Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Eclipse solar 2017: confira os melhores vídeos

O dia escureceu por alguns minutos nesta segunda-feira, durante um eclipse solar total nos EUA. Veja as melhores imagens capturadas pelos cientistas

Por Da redação 22 ago 2017, 16h57

Após o belo eclipse solar que cobriu os Estados Unidos de costa a costa, os cientistas reuniram as informações sobre o fenômeno e elaboraram vídeos e gráficos que revelam incríveis detalhes do momento em que a Lua passou em frente ao Sol. Pesquisadores da Nasa e do Departamento Nacional de Administração Oceânica e Atmosférica (NOAA, na sigla em inglês) dos Estados Unidos registraram como o céu ficou escuro em 14 estados do país, onde o Sol ficou 100% encoberto pela Lua. Confira os melhores vídeos e imagens:

O satélite GOES12, do NOAA, registrou como a sombra da Lua atravessou o território dos Estados Unidos:

Já a câmera do telescópio EPIC, da Nasa, que fica localizado no satélite DSCOVR, do NOAA, capturou a sombra da Lua passando pelo globo:

No vídeo abaixo, capturado durante a transmissão realizada pela Nasa em conjunto com o Exploratorium, a Lua aparece exatamente em frente ao Sol, em um momento chamado de “totalidade”. Apenas a corona do Sol fica visível – parte que é de grande interesse para os estudiosos, pois é a mais difícil de ser observada quando um eclipse não está acontecendo. É possível observar também o “efeito anel de diamante” que é formado quando a Lua começa a entrar ou sair da frente da estrela. Esse efeito ocorre porque os raios de luz refletem nas crateras e montanhas lunares enquanto a corona do Sol fica visível, dando um o aspecto brilhante.

Continua após a publicidade

Em sua transmissão com a Nasa, o Exploratorium registrou imagens em que é possível observar a corona do Sol e o anel de diamante formado nos momentos anteriores e posteriores à totalidade:

O pesquisador Thomas Zurbuchen, da diretoria de missões científicas da Nasa, participou da cobertura da agência espacial americana e pode registrou, a bordo de uma aeronave, a sombra do eclipse passando pela superfície terrestre:

No curto vídeo abaixo, gravado pela Nasa durante o eclipse total no estado americano de Missouri, é possível escutar grilos cantando durante o momento de totalidade. Como o dia escurece quando a Lua cobre 100% do Sol, os insetos se comportam como se fosse noite e começam a cantar. Depois, quando a estrela reaparece, o barulho cessa:

O Observatório de Dinâmica Solar da Nasa registrou o eclipse parcial visto do espaço, mas com a câmera apontada diretamente para o Sol:

Brasil 

No Brasil, o fenômeno foi um pouco mais tímido – apenas uma parte da nossa estrela ficou escondida pelo satélite, configurando um eclipse parcial. Por aqui, estados do Norte e do Nordeste tiveram a oportunidade de observar o espetáculo com uma fração considerável do Sol encoberta (até 40%).

Continua após a publicidade

Publicidade