Blogs e Colunistas

domingo, 11 de abril de 2010

16:24 \ Brasil

A carta que James Cameron enviou a Lula sobre Belo Monte

James Cameron, diretor de Avatar e Titanic, os dois maiores blockbusters da história do cinema, enviou na quarta-feira passada  uma carta a Lula pedindo que seja revista a decisão do governo de construir a megausina hidrelétrica de Belo Monte.  Na carta, Cameron, que chegou ao Brasil ontem para lançar o DVD de Avatar, pede para ser recebido por Lula e acusa Belo Monte de ser “ um projeto dinossauro, baseado em soluções do século passado“. O Planalto negou a audiência ao cineasta. 

Lula não quer poleminar sobre um assunto sobre o qual ele disse na quinta-feira:  “Uma coisa vocês podem estar certos: nós vamos fazer Belo Monte. Isso é importante que fique claro em alto e bom som”.  Mas a carta foi recebida pelo governo e até agora está sem resposta.

Na carta de 1499 palavras, Cameron diz coisas como:

Vossa Excelência tem uma grande oportunidade, como líder mundial, de tomar medidas decisivas em curto prazo para demonstrar o comprometimento do Brasil com estas questões vitais. Estou me referindo ao projeto da usina de Belo Monte, que deverá ir a leilão em 20 de abril. Eu acredito profundamente que este projeto não deveria ser realizado, e eu apelo a vossa excelência , com base na lógica e na compaixão, a interceder e impedir seu progresso.

 - Vossa excelência pode questionar meu posicionamento sobre esta questão, como não brasileiro, mas eu acredito que esse tema nos afeta a todos, em todo o mundo.

- Existe vários argumentos lógicos contra a hidrelétrica. A usina irá inundar mais de 500 Km2 de terra, e desviar grande parte do fluxo do Xingu para dois canais artificiais para a barragem. Isto deixará comunidades indígenas e tradicionais sem água, peixes e meios de transporte fluvial por 100 km na Volta Grande. A baixa do nível das águas do rio prejudicará a produção agrícola na região, afetando pequenos agricultores indígenas e não indígenas e a qualidade da água. Provavelmente, a floresta amazônica nesta região não sobreviverá. A formação poças de água represada entre os seixos da Volta Grande será um forte vetor de proliferação de malária e outras doenças . Comunidade rio acima, incluindo os Kayapós, irão sofrer com a perda de peixes migratórios que são parte crucial de sua dieta.

- A hidrelétrica de Belo Monte está sendo financiada e subsidiada pelos contribuintes brasileiros, mas pouco da energia gerada irá para a população. A maior parte será consumida pelas mineradoras de alumínio das vizinhanças, que empregam muito pouco em relação aos à energia consumida, e cujos lucros corporativos serão majoritariamente enviados para o exterior. Acredito que a população brasileira não está ciente disso, e vê a hidrelétrica como um projeto criado para seu benefício. As demandas de energia do Brasil seriam melhor atendidas com investimento de uma fração dos custos destes mega-projetos em alternativas mais eficientes e renováveis, como energia eólica e solar .

-Acredito que, como líder mundial, Vossa Excelência tem a  uma oportunidade sem precedentes de tomar uma posição e ser visto como um herói do século 21, ao guiar o Brasil rumo a uma visão sustentável de futuro. Belo Monte é um projeto dinossauro, baseado em soluções do século passado. Olhar os rios do Brasil como energia líquida é um paradigma obsoleto.

- Possivelmente Vossa Excelência me considerem um estrangeiro invasivo que não entende a realidade política de seu país. Mas eu me preocupo profundamente com o futuro de todos nós,  e por isso me sinto compelido a falar. Seria uma enorme honra para mim poder discutir estes assuntos pessoalmente com Vossa Excelência.

Por Lauro Jardim

Deixe o seu comentário

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

» Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

Envie um comentário

O seu endereço de email não será publicado

34 Comentários

  • Alexandre

    -

    14/2/2011 às 16:08

    Gostaria de saber se ele fez alguma coisa contra o vazamento de petróleo no golfo do México, contra a impunidade dos pilotos americanos que mataram, por incompetência, passageiros e tripulantes do vôo da GOL, contra os Países que não assinaram o protocolo de Kyoto e sobre as mentiras do Bush? Se a única coisa que ele fez foi pedir mais patrocínio para seus filmes, ele é um hipócrita e deve ter vergonha na cara e ficar calado.

