Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

João Doria afirma que Joice Hasselmann ‘seria muito bem-vinda ao PSDB’

Mas governador paulista explica que segue parceiro de Bruno Covas e diz que não articula para que a deputada saia como candidata à Prefeitura de São Paulo

Por João Batista Jr. - 4 mar 2019, 01h30

Ao contrário das evidências, o governador paulista João Doria afirmou que segue parceiro do correligionário Bruno Covas e que não articula para que a deputada federal Joice Hasselmann saia como candidata à Prefeitura de São Paulo — no lugar de Covas.

“A Joice já desmentiu sobre isso (o desejo de se candidatar)”, diz ele, presente no camarote Número 1, na Sapucaí. Mas não é bem assim. Perguntado se ele gostaria que a deputada trocasse o PSL pelo PSDB, Doria é bem claro: “Ela seria muito bem-vinda”.

Além do Carnaval de São Paulo e Rio, o governador paulista irá ainda a Salvador na terça-feira, 5. Uma agenda de quem parece estar em campanha. No camarote carioca, ele é o único a não usar a camiseta-abadá e faz selfies com todos aqueles que pedem.

Publicidade