Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Foro de São Paulo combate o “imperialismo”, mas cobra inscrição em dólar

Partidos que defendem os ditadores de Nicarágua, Cuba e Venezuela se reúnem em Brasília no final deste mês

Por Hugo Marques Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
11 jun 2023, 11h28

Representantes de partidos de esquerda de 27 países da América Latina e Caribe irão se reunir no final do mês em Brasília. O local para o 26º encontro do Foro de São Paulo foi escolhido após a vitória eleitoral do presidente Lula, que deverá ser a grande estrela do evento. Sob o lema “integração regional para avançar a soberania latino-americana e caribenha”, o Foro vai receber, entre outros, representantes do Partido Comunista de Cuba, a Frente Sandinista de Libertação Nacional e o Partido Socialista Unido da Venezuela — legendas que dão sustentação a ditaduras da região.

Formalmente, o encontro tem o objetivo de integrar os países, discutir políticas de proteção da natureza, além combate  contra os efeitos do que a esquerda chama de “neoliberalismo”.  Apesar da aversão ao “imperialismo” dos Estados Unidos, os organizadores estabeleceram uma taxa de inscrição de 250 dólares americanos para cada partido e de 50 dólares para cada participante individual.

Lula e Daniel Ortega
Lula e o ditador da Nicarágua, Daniel Ortega, durante reunião do Foro de São Paulo na Nicarágua, em maio de 2011 – (Reuters/Reprodução)

O Foro foi criado em 1990 por Lula e pelo ditador cubano Fidel Castro. A pauta deste ano contará com discussões sobre  o  Mercosul, a Alternativa Bolivariana para as Américas (Alba), a União das Nações Sul-Americanas (Unasul) e da Comunidade de Estados Latino-Americanos e Caribenhos (Celac).

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.