Mauricio Lima Radar on-line

Radar on-line

Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Severino Motta e Pedro de Carvalho

sobre

O Radar publica informações exclusivas e bastidores de tudo o que for relevante. Da política à economia; do esporte à área cultural; do mundo dos negócios à segurança pública – tudo cabe neste espaço, desde que seja uma informação confiável e inédita.

Rio tenta mudar projeto que legaliza jogos de azar para ter receita

Por: Vera Magalhães

Almeida: Loterj no lobby pelo jogo

Almeida: Loterj no lobby pelo jogo

O presidente da Loterj, Sergio Martins de Almeida, se reunirá com os três senadores do Rio nesta quarta-feira para articular a apresentação de emendas de interesse do Estado ao projeto de lei 186, de Blairo Maggi (MT), que regulamenta a exploração de jogos de azar no país.

O prazo para apresentar sugestões ao projeto termina na sexta-feira.
O Rio acha que, do jeito que o artigo 5o. do PL 186 está redigido, o governo federal fica com o filé da exploração dos jogos, criando um monopólio para si. Isso porque a proposta não só retira o direito de explorar o que já existe, como loterias estaduais, como incumbe os governos estaduais de fiscalizar a atividade sem reter nenhum trocado.
Almeida tentará convencer Romário, Lindbergh Farias e Marcelo Crivella de que, independentemente da opinião de cada um deles sobre legalização de jogos, não dá para, na pindaíba em que o Rio está, perder ainda mais recursos.
Voltar para a home
TAGs:

Comentários

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

*

  1. desiludido

    O RIO está falido. Nada mais resolve. Olim Piadas para carioca ver.

  2. jose

    Palhacada essa legalização de mafiosos , so vai servir para fortalecer ainda mais o crime organizado e deixar o povo com sempre em segundo plano.

  3. wilson

    Este pilantra vai melar o projeto.

  4. jonas

    Cretino, que riqueza é produzida por jogo de azar? O safado já mama nas tetas do governo estadual e ainda quer que os 3 patetas incompetentes votem para aprovar o nefasto projeto do idiota blairo magi. Seus débeis mentais, não perceberam ainda que os milhões da mega sena não resolveram os problemas do país?