  • Missao Tanizaki

    -

    4/2/2011 às 9:56

    Barragens das Hidrelétricas Brasileiras & AGUAPÉ

    Prezado Cidadão Brasileiro,

    A Equipe BR do AGUAPÉ a ler a matéria (Link abaixo), entre outras, percebe rapidamente que muitos PESQUISADORES são demasiadamente PONTUAIS e por essa razão NÃO PERCEBEM os seus ERROS quando se fala do nosso AGUAPÉ.

    http://www.xinguvivo.org.br/2011/01/18/a-usina-hidreletrica-de-belo-monte-em-pauta/

    Chegaram mesmo a declararem que se tratava de uma PRAGA que causa PROBLEMAS às Navegações nas Hidrovias.

    Em muitos Blog’s há comentários apresentando CRÍTICAS, mas Propostas de SOLUÇÕES ninguém ou poucos apresentam – a Equipe BR do AGUAPÉ atua de Forma Diferente, com os PÉS no CHÃO e por isso tem a apresentar o que segue.

    Podemos / devemos atuar para reconstruir a IMAGEM DENEGRIDA das BARRAGENS, basta que se INVISTA POLITICAMENTE no FOMENTO da Produção & Industrialização do AGUAPÉ.

    Que as Emissões dos GEE seja 1 ou 30 %, citado na matéria (Link abaixo), com a nossa Produção & Industrialização do AGUAPÉ podemos retirar o Gás Carbônico da Atmosfera e Matérias Orgânicas / Minerais que estão causando a POLUIÇÃO em nossas ÁGUAS em todas as Regiões do BRASIL – ALERTAMOS que não há necessidade de RECURSOS FINANCEIROS / TECNOLÓGICOS, mas requer Empenho de Esforços ÉTICOS.

    Abrindo as PORTAS ÉTICAS para a Produção & Industrialização do AGUAPÉ, estamos certos que surgirão rapidamente alguns Milhares de Interessados pelo AGUAPÉ dispostos a Colherem / Controlarem o EXCESSO da Produção do AGUAPÉ que já causou alguns PROBLEMAS de NAVEGABILIDADE nas HIDROVIAS do BRASIL e em outros Países.

    Tudo pode ser realizado à CURTO PRAZO & SEM Demanda Financeira, mas será necessário estabelecer uma POLÍTICA ÉTICA de Soma de Esforços (UNIÃO) na Sociedade Brasileira que deve partir ou ser iniciada pelo MMA, MAPA, entre outras Instituições Públicas.

    Lembramos aqui que estamos convictos que a Produção & Industrialização do AGUAPÉ tem POTENCIALIDADE para substituir toda Produção Mundial do PETRÓLEO, entre outros, e no futuro se tornará a Matéria Prima VERDE (BIOMASSA) da Química VERDE

    Com o exposto acima a Equipe BR do AGUAPÉ recomenda uma profunda REFLEXÃO e fica aguardando as MANIFESTAÇÕES dos Cidadãos Brasileiros ÉTICOS (e-mail: missao.tanizaki@gmail.com).

    CUIDADO: O AGUAPÉ, na maioria das situações, pode estar contaminado por Microorganismos Patogênicos ou Produtos Tóxicos que pode atingir / contaminar as Pessoas Inexperientes e ser FATAL – requer utilização de Sistema de Proteção apropriado.

    NOTA 01: a Equipe BR do AGUAPÉ recomenda ampla utilização do AGUAPÉ à todos que acreditam na Química VERDE.

    NOTA 02: o RELATO da sua Experiência de Vida pode VALER muito mais que RESULTADOS de PESQUISAS NÃO-ÉTICOS, Novas LEIS, entre outros recursos, estabelecidos e aprovados por Deputados / Senadores pouco PREPARADOS para estabelecer as Verdadeiras Soluções para essa e outras QUESTÕES.

    NOTA 03: é de sua RESPONSABILIDADE utilização CORRETA / ÉTICA das INFORMÇÕES repassadas pela Equipe BR do AGUAPÉ.

    NOTA 04: “Quando Sonhamos SOZINHOS é só um SONHO, mas quando Sonhamos JUNTOS é o início de uma Nova Realidade” (D. Helder Câmara) – apresente as suas MANIFESTAÇÕES (Críticas, Sugestões, ETC.), utilizando o Endereço Eletrônico: missao.tanizaki@gmail.com, certo que muitos na Sociedade Brasileira, inclusive a Equipe BR do AGUAPÉ, te agradeçerão.

