Mauricio Lima Radar on-line

Radar on-line

Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Severino Motta, Ernesto Neves e Pedro de Carvalho

sobre

O Radar publica informações exclusivas e bastidores de tudo o que for relevante. Da política à economia; do esporte à área cultural; do mundo dos negócios à segurança pública – tudo cabe neste espaço, desde que seja uma informação confiável e inédita.

À moda do ‘Netflix

Por: João Campos

juca

Juca Ferreira, o ministro da Cultura

Está em desenvolvimento no Ministério da Cultura uma espécie de Netflix brasileiro a ser lançado em 2016.

Ainda não foi definido se a gestão de uma plataforma de vídeos sob demanda seria pública ou em parceria com a iniciativa privada, mas a ideia é que inclua apenas filmes brasileiros.

Vai incluir filmes sob domínio público, oferecidos de graça, e filmes sobre os quais ainda incida o direito autoral e que, consequentemente, serão cobrados.

Voltar para a home
TAGs:

Comentários

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

*

  1. Catarina Almeida

    Essa idéia já existe e é totalmente gratuita! Acessem o primeiro portal via streaming de cinema nacional. http://www.cinenoar.com.br

  2. Marcos

    Olha as pornochanchada de volta! kkkk

  3. Maurício Araújo

    Nem se me pagarem eu quero isto…

  4. Gerhard Erich Boehme

    Nada melhor que o livre mercado para decidir. Cabe, quando muito, ao Estado incubar as empresas.

  5. Paulo Mantrhax

    Uma pena que esse governo nao tenho um ministro que preste…..nem presidente que preste. alias nada que preste……

  6. João

    Sob a presidência de Ze de ABreu, vice Presidente Paulo Betti, vem aí mais uma estatal, a NETBRASIX!

  7. Dilma Presidanta

    Amigos, fiquem tranquilos, nós não vamos ficar até 2016 então este projeto não vai sair do papel …

    Nós até pensamos em fazer uma parceria com o Netflix mas empresa séria não aceita roubar.

    Temos que arrumar dinheiro urgente para tirar os cumpanheiros da cadeia e roubando vocês é a melhor coisa ….

  8. Marcelo

    Mais uma “jaboticaba” estatal brasileira…agora até nisso esses picaretas estão metendo a colher. O governo do PT abre mais uma frente para abrigar “cumpanheros” desocupados e gastar dinheiro suado do contribuinte com cretinices que não existem em nenhum outro país. Bando de incompetentes, ministérios que não produzem nada de útil, cadê a educação convencional, não comunista, na escola?…vai demorar prá nos livrarmos desta raça pútrida?

  9. Marcelo

    A questão não é se o filme é bom ou não. Com certeza, esse projeto visa pegar dinheiro público e fazê-lo cair em algum bolso de um espertalhão comunista.

  10. hilton brucutu

    em disso poderiam lançar um canal onde os micro empreendedores pudessem anunciar seus produtos e serviços gratuitamente, ai sim seria um projeto realmente voltado para o cidadão brasileiro !!!

  11. cristina

    TODO COMUNISTA É LADRÃO!!!!!!

  12. BoatCap

    E, a propósito, obrigada VEJA por está começando a se ajeitar de volta. Vou até abrir uma exceção e comprar a revista dessa semana. Tinha assinatura antes mas faz anos que cancelei. Se continuar melhorando talvez eu volte a ser freguês…

  13. BoatCap

    Oh, magote de corno! Não cansam de pagar mico não, é? Se alguém quisesse ver esses filmes já teria assistido. O povão ignora vocês e ainda assim vocês continuam a lamber seus próprios ‘cunhões’? Já que culhões não têm, né?¹

  14. Nelson Simas

    Esse governo torpe só pensa em gastar. Sempre com propaganda, vão passar apenas enaltecendo as proesas do PT e seus bandidos de estimação.

  15. marcello

    Que boooooosta..mas nem de graça….

