Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Coronavírus já mata mais que acidente de trânsito por dia no Brasil

As 114 mortes registradas entre segunda e terça ultrapassam pela primeira vez a média diária de 111 vítimas em decorrência de choques com veículos em 2019

Por Da Redação Atualizado em 30 jul 2020, 19h25 - Publicado em 8 abr 2020, 16h33

O  total de mortos pelo coronavírus em apenas um dia no Brasil já supera a média diária de mortes em decorrência de acidentes de trânsito, uma das principais causas de mortalidade no país. Entre segunda e terça-feira, o Ministério da Saúde  registrou 114 vítimas fatais da Covid-19, o maior número já registrado em 24 horas desde o início na pandemia e praticamente a mesma média diária de falecidos no trânsito no ano passado: 111.

Com 40.721 vítimas em 2019, segundo relatório anual da Líder, administradora do seguro DPVAT, as mortes no trânsito são a décima principal causa de mortalidade do Brasil. O ranking é encabeçado pelas vítimas de problemas de saúde como câncer (223.757) e doenças do coração (175.950) e cerebrovasculares (99.904), segundo o Datasus de 2018 – último ano atualizado -, plataforma de dados sobre mortalidade do Ministério da Saúde.

O número de mortos registrados nas últimas 24 horas no Brasil pelo coronavírus também equivale à média de mortes por armas de fogo (119) ocorridas no país em 2018, também segundo o Datasus.

  • Embora seja uma pandemia, com registro de mais de 60.000 mortes no mundo e ainda em fase de expansão no Brasil, onde já matou 800 pessoas até esta quarta-feira – o pico da infecção ainda não foi registrado -, o coronavírus tem uma letalidade menor do que a do Influenza, vírus responsável pela gripe comum e pela pneumonia, que matou 80.496 pessoas em 2018, o que dá pouco mais de 220 mortes por dia – na projeção de autoridades de saúde, no entanto, essa média será superada em breve pela Covid-19.

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade