Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Críticas ao Galaxy S5 derrubam chefe de design da Samsung

Substituto começou na empresa desenhando carros e se tornou o mais jovem executivo sênior da empresa em 2010

A Samsung, maior fabricante de smartphones do mundo, anunciou nesta quinta-feira a substituição do executivo responsável pelo design da linha Galaxy. Um porta-voz da companhia anunciou que Chang Dong-hoon renunciou ao cargo e será substituído por Lee Min-hyout, atual vice-presidente de design móvel. A empresa não comentou os motivos da mudança, mas ela ocorre logo depois de a nova versão do Galaxy S5, que chegou às lojas em abril, ter sido alvo de críticas de consumidores e analistas.

Leia também:

iPhone 6, iPad Air e iPad Mini vão ter sensor de digitais

iPhone é o eletrônico preferido dos brasileiros no eBay

Novo Galaxy S5 supera o iPhone 5S. Por pouco

Os críticos alegam que a nova versão do aparelho Galaxy S5 não apresenta recursos inovadores e, apesar de trazer mudanças no design, mantém o acabamento em plástico. Alguns analistas de tecnologia chegaram a comparar a versão dourada do produto a um band-aid, já que o item possui pequenos furos na parte traseira.

Min-hyout, novo chefe de design da Samsung, tem 42 anos e se tornou o mais jovem executivo sênior em 2010, por sua participação na criação dos smartphones da linha Galaxy. Considerado um gênio do design pelos funcionários, ele começou na empresa desenhando carros, quando a Samsung tinha uma joint-venture com a Renault, nos anos 1990. Sua contribuição para a linha Galaxy é apontada como vital para que a Samsung superasse a Apple, que liderava o mercado de smartphones com o iPhone.

Segundo a Samsung, apesar de renunciar ao cargo de chefe de design da linha Galaxy, Dong-hoon continuará a ser o responsável pelo centro de design da Samsung. Essa unidade é responsável por orientar a estratégia de design para todos os produtos eletrônicos da marca.

(Com agência Reuters)