2012/Lei/L12705.htm

    Mas você pode ingressar na carreira militar assim que terminar o Ensino Médio. Procure nos sites dos Ministérios do Exército, da Marinha e da Aeonáutica pelo Google para saber como.

    Boa sorte.

  72. tainara

    -

    04/03/2013 às 9:22

    como faco para me engreçar no colegio militar com 16 anos quero cervir o exercito.

    Prezada Tainara, é muito simples: procure no Google que você certamente encontrará as informações desejadas. Eu não as tenho.
    Abraço

  73. Tenente de Comunicações

    -

    17/12/2012 às 19:18

    Creio que a AMAN é muito rigorosa para mulheres. Não tem nada a ver com a novelinha…

    Um dos campos, quando eu estava no primeiro ano, teve participação dos alunos do Instituto Militar de engenharia (IME), e quase todos ficaram muito na merda. As mulheres, então, nem se fala. Isso que o tratamento com o pessoal do IME era muuuuito brando.

    Quero ver a mulherada ficar sete, nove dias sem banho. Falar é fácil, mas vão acabar tirando a vaga de quem teria condições de concluir a AMAN, pois creio que grande parte vai pedir desligamento.

    Só quero ver quando tiver uma Operação Afim, uma bela Siesp (principalmente a do terceiro ano, que o cadete começa o campo no domingo à noite e só vai dormir na quinta à noite – sim, de domingo a quinta sem dormir NADA) com 50km de marcha carregando mochila com 20kg e armamento pesado.

    Não é preconceito, mas mulher não é para isso. É de muito grande proveito tê-las ao nosso lado, mas a AMAN não é feita para elas. Aliás, não sei nem como eu terminei. Eu e muitos outros. Toda hora sofrendo, querendo largar tudo, é sofrido demais.

    Sempre que me acontece algo que seria a pior coisa da minha vida, eu falo: “isso seria a pior coisa que já aconteceu na minha vida, se eu não tivesse feito a AMAN. Então, esta é a SEGUNDA pior coisa que já me aconteceu”

    Mas… Dilma manda, e é mulher. Quer direitos iguais…

    Só queria ver ela na AMAN.

  74. Rayza

    -

    31/10/2012 às 19:17

    Gostaria de saber se a essa lei valerá pra 2013 em diante ou só mesmo daqui a 5 anos? Gostaria muito de entrar para a EsPCEX!

  75. Berta Reel

    -

    20/10/2012 às 21:37

    Tem homem fugindo do serviço do Exército, fugindo dos casamentos, e ainda vão obrigar mulheres a substituí-los nas guerras… Penso que o melhor para a nação é a mulher deixar as guerras, as armas e a violência para os homens.Nossa responsabilidade com a paz e a educação do ser humano é a coisa mais sublime que podemos realizar.Não se iludam mulheres.

  76. SAULO - PE

    -

    18/10/2012 às 19:30

    Alguém pode pensar que essa ideia de mulher no exército é nova, mas basta dar uma olhada no indispensável “Soldados da Pátria”, do historiador Frank Mc Cann, professor da University of New Hampshire, que na página 427 diz que o Gen Góes Monteiro queira, em 1934, incluir a mulher no serviço militar já naquela constituição.

  77. Taynara

    -

    13/10/2012 às 13:26

    Como faço para entrar em um colegio militar morro em Monte Carmelo, em janeiro faço 16 anos, mas quero estudar em um colegio militar?

    Prezada Taynara, seria fácil você procurar pelo Google o site do Exército.

    Fiz isso por você e lá foi simples encontrar o link que fala sobre os colégios militares: consulte o link

    http://www.exercito.gov.br/web/ingresso/colegios-militares

    Boa sorte e um abraço.

  78. Amanda

    -

    21/09/2012 às 8:32

    Olá, gostaria de saber se esse prazo é de cinco anos ou poderá ser menor ? me formo antes disso e queria logo que sair do ensino médio entrar no exército.

  79. Jhonatan

    -

    22/08/2012 às 22:50

    Se uma mulher pode ser infante, por que ela nao pode servir obrigatoriamente a nação? Acho que a ideia do serviço militar obrigatorio para pessoas do sexo masculino passa , a partir dessa nova lei, a ser ultrapassado.

  80. João Maurício Valdetaro

    -

    22/08/2012 às 20:51

    Li essa reportagem em outro blog. Achei interessante. Vale a reflexão.

    http://conservador.blog.br/2012/08/chega-de-igualdade-mulher-nao-da-para.html

  81. Fabio Silveira

    -

    22/08/2012 às 14:06

    Questão complicada essa hein. Mas, já que será assim, que tal o alistamento ser obrigatório também para o sexo feminino?

  82. Angelo Losguardi

    -

    22/08/2012 às 1:09

    Pois é, boas vindas… Que revigorem o espírito das nossas forças armadas, que andam cabisbaixas e desmoralizadas. Espero que saibam se impor e façam esse governo golpista e fascista pensar mil vezes antes de prosseguir essa jornada ao chavismo.

  83. Pedro

    -

    21/08/2012 às 22:30

    “O grau de dificuldades durante a capacitação em escolas como a Academia Militar das Agulhas Negras (Aman) e na Escola de Sargentos das Armas (EsSA), tradicionalmente frequentada apenas por homens, deverá ser o mesmo, independentemente do sexo”.
    Desculpe-me a sinceridade, mas o grau de dificuldade não será o mesmo e nem poderia ser, pois sabemos que homens e mulheres tem seus limites físicos diferenciados. Como militar e com experiência no exterior com militares femininas de outros países, acredito que devemos analisar com calma e bom senso esta nova situação, a fim de não cometer-mos erros primários na aplicação da lei, que pode até prejudicar as mulheres ao invés de beneficiá-las.

  84. ALBERTO SANTO ANDRE

    -

    21/08/2012 às 21:51

    so precisamos que tenhamos estrtutura e finaciamento, nao so para as mulheres soldados ,mas tambem para os homens, visto que nosso sistema de forcas armadas esta falido,e ja ha algum tempo ,e estes problemas nao sao resolvidos com estorias ,como a cumpanheirada esta acostumada a fazer para levar os incautos no bico.

  85. Marco

    -

    21/08/2012 às 21:38

    Dom Setti: Pelo menos às Forças Armadas vão ficar mais extrovertida, e com um doce aroma se houver alguma explosão e se tiver em cadeia, se resolve tudo com um bom cabeleireiro. Risos.
    Abs.

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados