Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Justiça bloqueia R$ 28 mi de Mônica Moura e R$ 2,7 mi de João Santana

'Caixa' do marqueteiro do PT, mulher de Santana é quem mantinha mais recursos em nome próprio em bancos sediados no Brasil

Em cumprimento a uma ordem do juiz Sergio Moro, da 13ª Vara Federal em Curitiba, o Banco Central comunicou nesta segunda-feira que bloqueou mais de 28 milhões de reais em quatro contas de Mônica Moura, mulher e “caixa” do marqueteiro do PT, João Santana. O valor é dez vezes superior ao encontrado em contas vinculadas ao CPF de João Santana no país: 2,7 milhões de reais, também congelados.

Mônica Moura é sócia do marido nas empresas dele e atuava como o cérebro financeiro do casal – ela se dedicava a tarefas burocráticas e controlava as contas, enquanto Santana se concentrava na criação das campanhas, conforme reportagem de VEJA desta semana.

O juiz havia determinado o bloqueio de até 25 milhões de reais em cada conta dos investigados. A Justiça Federal também conseguiu bloquear 407.305,17 reais da Polis Propaganda & Marketing, empresa que Santana usava para prestar serviços a políticos no Brasil. O BC não encontrou contas relacionadas a outra empresa do casal, a Santana & Associados Marketing e Propaganda Ltda. Ao todo, Moro indisponibilizou 31.918.819,61 de reais do casal.

Também tiveram valores bloqueados o operador Zwi Skornicki, que repassou ao casal 4,5 milhões de dólares no exterior a mando da empreiteira Odebrecht, e uma empresa dele e de familiares, a Eagle do Brasil: foram 4,4 milhões de reais no CPF dele e mais 534.936,57 reais no CNPJ da empresa.

Responsável por controlar os pagamentos da Odebrecht em contas secretas, o funcionário Fernando Migliaccio da Silva teve 1,9 milhão de reais bloqueados.

Valores bloqueados de alvos da 23ª fase da Operação Lava Jato

Contas de Mônica Moura no Bradesco, BTG Pactual, Itaú e Caixa: 28.755.087,49 de reais

Contas de João Santana no Bradesco e no Itaú: 2.756.426,95 de reais

Contas de Zwi Skornicki no Itaú e na Caixa: 4.400.119,76 de reais

Contas de Fernando Migliaccio da Silva no Bradesco, Citibank, Caixa e Itaú: 1.984.879,54 de reais

Conta da Polis Propaganda & Marketing Ltda no Bradesco: 407.305,17 reais

Conta da Eagle do Brasil Ltda no Itaú: 534.936,57 reais