Clique e assine a partir de 9,90/mês

Veja Essa

As frases que marcaram a semana

Por Lizia Bydlowski - 22 fev 2019, 07h00

É o desmame. As mulheres entendem bem.

MARCELO CRIVELLA, prefeito do Rio de Janeiro e bispo licenciado, esclarecendo que cortar cada vez mais a verba para o Carnaval carioca é só uma forma de poupar dinheiro público e não tem nada a ver com suas convicções pessoais. Provavelmente, tampouco vai “dar a chupeta para o bebê não chorar”

O feminismo é uma ameaça a toda a ordem ocidental.

CAROLINE CAMPAGNOLO, deputada estadual (PSL-SC) que tem por hobby a polêmica. Ela também propõe que alunos denunciem professores por doutrinação ideológica

O lava-jatismo invadiu a Receita Federal.

GILMAR MENDES, ministro do Supremo Tribunal Federal, cujas contas foram investigadas por suspeitas que estão além das atribuições do Fisco

O Brasil pode esquecer Copa do Mundo pelos próximos cinquenta anos.

ALEXANDRE KALIL, prefeito de Belo Horizonte e ex-presidente do Atlético Mineiro. Para ele, os campeões agora estão na Europa, fruto da “miscigenação atlética com a organização europeia”, e os beques brasileiros não são páreo para “um negão de 2 metros de altura, alimentado, instruído, preparado, com cabeça de homem e força de cavalo”

Depois daquele dia, nunca mais deixei de usar calcinha.

LILIAN RAMOS, ex-modelo flagrada sem a peça, ao lado do então presidente Itamar Franco, em um camarote do Sambódromo carioca no Carnaval de 1994. Hoje morando na Itália, ela diz que o traje (ou a falta dele) foi “um acidente” e reclama de ter sido “julgada sem direito a defesa”

Se eu tivesse que dar um conselho para quem é pai de menina, mãe de menina? Foge do Brasil. Você está no pior país da América do Sul para criar meninas.

DAMARES ALVES, ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, sugerindo uma saída – literal – para a violência contra mulheres no país
Michelle Felippelli/Futura Press/Estadão Conteúdo

Estou vestindo rosa porque estou fugindo do azul, que virou um TOC. E, claro, porque me garanto como homem.

ROBERTO CARLOS, em valentia um tanto à moda antiga, abandonando uma obsessão para tomar partido na atualíssima contenda do “menina veste rosa, menino veste azul”

Nada é mais distante da verdade, e quem disser o contrário estará mentindo.

JUSSIE SMOLLETT, ator da série 'Empire', em declaração, por meio de advogados, em que rebate as suspeitas de que armou um ataque na rua para chamar atenção. Negro e gay, ele foi à polícia denunciar ter sido agredido por dois homens que gritavam insultos. Em uma reviravolta, ele se tornou acusado e foi preso

É a sorte das feias.

LAURA ZAPATA, atriz mexicana, comentando a indicação de Yalitza Aparicio para o Oscar por seu desempenho no filme 'Roma'. Yalitza, de origem indígena, era professora e nunca havia atuado antes. Sua indicação vem sendo criticada por parte da classe artística do México

Estou seguindo um caminho que batizei de nanopedaço. Se você quer comer alguma coisa, pegue uma fatia bem pequena.

DIRA PAES, atriz, passando receita de boa forma que, pelo jeito, dá certo – a dela está ótima, aos 49 anos

A Rússia será obrigada a produzir e instalar armas que poderão ser usadas não apenas nos territórios de onde partem as ameaças diretas contra nós, mas também naqueles em que os centros de decisão se localizam.

VLADIMIR PUTIN, presidente da Rússia, em mensagem ao Parlamento contendo ameaças veladas à Europa e aos Estados Unidos depois que Donald Trump desfez um acordo dos tempos da Guerra Fria que proibia o uso de mísseis nucleares de médio alcance

Perdi. Perdeu, playboy.

HAMILTON MOURÃO, vice-presidente, relevando a rejeição no Congresso de um projeto assinado por ele que ampliava o número de pessoas autorizadas a decretar sigilo de documentos`

Publicado em VEJA de 27 de fevereiro de 2019, edição nº 2623

Publicidade