    NOTA 05: torne-se DIFERENTE no seu Dia a Dia, certo que no FUTURO, não distante, conseguirá FANTÁSTICOS RESULTADOS que poucos conseguem – na medida do possível inicie o seu DIA, arregaçando as mangas & mãos as obras no cumprimento das suas Obrigações / Deveres, certo que vai Pré-Aquecer a sua MENTE para realizar, com SABEDORIA os TRABALHOS do DIA a DIA, entre OUTROS.

    NOTA 06: a Equipe BR do AGUAPÉ já tomou as iniciativas para a criação da OSCIPE – Equipe BR do AGUAPÉ, visando abrir OFICIALMENTE as PORTAS para toda Sociedade Brasileira, principalmente para os PESQUISADORES, AUTORIDADES e os POLITICOS que se apresentarem Interessados pelo AGUAPÉ.

    Um Abraço Fraterno aos Interessados pelo AGUAPÉ,

    MISSAO TANIZAKI
    Servidor Público Federal
    Bacharel em Química
    missao.tanizaki@gmail.com (Usual)
    missaotanizaki@yahoo.com.br (Alternativo)
    OSCIPE – Equipe BR do AGUAPÉ
    TUDO POR UM BRASIL & MUNDO MELHOR

  • Humberto

    -

    5/5/2010 às 23:21

    Pelo amor de Deus!!!! Não da pra acreditar na quantidade de burros que ainda apoiam esse Belo Monte. Não estam vendo que isso não vai melhorar nada na vida da população e sim piorar da povo dessa região? Vamos ser realistas e ver oque realmente esta prestes a acontecer no nosso país!!!!!!!!!!

  • Sidney Azevedo

    -

    30/4/2010 às 21:26

    É isso mesmo, esse pessoal de Hollywood vem da Amazônia faz um discurso pra convencer índio e depois vem pra SP, é claro ficar no Hilton Holtel ou no Renascence, no 20º andar pra cima é claro, nos melhores apartamentos, ou voçê acha que eles iriam ficar no Amazônas levando picadas de mosquito.
    Eu sei muito bem como esses gringos depravados agem no Brasil, há um tempo atrás estive com alguns deles no Hilton, para uns serviços de tradução, eles sabem muito bem o que querem e com quem querem.

  • Gel

    -

    26/4/2010 às 12:11

    Primeiro, Lula não conseguiu entender o texto. Basta ver que a Dilma é sua pupila e não sabe falar, pensar, etc, parece que esta sequelada. Segundo, a Nova Ordem Mundial não vai deixar barato.

  • Fernando Pinheiro

    -

    26/4/2010 às 2:25

    Vários dos opositores ferrenhos aos projetos do atual governo federal são, curiosamente, membros ou seguidores dos partidos oposicionistas a este governo. Ou seja: se opõem por razões políticas ou ideológicas? Quantos falam realmente em nome do bom senso e do interesse nacional? Alguns são dos comitês de outros candidatos à presidência, mas falam em nome ‘dos índios, da terra, dos ribeirinhos’ … (*aqui mesmo nessa lista de comentários isso ocorre).
    p.s. dizerem que a energia hidroelétrica não é limpa porque gera metano foi dose … daqui a pouco vão dizer que também não é renovável.

  • Angela Paiva

    -

    24/4/2010 às 21:13

    A questão é muito maior que isso, nós brasileiros pensamos de maneira muito egoísta, progresso á todo custo e não pensamos no futuro das gerações. Já tivemos muitas atitudes impensadas como Balbina, etc, até que ponto vale á pena ?
    Precisamos de uma política já de controle da natalidade, sabemos dos impactos gerados pela construção dessa usina ,al´´em de ambiental temos o social, agregado temos DS|T’s, prostiuição infantil,pedofilia, AIDS, filhos da construção e todo um problema sociaol fgerado no entorno da usina, que depois as construtoras não irão resolver o seu problmea de violência , falta de estrutura e moradia digna, o trabalçho será sazonal, e vcs brasilewiros , cometidos pela ganância serão cobais novamente da própria burrice ocorrendo um ciclo vicioso do mal. O micro clima tb será afetado, ou vc snhunca houviram falar em rios aéreos…….depis não adinata chorar que perdeu casa, não adianta reclamar da seca que perdeu lavou ra , etc, seja mais prudente………. e pense com o mínimo de sabedoria……….tente evoluir pelo menos uma vez na vida………

  • Edenir

    -

    22/4/2010 às 13:29

    Porque o PV (partido verde) naum escreveu para o presidente?
    Porque naum vemos nenhum comentario deles a respeito do assuntO?

