Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Bons restaurantes franceses em Belo Horizonte

Confira os estabelecimentos da categoria que valem a visita

Por Daniel Salles, Rafael Rocha, Juliana Koch, Juliana Soares, Lígia de Matos, Marcus Celestino, Mariana Celle e Rafaela Matias Atualizado em 9 dez 2017, 13h25 - Publicado em 9 dez 2017, 04h00

O roteiro a seguir, com dez endereços, integra a edição de VEJA COMER & BEBER BELO HORIZONTE 2017/2018:

Taste-Vin: eleito o melhor francês pelo júri
Todos os meses, a equipe capitaneada pelo mineiro Rodrigo Fonseca, um engenheiro que se reinventou como chef há três décadas, prepara cerca de 1 600 suflês. Eles chegam à mesa com a borda crocante, transbordando a porcelana, em treze versões. O campeão de pedidos, batizado com o nome da casa, leva camarão grelhado, cogumelo-de-paris e queijo gruyère (R$ 95,00). O mais em conta combina vagem, cenoura, espinafre e alho-poró (R$ 54,00). Os suflês disputam atenção com receitas como o atum com pimenta e gengibre ao molho agridoce mais cebolas ao gorgonzola (R$ 92,00) e as costeletas de cordeiro grelhadas, guarnecidas de feijão-branco e alho confitado (R$ 90,00). Para provar o joelho de cordeiro cozido lentamente ao molho de vinho tinto e alho, servido com batata dauphinoise (R$ 120,00), é preciso encomendá-lo 24 horas antes. No começo da refeição, vale a pena aceitar o couvert composto, por exemplo, de queijo de cabra com azeite e ervas frescas, tomate semidesidratado e musse de pepino com limão (R$ 23,00 por pessoa). A parede repleta de vinhos mostra que a bebida ali tem papel de destaque. Gosta do assunto? Peça para conhecer a enorme adega, onde descansam mais de 850 rótulos, do trivial italiano Castellani Elitaio Montepulciano d’Abruzzo (R$ 79,20) ao lendário Château Latour 1995 (Pauillac – Premier Grand Cru Classe), vendido por R$ 7 886,20. Para finalizar, fazem sucesso os suflês com chocolate ou banana com praliné de amêndoas (R$ 25,00 cada um). Rua Curitiba, 2105, Lourdes, ☎ 3292-5423 e 2555-3585 (90 lugares). 19h30/0h (sex. e sáb. até 1h; fecha dom.). Aberto em 1988. $$$

2º lugar: Au Bon Vivant
O casal formado pela mineira Silvana Watel e pelo francês Philippe Watel preza pela cozinha francesa tradicional. Os clientes vão em busca de pratos como os cogumelos-de-paris à provençal, salteados na manteiga com vinho branco, ervas, cebola e tomate-cereja, acompanhados de cesta de baguete (R$ 38,00). O clássico magret de pato ao molho de laranja sai a R$ 83,00 e pode anteceder a torta de limão com biscuit de café e chantili de iogurte grego (R$ 21,00). A carta de vinhos contabiliza quarenta rótulos. Rua Pium-í, 229, Cruzeiro, ☎ 3227-7764 (55 lugares). 19h30/23h30 (sex. e sáb. até 0h; fecha dom. e seg.). Aberto em 2013. $$$$

3º lugar: D’Artagnan Bistrô
A ligação da chef Marise Rache com a gastronomia vem de família: o pai, seu D’Artagnan, bebia vinho diariamente e, com a mãe ela aprendeu a cozinhar. No restaurante, a irmã Denise atua como mâitre. Apesar de ser bastante lembrado pela comida francesa, o cardápio engloba outras cozinhas. É o caso do camarão com requeijão ao forno guarnecido de arroz de coco e batata chips (R$ 99,00). Ou do kedgeree, prato inglês inspirado na culinária indiana que reúne cubos de hadoque ao curry envoltos em arroz e ovos de codorna cozidos (R$ 95,00). Entre as especialidades francesas está o escalope de filé-mignon ao poivre guarnecido de tagliatelle ao creme de grana padano (R$ 88,00). O pastel de queijo de minas requeijão e alho-poró servido com chutney de tomates sai a R$ 29,00, com seis unidades. Rua Tomás Gonzaga, 593, Lourdes, ☎ 3295-7878 (72 lugares). 19h/0h (sex. 12h/16h e 19h/1h; sáb. 12h30/1h; dom. 12h30/17h; fecha seg.). Aberto em 2001. $$$

Benvindo
O francês Alain Patrick Ducasse — quase homônimo do célebre chef Alain Ducasse, do Plaza Athénée, de Paris — prepara almoço executivo de preço convidativo (R$ 44,90), com direito a entrada, prato principal e sobremesa. Entre as quatro sugestões diárias aparecem receitas como a minitorta de pato, o escalope ao molho béarnaise e o creme brûlé. No jantar, à la carte, o menu ganha mais opções, como o arroz com camarão à provençal e azeite de ervas (R$ 57,90) e o coq au vin, frango ao molho de vinho tinto, servido com arroz basmati e quiabo grelhado (R$ 44,00). Todos os dias, uma seleção de vinhos pode ser degustada à vontade pelo preço fixo de R$ 39,90 por pessoa. Rua Felipe dos Santos, 162, Lourdes, ☎ 3327-3374 (70 lugares). 12h/15h e 19h/0h (seg. só jantar; dom. 12h/17h). Aberto em 2009. $$

