Clique e assine a partir de 9,90/mês

‘Eleição não foi sobre economia’, diz Guedes após vitória de Bolsonaro

Assessor econômico é o nome do presidente eleito para cuidar das finanças do novo governo; segundo ele, população votou em princípios e valores

Por Luisa Bustamante - 28 out 2018, 21h56

Escolha de Jair Bolsonaro para comandar a economia a partir de 1º de Janeiro, o economista Paulo Guedes afirmou depois da vitória do candidato do PSL que o tema economia não foi o foco desta eleição. O tema é apontado por uma série de especialistas como a grande prioridade para o avanço do país.

“Essa eleição não foi sobre economia. A economia foi muito pouco importante, foram valores e princípios que ele defende. A corrupção na política e a violência que têm que acabar. A população brasileira votou em princípios, não votou em economia”, disse a VEJA.

O economista não quis informar qual será sua primeira medida para a economia no novo governo. “Vamos atacar tudo. Prioridade são os gastos públicos em excesso”, disse, sem entrar em detalhes.

Guedes acompanhou a apuração dos votos ao lado de Jair Bolsonaro em sua casa. Por volta de 21h30, deixou o condomínio do capitão para encontrar com as lideranças da campanha no hotel Windsor, próximo ao local.

Publicidade