    Caro Presidente, Seja educado. Queira responder essa carta. Os brasileiros naem querem outro apagao e nem o risco de um novo. Mas um erro nao justifica o outro.

    Existe alternativa de projeto com energia renovavel?
    Caro presidente, ja foi catalogado quanto se perderah da faunal e da flora e outros impactos? Se foi entao mostra para nos. Estamos muito interessados em saber…Tenha certeza disso.
    Grato
    Edenir

  • francisco inocencio de carvalho filho

    -

    16/4/2010 às 22:01

    Nosso Presidente pau no Cameron você é bom de briga, bota o cara pra correr do Brasil com um poquinho só de diplomacia, muita falta de respeito com o povo brasileiro, na minha frente ele jamais diria o que anda noticiando, quebrava ele todo e o Itamarati mandava de volta, foi queda na Amazonia.
    Espero que nosso representante maximo de o troco.
    Abraço no meu presidente LULA.

  • Edson Carramilo Júnior

    -

    14/4/2010 às 10:49

    É um absurdo vir um extrangeiro de uma maloca(nome dado as moradias dos indios de Roraima), onde se tenha energia abundante para todas a suas necessidades(principalmente de fazer filmes e ficar podre de rico), dizer que nós Brasileiros não podemos tambem ter o direito de ter nossa propria matriz energética(ainda mais aqui da região amazônica totalmente carente deste bem), queria que esse mesmo que critica morasse em manaus-am ou boa vista-rr (onde se tem sistemas elétricos isolados) para sentir como é “bom” não se ter energia confiável, agora ficar fazendo barulho de hollywood e plateia com os contrarios e depois ir pro seu conforto no EUA é muito bom e fácil. acorda “braZilsão”.
    Edson Junior morador de Boa Vista – Roraima

  • Vivaldo Reis Filho

    -

    14/4/2010 às 8:05

    Caríssimos Cameron e Lauro Jardim.
    É claro que o arsenal atômico dos EEUU, bem como de algumas outras potências, recebem o silêncio de parcela significante de líderes políticos planetários e da própria população de seus países. Entretanto isso não invalida sua preocupação com Belo Monte. O que me preocupa mesmo é a aceitação, por grande parte da inteligência brasileira, do engodo que é o projeto da hidroeléctrica no Rio Xingu. Jamais o alagamento de pouco mais de quinhentos quilómetros quadrados serão suficientes para retorno dos investimentos.
    Posteriormente à construção de Belo Monte serão necessários duas ou mais barragens à montante para vencer o tempo de residência da água (36 dias) no lago formado com apenas Belo Monte. A estiagem anual será sempre superior. Mesmo ambientalistas, alguns candidatos a cargos políticos silenciam este aspecto: o engodo!

  • JOEL PALMA

    -

    13/4/2010 às 11:02

    Marquinho Mota, arruma uma casinha na beira do Xingu, vai morar lá…EU não vou ficar sem energia pra AMERICANO QUEIMAR PETRÓLEO…fica você…