  16. ps

    Essa petralhada não se toca mesmo…é vagabunda demais…

  17. david

    É assustador o folêgo e disposição dessa gente em sangrar a sociedade, definitamente eles “c… e andam” para o que a sociedade brasileira pensa. Nada é de graça, é mais um jeito de empregar cumpanheiros, agregados e umas licitações que eles adoram. Espero que quando esta espécie for extirpado do governo, crie-se uma secretaria das idéias demissíveis: explico; toda vez que alguém vier com este tipo de proposta seja demitido na hora a bem do serviço público, milhões serão poupados.

  18. Nathos

    Aposto que na estreia tera o filme sobre o Lula. Ainda bem que o de Dirceu nao esta pronto.. ainda! Sera que a Sininho vai receber convite de direcao de filmes e seriados?

  19. Chico Pinedo

    Meu Deus, outra TV Brasil??? Estes caras não percebem que isto não é papel do Estado? Ou fazem tais propostas para, sem licitação, contratar serviços dos amigos, com dinheiro que falta para hospitais, remédios, segurança pública, educação, etc…A Ilha da Fantasia precisa ser desmontada!!!

  20. GEROLDO ZANON

    Se ele tivesse feito um vídio sobre as manifestações de ontem o sucesso seria imediato

  21. Marianita

    Qual filme brasileiro merece ser assistido de novo??? Nem a pau Juvenal… só lixo……..Vivem criticando os Estados Unidos mas vivem copiando tudo de lá……nojo….

  22. Amanda Pereira Sampaio

    Com certeza, os cidadãos prefeririam um desconto nos impostos sobre remédios, alimentação, ou tecnologia, em vez de um projeto público de algo que é oferecido de uma forma acessível com a Netflix.

  23. mary nunes

    Filmes brasileiros continuam pessimos e nem quem inventou isso vai assistir.

  24. Marcos F

    Lá vem roubalheira!

  25. Erick Rissato

    E quem vai ter coragem de pagar pra assistir um filme do Fabio Porchat ou Leandro Hassun???

  26. Havenox

    “Que tal cobrar menos imposto e deixar que eu decida o que eu quero ver?” Que tal ein?

  27. Reges

    Será ótimo, com certeza!

  28. Mário Avelino

    Tanta coisa importante por fazer e esse povinho inventando moda…
    Alguém tem que chamar essa gente de volta desses delírios em que se envolvem, ou chamem logo a ambulância e os leve para um manicômio.
    O Ministério da Cultura deveria trocar de nome para Ministério da loucura ou da piada.
    Fala sério!

  29. Josynaldo Barroso

    Para com isso, governo. Chega de mentira. Cadê a internet para todos? Cadê a internet de graça?

  30. Dill Mandioco

    Mais uma brilhante fórmula “socialista”: empurrar goela adentro conteúdo brasileiro, não importando se é bom ou não, ou se existe alguém interessado, tolhendo a nossa liberdade de escolher o que assistimos, e bancado com verbas públicas, para garantir, em nome do nacionalismo, as boquinhas nas tetas estatais dos pseudo-artistas apadrinhados que irão receber o seu, o meu, o nosso dinheiro, sem o nosso consentimento. E continua a farra às nossas custas, bancando a fartura dos vendidos. Se fossem bons de fato, as pessoas iriam fazer questão de pagar para assistí-los… Resumindo: o “estado” administra o seu bolso, e sabe o que é melhor para você…

  31. Luiz Voador

    Mais um cabide de empregos para os “companheiro”. São de dom;indo público? Então cede pro Netflix, Youtube, chapeuzinho vermelho…

  32. Hugo Mendonça

    Não acredito que perdi tempo da minha vida lendo essa desgraça de matéria…porque insistem em querer arruinar com nossa paciência injetando sandices descabidas como estas? Sinceramente quero que esse Ministério da Cultura voe pelos ares e leve junto esses fascinolas de m…para bem longe do nosso convívio! País retrogrado!

