Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Menina de 9 anos passa por transplante de seis órgãos

Alannah Shevenell, de 9 anos, portadora de um agressivo tumor, recebeu estômago, fígado, pâncreas, esôfago, intestino delgado e baço

Uma menina de nove anos foi submetida com êxito a um transplante de seis órgãos, que incluiu uma rara recepção de esôfago, anunciou o Hospital Infantil de Boston, nos Estados Unidos. Desde 2008, a pequena Alannah Shevenell tinha um tumor que se expandiu para o estômago, fígado, pâncreas, intestino delgado e baço, além do esôfago. A substituição dos órgãos aconteceu na terça-feira passada.

Heung Bae Kim, cirurgião e diretor do Centro de Transplante Pediátrico (PTC) do Hospital Infantil de Boston Heung Bae Kim, cirurgião e diretor do Centro de Transplante Pediátrico (PTC) do Hospital Infantil de Boston

Heung Bae Kim, cirurgião e diretor do Centro de Transplante Pediátrico (PTC) do Hospital Infantil de Boston (/)

“Sob o comando do diretor do Centro de Transplante Pediátrico (PTC), o cirurgião Heung Bae Kim, os médicos executaram uma intervenção de 14 horas”, afirma um comunicado publicado no site do hospital. Os órgãos vieram de apenas uma pessoa e foram mantidos juntos até o momento do transplante.

“Não havia maneira de extrair o tumor sem retirar os órgãos. Se tirássemos apenas o tumor, os órgãos de Alannah não receberiam sangue e morreriam”, afirmou Bae Kim ao jornal Boston Globe. Kim ressaltou ainda as “dificuldades para encontrar os órgãos, que deveriam ser do mesmo tamanho e tipo sanguíneo da criança”. A oportunidade surgiu quando a família de um menino recentemente falecido ofereceu a doação.

Alta A menina retornou para casa na quarta-feira, depois de passar mais de três meses internada. Alannah, que mora com os avós em Hollis, uma localidade de 4.500 habitantes no estado do Maine, deve ter, no futuro, nenhuma restrição real em termos de atividade, segundo Kim.

Mas, por enquanto, ela toma nove medicamentos diários e é submetida a exames contínuos para controlar os níveis de açúcar. Um tutor trabalha 20 horas por semana na casa da menina para que ela possa dar continuidade aos estudos. O sistema imunológico de Alannah é tão frágil que ela não pode ficar em locais com muitas pessoas, como escolas, igrejas ou centros comerciais. Também não pode comer vegetais crus ou frutas, exceto aquelas com casca ou pele muito fina.

Inédito no Brasil – Segundo Ben-Hur Ferraz Neto, chefe do Programa de Transplantes Abdominais do Hospital Albert Einstein, em São Paulo, transplantes envolvendo vários órgãos ao mesmo tempo, que apresentam mais riscos, são mais comuns nos Estados Unidos e na Europa. Cerca de 50 procedimentos do tipo são realizados a cada ano. “No Brasil ainda é inédito, embora haja no país duas equipes credenciadas para fazer esse tipo de transplante”, diz. A expectativa é que ainda neste ano o Brasil comece a fazer o procedimento.

A história dos transplantes

1954 Acontece o primeiro transplante de rim bem sucedido, feito em gêmeos no Hospital Brigham, em Boston. O coordenador da equipe foi o médico Joseph Murray, que ganhou o Prêmio Nobel da Medicina em 1990 por suas descobertas acerca dos transplantes de órgãos. 1963 Primeiro transplante de pulmão, realizado na Universidade de Mississipi, nos EUA. 1966 Primeira vez em que um paciente recebe dois órgãos ao mesmo tempo, envolvendo rim e pâncreas. A operação foi realizada na Universidade de Minnesota, EUA. 1967 Primeiro transplante de fígado bem sucedido, feito pelo médico Thomas Starzi na Universidade de Colorado, EUA. Neste ano também aconteceu o primeiro transplante de coração, feito no Hospital de Cape Town, na África do Sul. O paciente viveu por 18 dias. 1981 Primeira vez em que foi feito um transplante simultâneo de coração e pulmão, na Universidade Stanford, na Califórnia, EUA 1983 O FDA, órgão americano que controla os medicamentos, aprova a Ciclosporina, uma droga imunossupressora, essencial para que o organismo não rejeite o órgão transplantado. 1989 Primeira vez em que um transplante de fígado de um doador vivo foi feito na Universidade de Chicago, EUA 1990 Primeiro transplante de pulmão vindo de um doador vivo (a mãe doou parte do pulmão para a filha de 12 anos) foi feito na Universidade Stanford, na Califórnia, EUA. 1998 Primeiro transplante de mão bem sucedido. A operação foi feita por médicos australianos em Lyon, na França 2010 O primeiro transplante completo de face foi feito no Hospital Vall d’Hebron, na Espanha. A cirurgia levou 22 horas e o paciente recebeu transplante de mandíbula, nariz, maçãs do rosto, músculos, dentes e pálpebras 2011 Primeiro transplante de duas pernas foi feito no Hospital La Fe de Valência, Espanha

Com Agência France-Presse