Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Aécio diz que recebeu decisão do STF com ‘absoluta serenidade’

Após ministro Marco Aurélio Mello autorizar volta ao Senado, tucano afirma que seguirá no mandato ‘com a seriedade e determinação que jamais me faltaram’

Por Da Redação 30 jun 2017, 16h09

O senador Aécio Neves (PSDB-MG) disse que recebeu com “absoluta serenidade” a decisão do ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal, para retomar o seu mandato, do qual estava afastado há 42 dias por decisão do ministro Edson Fachin, a pedido do procurador-geral da República, Rodrigo Janot.

Segundo ele, também foi com serenidade que ele acatou, “de forma resignada” e respeitosa a decisão anterior. Aécio foi afastado em razão de seu envolvimento nas acusações levantadas pelo empresário Joesley Batista e outros executivos da JBS em acordo de delação premiada fechado com o Ministério Público Federal.

  • Alvo de gravação feita por Joesley – na qual pede R$ 2 milhões ao empresário –  e da Polícia Federal, ele é alvo de dois inquéritos no STF decorrentes por obstrução de justiça e corrupção passiva. O senador nega as acusações.

    O presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), já foi notificado da decisão do STF e afirmou que “adotará as medidas administrativas necessárias” para Aécio voltar às atividades legislativas. Entre as medidas, o nome do senador deve voltar a constar no painel eletrônico do plenário da Casa para que ele participe das votações a partir da próxima semana.

    Continua após a publicidade
    Publicidade