  • Marquinho Mota

    -

    13/4/2010 às 10:07

    Construir Belo Monte não é apenas uma agressão a natureza, é também uma agressão ( e essa sendo ambientalista ou não temos que lutar contra) direta a Constituição federal, pois vários ritos processuais foram desreipeitados (oitivas indígenas, audiências públicas em todos os municípios atinfgidos, ingerência em cima do trabalho dos técnicos do IBAMA, etc. ). Outras consideraçãos:
    1) Belo Monte é uma incógnita do ponto de vista econômico, já que até agora ninguêm sabe realmente quanto vai custar. O governo fala em 16Bi e as empreiteiras em 32Bi e todos nós sabemos que isso, se sair do papel, vai custar muito mais ainda. Lembrando que este cáuculo é apenas para construção da usina,sem incluir as linhas de transmissão.
    2) Não vejo como uma usina que só vai funcionar plenamente 4 mêses por ano (os tais 11mil mgw) pode dar segurança energética ao pais. Seria mais fácil repotencializar o nosso parque energético,pois como bem demonstraram estudos do professor do Instituto de Energia e Eletrotécnica da Universidade de São Paulo (USP) Célio Bergman, que se as 157 hidrelétricas brasileiras fossem repotencializadas e tivessem seu parque tecnológico renovado, não seria preciso construir novas hidrelétricas, evitando novos impactos ambientais. Para deixar claro: durante 4 meses a usina deve produzir 4mil mgw e nos outros 4 meses vai ficar parada, pois a vazão do Xingu vai ser insuficiente para rodar as turbinas;
    3) quanto aos ritos terem sido cumpridos,é mais uma mentira do Governo Federal. Quem esteve nas audiências “públicas” viu a Força Nacional, impedindo a entrada de manifestantes contrários a barragem, como foi em Belém ou viram os indígenas contrários a barragem, sendo proibidos pela FUNAI de deixarem suas aldeias, como foi em Altamira. Os indígenas que participaram da audiência de Altamira vieram nos carros da “EletroMorte”. Adivinha de que lado eles estavam? Além do mais não foi feita nenhuma oitiva em terras Indígenas que serão impactadas caso a UHE saia. Isso fere frontalmente a Constituição Federal e a Resolução 169 da OIT da qualo Brasil e signatário;
    4) Outra coisa que é importante lembrar é que hidrelétrica não é energia limpa. O metano que vai ser produzido, devido a decomposição das árvores que estão na área que pode ser alagada, vai ser 10 vezes mais prejudicial para o efeito estufa do que se esta mesma energia fosse produzida por termo eletricas. Lembrando que o metano é 25 vezes mais danoso do que o Carbono para o EE.
    5) Finalizando temos um grande desastre cultural/antropológico. Para todas as etnias que habitam a sua margem, o Pai Xingu (como a maioria o chama) é um rio sagrado. Xingu em tupi significa “A Morada de Deus”. Imagina o que significaria para os cristãos do mundo, se o Governo de Israel resolvesse construir uma usina de energia, na Capela da Natividade?
    Marquinho Mota

  • gregor k

    -

    12/4/2010 às 20:56

    essa gentalha fanática da petezera é muito jeca!

  • VALENTI

    -

    12/4/2010 às 20:55

    ESTE CAMERON TEM QUE CONDENAR HOLLYHOOD PELOS
    FILMES DE JOHN WAINE E A APOLOGIA À MATANÇA DOS ÍNDIOS AMERICANOS.

    ESTA HIDRELÉTRICA JÁ ESTÁ ATRASADA
    AGORA QUE NENHUM BRASILEIRO ESTÁ ATRAPALHANDO
    APARECE ESSE GRINGO.

  • Francisco Magalhães Barros Junior

    -

    12/4/2010 às 20:22

    Gostaria de saber qual motivo dos brazucas nos tratarem como brazucas de segunda. Abram mão dos benefícios de Itaipu, juntem-se a gringo engilhado e venham fazer companhia aos mosquitos aqui no matagal amazônico. Hoje mesmo os Mapinguaris amestrados do INGANA, PF e FN, estão destruindo empresas lagalmente estabelecidas na Região de Belém onde as ruas estão repletas de vagabundos petralinhas e petralhões. Por que não reflorestam o rico interior de São Paulo? Vão ver como é melancólico contemplar mato. Também aqui hoje, começou o novo julgamento do “Bida”, acusado de supostamente mandar matar a vigarista com cara de santinha do pau oco, a tal Doroty Stang, se somos oprimidos por forças de toda ordem, é legítimo reagirmos, “Bida” é um grande trabalhador e um brasileiro de verdade.

  • almino

    -

    12/4/2010 às 19:35

    Cameron demonstra viver em Pandora, chamar lula de lider mundial, tá de briancadeira,né?

  • André Casagrande

    -

    12/4/2010 às 10:51

    ahahaha…se essa carta foi escrita deste jeito, em português, o Lula não a entendeu, não tendo respondido por este motivo.

    Se foi escrita em inglês, o molusco gigante só viu um emaranhado de letras, achou que era sacanagem e jogou a carta fora…

    ahahahahaha…êêêê Brasil !!!!!!!!!!!!!!!!!!!! Bando de jumentos!!!!!!

