Clique e assine a partir de 8,90/mês

Grupo de treze presos foge de centro de detenção provisória em São Paulo

Os detentos fugiram após o horário de visitação no domingo e ainda não foram localizados

Por Giovanna Romano - Atualizado em 6 jan 2020, 11h20 - Publicado em 6 jan 2020, 10h32

Um grupo de treze presos fugiu do Centro de Detenção Provisória (CDP) II de Chácara Belém, na zona leste de São Paulo, no início da noite deste domingo, 5. A Polícia Militar (PM) foi acionada por volta das 18h30 para atender a ocorrência na unidade, que fica na avenida Condessa Elizabete Robiano, 900, próximo à Marginal Tietê.

Quando a PM chegou ao local, os detentos já haviam escapado. A corporação informou que intensificou o policiamento na região com viaturas e com o helicóptero águia, mas não encontrou os fugitivos.

A Secretaria de Administração Penitenciária (SAP) informou por meio de nota que os treze fugitivos estavam fora das celas, no domingo, após acabar o horário de visitação. Quando os agentes realizavam a contagem dos presos, o grupo pulou o alambrado e fugiu. Os demais detentos foram trancados em suas celas pelos agentes.

“A direção do CDP ll de Chácara Belém vai aumentar o número de funcionários do posto e a altura do alambrado, além de colocar ofendículo no alto deste, para inibir novas evasões”, informa a Secretaria. Os detentos em questão estavam em regime semiaberto, mas voltarão para o fechado quando recapturados.

O CDP Belém abriga presos provisórios, que ainda não foram julgados pela Justiça. De acordo com informações da SAP atualizadas em 3 de janeiro, o centro tem capacidade para 853 detentos, mas abriga 1.283.

Continua após a publicidade
Publicidade