Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Estudante brasileiro em intercâmbio é encontrado morto na China

O gaúcho Leonardo Rosa estudava mandarim no país asiático desde o segundo semestre de 2018; Itamaraty não divulgou circunstâncias da morte

O estudante gaúcho Leonardo Cláudio da Rosa – que cursava Letras na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e estava em intercâmbio na China desde o segundo semestre do ano passado – foi encontrado morto na cidade de Chongqing, no sudoeste do país asiático.

A informação foi confirmada pelo Itamaraty e pela universidade na noite desta segunda-feira 15, mas não há detalhes oficiais sobre as circunstâncias e a data da morte. De acordo com o Instituto de Letras da UFRGS, colegas de intercâmbio relatam que Leonardo foi vítima de um crime.

O Ministério das Relações Exteriores e a Embaixada brasileira na China apuram o caso e trabalham para providenciar o traslado do corpo. Em nota, a universidade gaúcha expressou “profunda consternação”.

“Faremos o que estiver a nosso alcance para que as autoridades brasileiras busquem junto ao governo chinês o esclarecimento cabal dessa incompreensível tragédia”, declarou a direção do curso de Letras da UFRGS.

Leonardo estudava mandarim no país asiático e, pelas redes sociais, compartilhava detalhes de sua rotina em Pequim, cidade a cerca de 1.500 quilômetros de Chongqing, onde foi encontrado morto.