Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Coronavírus: democratas Biden e Sanders cancelam comícios de campanha

Ambos tinham eventos em Cleveland, Ohio, enquanto disputam os votos de seis outros estados nas prévias desta terça-feira

Por Da Redação 10 mar 2020, 19h44

Os dois pré-candidatos do Partido Democrata à Casa Branca, Bernie Sanders e Joe Biden, cancelaram seus comícios previstos para a noite desta terça-feira, 10, no estado de Ohio devido à disseminação da epidemia do novo coronavírus (SARS-CoV-2) nos Estados Unidos. Em meio aos crescentes temores no país, onde há mais de 470 casos confirmados, a suspensão dos eventos a apenas uma semana das prévias da legenda naquele estado foi um feito inédito na campanha eleitoral.

“Devido a preocupações de saúde e segurança pública, cancelaremos a reunião desta noite em Cleveland”, disse o diretor de comunicações de Sanders, Mike Casca. “Respeitamos as advertências dos funcionários do estado de Ohio, que expressaram sua preocupação por organizar grandes eventos em espaços fechados durante a epidemia de coronavírus”, acrescentou.

A diretora de comunicações da campanha de Biden, Kate Bedingfield, tuitou que a equipe eleitoral do ex-vice-presidente “continuará a consultar autoridades de saúde pública e anunciará sobre [a situação de] eventos futuros”. Seu evento também seria em Cleveland.

De acordo com o jornal The New York Times, há três pacientes contaminados pelo novo coronavírus no estado de Ohio. Em todo o país, segundo relatório da Organização Mundial da Saúde (OMS) desta terça, há 472 casos e 19 mortes.

Ohio, que realiza suas primárias em 17 de março, é considerado um dos quinze estados mais representativos do eleitorado democrata em todo o país em questão de etnia e escolaridade, segundo o portal de análise estatística Five Thirty Eight. Com 11,6 milhões de habitantes — equivalente à população do Rio Grande do Sul —, é o sétimo estado mais populoso dos Estados Unidos e votou a favor do republicano Donald Trump nas eleições de 2016.

  • Mini ‘Super Tuesday’

    A sete dias do pleito em Ohio, nesta terça, seis estados somando mais de 8% do eleitorado democrata realizam suas primárias. O dia é batizado pela imprensa americana de “Mini-Terça”, em referência à “Super-Terça”, ocorrida em 3 de março e na qual esteve em disputa cerca de 34% do eleitorado democrata nacional.

    As urnas desta terça começam a fechar a partir das 20h na costa leste americana (21h, em Brasília).

    (Com AFP)

    Continua após a publicidade
    Publicidade