  33. Alvaro

    mais uma forma de roubar nosso dinheiro!!! pq não haverá assinantes para bancar isso ai não

  34. omar

    De graça para o povão .
    Os filmes da lei ruanet .

  35. Sergio G

    …mais um cabide de emprego para os “cumpanheru” e foco de corrupção…
    …e eu pagando toda essa conta…
    …até quando, pt, vocês nos roubarão?
    …até morrerem todos?
    …pois comecemos já!!!

  36. ANGÈLÌKA -

    Quem vai bancar a infraestrutura de grande porte?
    Uma infraestrutura tecnológica para este tipo de Projeto requer grande investimento financeiro e humano, de onde o “Ministro Viajante da Caravana da Cultura” vai tirar recursos, ele vai se utilizar da Lei Rouanet para passar a sacolinha nas empresas?
    Mais um Projeto falido, criado por “palhaços demagogos” para enganar os trouxas.

  37. laercio

    Só se for para exibir filmes do Mazzaropi, Oscarito e Grande Otelo, Ankito e outros grandes atores, do tempo em que o cinema brasileiro prestava.

  38. MICHAEL

    Essa turma do MinC come cocô, vive em uma dimensão paralela ou está tentando sugar os últimos trocados antes da canoa virar de vez?
    Robert – 16/8/2015 às 9:01 PERFEITO!

  39. Justice

    Não inventem mais um jeito de lavar direito, seus vagabundos. Ninguém acredita mais em tipo de corruptos incompetentes da laia de vocês. A farra acabou cambada de ladrões!

  40. maria-maria

    Só faltou estipular a quantia que pagarão a quem se dispuser a assistir ao lixo

  41. Marcello Castellani

    Somente em países atrasados é que se prospera esse tipo de sandice. O governo brasileiro é incompetente para cumprir com suas atribuições básicas e vai se meter no ramo de vídeos? Só posso pensar que daí sairá mais e mais corrupção e desvios de dinheiro público.

  42. wilson

    Basta ver pois assistir é muita sofrimento uns 5 minutos a TV Brasil a TV traço
    para saber a jequice e atraso que vai ser.

  43. deaC

    Essa gente não tem jeito, estão sempre cavucando pra desviar dinheiro de nós, os otários, que pagamos os impostos. CANALHAS!

    Vamos ficar de olho pra ver se isso prospera, na verdade, vamos combater pra que não prospere.

  44. clama

    Não percam tempo…….

  45. Marcio Andrade

    O comentário do Robert é perfeito. Além do mais, não cabe ao inepto MinC virar plataforma de negócios e fazer a exploração de produtos e bens privados, como os filmes. Há algum tempo, esse ministro inculto e insosso ameaça, em suas entrevistas, colocar o Governo como protagonista no campo dos serviços digitais, certamente para servir aos googles, facebooks e teles da vida. Um acinte ao povo, à cultura, à livre iniciativa e à soberania nacional. Fora, Juca.

  46. MARAT

    .
    Essa iniciativa do Min. da Cultura visa arrumar pixulecos para quem?
    .
    Enquanto imperar a Lei Rouanet, financiado o lixo cultural ai exposto não dá para acreditar em NADA do que venha deste governo.

  47. fortruth

    Mais dinheiro suado do povo brasileiro indo pro buraco. E o pior, vai custar caríssimo pra ninguém ver. Fora PT!!!

  48. Jose

    Certamente é um projeto de alguma empresa companheira que assim receberá rios de nosso dinheiro para operar o sistema. Antes, mesmo que não chegue a funcionar, serão gastos milhões nos estudos, consultorias, pesquisas, etc.

  49. Eduardo Santos

    Netflix do Ministério da Cultura é dinheiro do Contribuinte posto no lixo!
    Os bons filmes são reconhecidos e recompensados pelo mercado.

  50. cristina

    Só posso dizer uma coisa: PQP!!!!!!!!!