Clique e assine com até 92% de desconto

Média de óbitos por Covid-19 fica abaixo de 1.000 pelo 5º dia consecutivo

Neste domingo, Ministério da Saúde registrou 620 novas mortes causadas pela doença; pela média móvel semanal, número ficou em 971,9

Por Larissa Quintino 16 ago 2020, 20h23

O Brasil registrou, pelo quinto dia consecutivo, a média móvel  do número de óbitos em decorrência da Covid-19 abaixo de 1.000. Os dados estão abaixo do patamar desde a última quarta-feira, 12, quando a média registrada foi de 992,1 mortes, seguida, respectivamente, por 995,7 e 993, 965 na quinta, sexta e no sábado. Neste domingo, 16, o número ficou um pouco acima do dia anterior, em 971,9, mas ainda sim abaixo de 1.000. A média móvel semanal é utilizada para obter uma melhor avaliação do quadro geral de óbitos no país provocados pelo novo coronavírus. Com esse método, é possível anular as variações diárias do registro feito pelos órgãos públicos de saúde. A conta é feita a partir da soma do número de casos e mortes nos últimos sete dias, dividida por sete, número de dias do período contabilizado.

Segundo os últimos dados divulgados pelo Ministério da Saúde, o número absoluto de novos óbitos registrados nesse domingo foi de 620 e 23.101 novos casos. No total, o país soma 3.340.197 casos e 107.852 óbitos confirmados.

Ainda é cedo para dizer que a média abaixo de 1.000 indique uma queda no número de mortes, pois é preciso que a tendência continue a se confirmar nos próximos dias. Entretanto, há forte indicativo de que o Brasil começa a se distanciar do último pico de mortes da média móvel, em 25 de julho, quando foram registrados 1.096,7 óbitos segundo o levantamento de VEJA.

Confira abaixo de forma detalhada as médias de casos e óbitos do país causados pela Covid-19, além de dados separados por regiões.

Confira a média móvel da pandemia da Covid-19 nas 27 capitais brasileiras, separadas em suas regiões:

Continua após a publicidade
Publicidade