  • Paulo Aderehtti

    -

    12/4/2010 às 9:10

    Espero dessa vez publiquem o meu comentário.
    Por que o Cameron ao invés de meter o betelho aqui, não faz alguns pedidos pro presidente do seu país?
    Por que não pede pro Obama acabar com a carnificina no Afeganistão e no Iraque? `
    Por que não pede pro Obama pra que as mais de 3000 ogivas nucleares que podem fazer o mundo voltar pro paleolítico em menos de 2 horas sejam desativadas?
    Por que o Cameron não pede pro Obama acabar com a fome na África?

    Aí ele vem pro Brasil e ainda que ter audiência com o Presidente Lula. Parece piada.

  • Júlio

    -

    12/4/2010 às 8:27

    Para completar meu comentário anterior. Quando algum brasileiro, autoridade ou não visita os Estado Unidas e defende publicamente que o etanol do Brasil é melhor para o meio ambiente e que os americanos deveriam tirar a sobretaxa de importação, as mídias deles defendem nosso produto ou seus plantadores de milho subsidiados pelo governo. Até quando a imprensa nacional vai ficar dando ouvidos a tudo a que gringo fica falando somente para aparecer para a platéia. Acho que quem deve catar coquinhos são os jornalistas brasileiros.

  • Júlio

    -

    12/4/2010 às 7:53

    Ridículo é esse camarada dar opinião sobre assuntos que não tem conhecimento. Se fosse o contrário com alguém do Brasil, principalmente o presidente Lula, fazendo comentários depreciativos de seus filmes todos os jornalistas daqui estariam dando o maior apoio ao tal Cameron. Nos Estados Unidos, as reservas indígenas possuem até cassinos e aqui ele quer que nossos nativos continuem vivendo da caça e da pesca. O cerco é mandar esse camarada catar coquinhos para não dizer algo mais claro.

  • ney

    -

    12/4/2010 às 7:25

    A argumentação do diretor tem consistência, precisa aparecer projetos alternativos e pesar os prós e contras, mas com a incompetência inerente deste governo dificilmente ocorrerá, principalmente com o desespero do Lula de deixar um marco consistente de sua passagem pelo poder. Por outro lado existe uma realidade incontestável da necessidade deste país de aumentar a produção de energia elétrica, para dar sustentação ao seu crescimento econômico e populacional.

  • lucú

    -

    12/4/2010 às 0:15

    Talvez esse diretor tenha razão,agora o que eu acho estranho é o “Silencio dos Indecentes..”no caso as ONGs e a Mídia.

  • João

    -

    12/4/2010 às 0:11

    Quero dizer que a princípio a opinião de pessoas do meio artístico (nacional ou estrangeiro) em relação a amazônia são muito parecidas, e elas são temerosas de qualquer obras ou desenvolvimento que venha para estas regiões. Por esse motivo e pelo diretor ser quem é (uma pessoa no mínimo competente), não vejo má intenção na sua opinião.

    Mas a usina precisa ser construída, sim! Se a amazônia não oferecer aos seus moradores “humanos” condições dignas de vida, e para isso o desenvolvimento é necessário, a depredação do meio ambiente será muito maior. Quanto aos danos, achei as justificativas do diretor bastante fracas, as comunidades da região (indígenas ou não) já sofrem muito, mas muito mesmo, justamente porque estão longe de polos regionais que podem mais facilmente proporcionar-lhes serviços públicos ou privados. É fácil para quem mora no eixo Rio/São Paulo ou alguma metrópole dos EUA, achar que quem mora Amazônia tem que viver de extrativismo. Essas pessoas não aguentariam meio ano vivendo nessas condições. E mesmo que algumas tenham a experiencia de viver numa localidade remota do Brasil, que elas acham que deveria ser um bioma intocado, elas NUNCA saberiam o que é viver como pessoas de poucas condições (pobres, índios ou não) nesses lugares.

  • José

    -

    11/4/2010 às 23:30

    Lulla não leu a carta dos dissidentes cubanos, Lulla tem orgulho em dizer que não lê jornal, revista ou livros e Lulla também tem orgulho da mãe “que nasceu analfabeta”
    Certamente Lulla não vai ler esta carta também. Se lesse ficaria envergonhado.
    Eu, como brasileiro, estou.

