Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Dana White: ‘O Mike Tyson do UFC foi Ronda, não McGregor’

"Ela tinha uma aura de invencibilidade que nunca tínhamos visto antes", afirmou o dirigente sobre a ex-rainha do MMA

O presidente do UFC Dana White não esconde sua admiração pelo irlandês Conor McGregor, campeão peso-leve do UFC e que atualmente se prepara para enfrentar o americano Floyd Mayweather em uma megaluta de boxe – promovida justamente por Dana. O cartola, porém, não concordou com a comparação entre McGregor e o ex-boxeador Mike Tyson. Segundo Dana, quem revolucionou o MMA da mesma forma que Tyson fez com o boxe em décadas passadas foi uma mulher: Ronda Rousey.

“Nosso Tyson foi Ronda Rousey. Ela tinha uma aura de invencibilidade que nunca tínhamos visto antes. Essa era a razão pela qual todos diziam que ela era o nosso Mike Tyson. Ela foi a atleta mais dominante do planeta”, afirmou Dana no podcast Bite the Mic (a partir de 18 minutos).

“Conor McGregor é completamente diferente de Tyson. Ele tem um jogo verbal, diz em que round vai ganhar…. acho que só uma vez ele errou. Quando ele dizia que nocautearia José Aldo no primeiro round, as pessoas achavam que ele era louco. Hoje as pessoas não duvidam mais.”

A americana Ronda Rousey, de 30 anos, está afastada do octógono desde o fim do ano passado, quando foi massacrada pela brasileira Amanda Nunes. Antes, em novembro de 2015, ela havia perdido o cinturão depois de seis defesas consecutivas com outro nocaute arrasador diante de Holly Holm.

Recentemente, Dana White afirmou que não acredita que Ronda voltará a lutar pelo UFC. “Ela não se aposentou, mas a minha opinião é que irá se aposentar”, disse Dana, em entrevista ao portal MMA Junkie