Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Dilma fará sua defesa pessoalmente no Senado

Processo está previsto para começar no dia 25 de agosto

Um dia após ler a sua mensagem aos senadores e à população, a presidente afastada Dilma Rousseff decidiu que fará pessoalmente sua defesa no Senado. A informação foi confirmada pela assessoria de imprensa da petista. Dilma já está redigindo o seu pronunciamento no Senado e terá a opção de apenas discursar e se retirar da sessão.

Leia mais:
STF autoriza inquérito contra Dilma e Lula

O julgamento final do impeachment começa no dia 25. A presidente afastada deve se manifestar após todas as testemunhas de defesa e acusação.

Nessa terça-feira, durante a leitura da carta, Dilma defendeu a convocação de um plebiscito para encurtar o seu mandato e antecipar as eleições de 2018, pregou um pacto pela unidade nacional e disse que sua deposição seria um “inequívoco golpe”. Dilma se definiu como “honesta e inocente”, admitiu erros e afirmou não ser legítimo afastá-la pelo “conjunto da obra”.

(Com Estadão Conteúdo)

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Ótimo. Tomara que ela fale de improviso. Estou precisando cair na gargalhada.

    Curtir

  2. Sonia Martins

    Oba! Circo de graça!

    Curtir

  3. Martijn Martinus Felix Mertens

    Deve ser para abdicar, para não ter ficha suja oficial.

    Curtir

  4. Ela realmente se acha, como assim…vai lá, fala aquele tantao que já sabemos, e não espera para ser seguida , fala sério

    Curtir

  5. É Argüida , não seguida

    Curtir