Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

O Som e a Fúria

Por Felipe Branco Cruz
Pop, rock, jazz, black music ou MPB: tudo o que for notícia no mundo da música está na mira deste blog, para o bem ou para o mal
Continua após publicidade

O alerta dado por Katy Perry sobre ex-marido acusado de estupro

Comentários antigos da cantora voltaram à tona com as denúncias em torno do comediante Russell Brand

Por Raquel Carneiro Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO Atualizado em 13 Maio 2024, 21h06 - Publicado em 18 set 2023, 11h47

O ator e comediante Russell Brand, que também ficou famoso por defender cuidados com a saúde mental – e por ter sido casado com a cantora Katy Perry –, foi acusado de estupro por uma mulher e de importunação sexual por três outras, segundo uma investigação em parceria de dois jornais e um canal de TV na Inglaterra. Brand nega as acusações e chegou a publicar nas redes sociais um vídeo se defendendo. A notícia que começou a circular ao longo do fim de semana resultou na retomada de antigos comentários e alfinetadas de mulheres que se relacionaram com ele no passado, entre elas a cantora pop. 

Em uma entrevista de 2013, Katy afirmou que Brand era muito controlador e que, após o divórcio, descobriu a “verdade” sobre quem ele era, porém, não falaria sobre isso publicamente. “Apenas vou dizer que nunca mais nos falamos desde que ele me mandou uma mensagem de texto terminando o casamento no dia 31 de dezembro de 2011”, afirmou a cantora. Os dois começaram a namorar em 2009 e se casaram em 2010 – 14 meses depois, se separaram. Na época, Brand culpou Katy pelo fim da união, dizendo que o ritmo de trabalho intenso da cantora, então em turnê, atrapalhou a relação. 

Outra cantora e ex do comediante, Dannii Minogue afirmou em uma entrevista de 2006 que Brand era um “predador vil” e “viciado em sexo”. Outro incidente envolvendo o ator voltou à tona, em uma entrevista em 2012 com a jornalista Liz Hayes para o programa 60 Minutes: Brand entra no programa e beija Liz na boca diante das câmeras como uma “brincadeira”. O caso fez Brand ser afastado de duas instituições de caridade, uma voltada para assistência de mulheres e outra para viciados em drogas em recuperação. 

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.