Continua após a publicidade

Gomide
Não cobrar rolha é um dos atrativos do endereço, que entrega uma culinária francesa com influências italianas. O turnedô rossini, filé-mignon alto de 300 gramas grelhado e coberto com foie gras, é servido com risoto com manteiga de trufas (R$ 129,00). Entre os pescados, o badejo chega envolto em crosta de avelã e guarnecido por molho de limão, arroz negro e aspargos frescos (R$ 99,00). O corneto de mascarpone (R$ 25,00) pode encerrar a refeição. De terça a quinta a casa serve menu degustação com entrada, prato principal e sobremesa (R$ 69,00). Rua Tomás Gonzaga, 189, Lourdes, ☎ 3292-4928 (88 lugares). 12h/15h e 18h/0h (dom. e feriados 12h/17h; sáb. só jantar; fecha seg.). Aberto em 2006. $$$

L’Entrecôte Bistrô
Apesar de o contrafilé com molho e batatas fritas (R$ 55,00) ainda ser a estrela da casa, outros pratos foram incorporados ao menu desde que o restaurante deixou de se chamar L’Entrecôte et Frites Tous les Jours, em 2014. O corte bovino segue como destaque em outros pratos, caso do entrecôte alfredo, guarnecido de fettuccine ao molho de creme de leite fresco, sálvia e queijo (R$ 58,00). De entrada, vale compartilhar o steak tartare (R$ 29,00). Na sobremesa, a musse de chocolate meio amargo (R$ 14,00) pode ser repetida. Rua Marília de Dirceu, 116, Lourdes, ☎ 2515-2811 (68 lugares). 12h/15h e 19h/0h (seg. só almoço; sáb. 12h/17h e 19h/0h; dom. e feriados só almoço até 17h). Aberto em 2011. $$

L’Entrecôte de Paris
A franquia presente em dezessete cidades brasileiras também fincou bandeira em BH. Seu diferencial é trabalhar com o conceito de um único prato individual, no caso o entrecôte (corte nobre do contrafilé) fatiado com batata frita e molho secreto que leva 21 ingredientes e é apurado por horas e horas. É possível pedi-lo em três tamanhos: 110 gramas (versão infantil; R$ 42,90), 180 gramas (R$ 59,90) e 220 gramas (R$ 69,90). Todas as pedidas acompanham uma salada de entrada. Para sobremesa, o grande sucesso é a la surprise (R$ 27,90), esfera de chocolate recheada com sorvete de creme, biscoito champanhe e amêndoas laminadas. Ao trazê-la à mesa, o garçom joga calda de Nutella quente sobre a esfera, para derretê-la. Rua Marília de Dirceu, 189, Lourdes, ☎ 3327-4959 (80 lugares). 12h/15 e 19h/23h (sex. 12h/15h e 19h/0h; sáb. 12h/16h e 19h/0h; dom. 12h/17h; fecha seg.). Aberto em 2015. $$

Mes Amis
Em uma esquina movimentada do bairro de Lourdes, a cozinha do chef Carlos Gomes propõe receitas que variam conforme as estações do ano. Podem aparecer risoto de camarões ao molho pomodoro e pesto (R$ 74,00) e filé-mignon ao molho de vinho tinto com tagliatelle na manteiga de alho (R$ 79,00). Antes dos principais, Gomes sugere ovo pochê com molho de cogumelos (R$ 29,00). O creme brûlé clássico (R$ 21,00) figura entre as sobremesas. Rua Rio de Janeiro, 1973, Lourdes, ☎ 2526-4888 e 2516-8666 (120 lugares). 18h/0h (sáb. a partir de 12h; dom. 12h/18h). Aberto em 2011. $$$

Mon Caviste Bar à Vin
Antes uma importadora de vinhos franceses presente nos shoppings BH, Pátio Savassi e DiamondMall, a casa ganhou em 2016 uma unidade de rua que abriga também um restaurante. Entre as sugestões do cardápio estão o entrecôte marchand de vin (bife ancho ao molho de vinho tinto acompanhado de batatas rústicas; R$ 70,00) e o tartiflette (gratinado de queijo reblochon com bacon, cebola e batata cozida no vinho branco; R$ 65,00). A carta traz rótulos de importação própria, como o espumante do Vale do Loire Vincent Edouard Poirier Brut (R$ 60,00), boa pedida para harmonizar com a generosa tábua de aperitivos com queijos reblochon, raclette e saintpaulin, presunto de Parma e terrines de campagne e de peixe (R$ 55,00). Rua Curitiba, 2244, Lourdes, ☎ 3291-1447 (180 lugares). 19h/0h (dom. 12h/17h; fecha seg.). Aberto em 2016. $$$

Paris 6
A filial de Belo Horizonte do restaurante de origem paulistana tem como um dos sócios o jogador Diego Tardelli, ex-Atlético Mineiro e atualmente no time chinês Shandong Luneng. A decoração kitsch segue a linha das outras unidades, só que inclui fotos de celebridades mineiras do mundo das artes, do esporte e da música. Famosa pelas sobremesas, a casa serve cinquenta variações de grand gâteau (maior que o petit gâteau normal) com recheios variados e um picolé de fabricação própria espetado nele. Serve duas pessoas, e o valor varia entre R$ 36,00 e R$ 39,00. Antes, como prato principal, pode-se escolher o nhoque de brie ao molho quatro queijos, que chega gratinado e custa R$ 67,00. Shopping Pátio Savassi, ☎ 3318-1800 (148 lugares). 7h/1h (sex. e sáb. até 2h). Aberto em 2016. $$

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês