Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Na E3, VEJA testa o Wii U, novo console da Nintendo

Confira a avaliação do gadget e de alguns seus principais jogos

Por Renata Honorato, de Los Angeles 6 jun 2012, 15h55

A Nintendo aproveitou a E3, maior feira de games do mundo, para anunciar o lançamento do Wii U, primeiro console da nova geração de videogames. O aparelho chega às lojas no Natal e seu preço ainda não foi revelado pela companhia japonesa. A reportagem do site de VEJA testou o console ao lado de Erika Onuma, uma brasileira que trabalha na Nintendo e que atua como interface entre América Latina e Estados Unidos. Confira a seguir onde o aparelho avança e onde ele apenas repete modelos conhecidos.

Leia mais:

Cobertura especial de VEJA na E3

Confira as características do Wii U

Dimensões

O novo controle, que lembra um tablet, é bem leve e se ajusta muito bem às mãos. Percebe-se que a Nintendo fez um grande trabalho de pesquisa no que diz respeito à ergometria do joystick.

Conforto

Apesar de leve, a largura do controle incomoda um pouco. Nos jogos em que é necessário usar o josytick apontado para a TV, é difícil mirar o alvo. A impressão é de que a precisão dos comandos ainda não está 100% ajustada.

Compatibilidade

O Wii U chegará às lojas apenas com um Pad (nome dado ao joystick), mas será possível usar a base com o Wii Remote, o atual controle do Wii.

Jogos

A Nintendo se aproximou das produtoras e disponibilizará para Wii U um catálogo bastante abrangente de games. Tanto os jogos casuais quanto os hardcore terão espaço na nova plataforma.

Definição

Pela primeira vez, a Nintendo oferecerá suporte para jogos em HD. O recurso vai colaborar bastante para a experiência do usuário.

Conteúdo multimídia

A Nintendo não detalhou muitas parcerias e o que deve oferecer através da nova plataforma. Por ora, a empresa preferiu focar sua atenção somente nos jogos.

Continua após a publicidade

Preço

A Nintendo não revelou o preço do novo console, mas especula-se que o aparelho chegará às lojas dos Estados Unidos custando entre 300 e 400 dólares.

Serviços on-line

A companhia japonesa não citou os serviços on-line que serão disponibilizados para o Wii U. Dada a importância da PSN e da Xbox Live para Sony e Microsoft, respectivamente, a Nintendo poder estar equivocada em subestimar a relevância de um ambiente on-line para o novo videogame.

A reportagem também testou quatro jogos para Wii U: New Super Mario Bros., Pikmin 3, Wii Fit U e Luigi’s Ghost Mansion. Confira a avaliação:

New Super Mario Bros.

O jogo, um clássico nas plataformas da Nintendo, volta com nova roupagem ao Wii U. Com gráficos em alta definição, o game permite que dois jogadores disputem uma partida no modo cooperativo de uma forma completamente diferente. Enquanto o usuário 1 utiliza o Wii Remote para explorar o cenário, o usuário 2 cria facilidades para o colega clicando na tela sensível ao toque do Pad.

Pikmin 3

O game explora os comandos tradicionais do controle (Pad) e utiliza a tela sensível ao toque para levar ao jogador informações sobre o mapa. Em Pikmin 3 também é preciso usar o Pad para apontar para o alvo na TV. A tarefa, contudo, não é muito simples.

Wii Fit U

O jogo é muito parecido com a versão para Wii e usa uma base similar no chão para que o usuário possa praticar os exercícios sobre ela. Algumas atividades de equilíbrio e força exigem que o jogador aponte o Pad para a TV. Em uma das tarefas, por exemplo, é preciso colocar a perna direita sobre a base, flexioná-la e, então, tentar acertar alguns alvos com um feixe de água virtual. Para tanto, é preciso movimentar o controle para a direita e para a esquerda.

Luigi’s Ghost Mansion

O jogo faz parte da coleção Nintendo Land e permite que até quatro jogadores disputem uma partida simultaneamente. Três dos usuários utilizam o Wii Remote para fugir de um fantasma em um labirinto escuro, ao passo que um jogador usa a tela sensível ao toque do Pad para caçar os demais usuários no papel do fantasma. A diferença é que para quem controla o inimigo o labirinto não é escuro. A experiência em grupo é fascinante e o jogo traz muitos aspectos sociais divertidos para quem quer jogar em família.

Leia mais:

Cobertura especial de VEJA na E3

Confira as características do Wii U

Continua após a publicidade
Publicidade