  • LIMA

    -

    11/4/2010 às 22:38

    BOCO SÃO PESSOAS COMO VOCE, ISAI, DAS 19:14. QUE ACREDITA NO PETRALHA E NAS ASNEIRAS QUE ELE FAZ E DIZ. JÁ NÃO CHEGA A FARSA REFERENTE A COMPRA DOS RAFALES, OU É PRECISO QUE HAJA OUTRAS, COMO A DA CONSTRUÇÃO DA UNSINA. ACORDA, POIS VOCE NÃO VAI GANHAR NENHUM MIMO.

  • mari

    -

    11/4/2010 às 22:27

    Deste molusco pode-se esperar tudo, no momento em que o mundo inteiro se preocupa com a preservação da natureza, ele quer construir uma usina pra nada, mas tem fundamento pq só assim os PeTralhas poderam angariar mais fundos para mater os compaheiros, o MST e sabe Deus quem mais. O gringo não é babaca não, os babacas são brasileiros, parte da imprensa, ONGs ambientalistas que são sustentados pelo governo e que só pensam em si. A natureza já está dando o troco, pena que só sobra justamente para aqueles que o PT diz protejer.

  • JOEL PALMA

    -

    11/4/2010 às 21:56

    Manda ele começar com o Obama a preservação ambiental…aí nós seguimos…fazer discurso ambientalista é fácil pra quem mora, como eu, no Sudeste do Brasil, ou em outras regiões com energia e facilidades…Só otário vai abrir mão de ter energia no Brasil pra americano ficar queimando petróleo…Só O-T-Á-R-I-O…se eles derem o exemplo, podem ser seguidos…agora, os idiotas aqui, terceiromundistas, vão preservar a natureza pra americano queimar tudo? dá licença…PRIMEIRO O MAIOR POLUIDOR, estamos acertados?

  • Anonymus

    -

    11/4/2010 às 21:24

    A geração de energia eólica e solar custam muito mais caro do que a hidroelétrica. Essa afirmativa do Cameron é errada e tem tb o viés ideológico de Al Gore et caterva. P.ex., para gerar a mesma quantidade de energia de Belo Monte teríamos que desmatar muito mais de 500km quadrados a um custo cerca de 3x maior!
    Esse gringo deveria visitar as “fazendas eólicas” da Califórnia, abandonadas por falta de competitividade no preço do kw gerado. Energia eólica e solar só existem onde há incentivos fiscais enormes!

  • Marcos

    -

    11/4/2010 às 20:49

    HIDRELETRICA NAO RESOLVE NADA, BAIXE A MAIORIDADE DE 18 PARA 13, QTS PAIS DE FAMILIAS VAO FICAR VIVOS PARA AJUDAR A CONSTRUIR O BRASIL.

  • MARCO ANTONIO GUIMARAES

    -

    11/4/2010 às 19:55

    É impressionante o que este governo federal está fazendo com nosso país. Esse projeto vem de encontro com todas os interesses dos petistas e fim de mandato, antes de sair tenho que ganhar mais dinheiro, e a população que se dane, não estão preocupados com a ecologia e tampouco com a população que vai sofrer com essa decisão. Será que esse governo BURRO não teria outras alternativas para suprir a necessidade de gerar energia. Outros paises desenvolvidos estão contruindo alternativas limpas para gerar energia e um dos métodos é as fazendas AEÓLICAS, o problema é que o valor em nada se compara ao que será gasto BELO MONTE e a comissão muito pequena ou quase nada. É muito dificil esses politicos terem um pouco de respeito com o povo brasileiro, lá fora as pessoas estão enchergando o que o nosso presidente não quer ver.

  • isai

    -

    11/4/2010 às 19:14

    Presidente Lula, mande esse gringo bocó ir plantar batatas.

  • Alexandre Benvindo

    -

    11/4/2010 às 18:43

    E agora o que O Cara vai fazer. Vai ficar calado e aceitar a pecha de agresor da natureza: Nuncantesnestepaiz um presidente foi questionado tão direta e abertamente por um militante. Principalmente por um militante milionário.

  • annalygia

    -

    11/4/2010 às 18:19

    O incrível é que seja um estrangeiro a dizer coisas tão óbvias, mas que não ouvimos nem mesmo das ONG’s brasileiras ou das personalidades “ambientalistas”.

    Por que todos se calam diante de mais essa obra megalomaníaca e criminosa?

    O discurso é sempre tão “correto” e nossa prática é tão vergonhosa…

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados