Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Bolsonaro diz que novo presidente vai “dar uma arrumada” na Petrobras

Presidente, mais uma vez, negou que esteja interferindo na estatal e defendeu a troca de comando na empresa

Por Camila Nascimento Atualizado em 24 fev 2021, 10h22 - Publicado em 23 fev 2021, 12h11

O presidente Jair Bolsonaro disse nesta terça-feira, 23, a simpatizantes em frente ao Palácio da Alvorada que o general Joaquim Silva e Luna, indicado por ele para a presidência da Petrobras, “vai dar uma arrumada” na estatal.

Depois de sua decisão ter influenciado negativamente o comportamento do mercado, Bolsonaro negou mais uma vez que esteja promovendo qualquer interferência na empresa estatal. “O que eu interferi na Petrobras, alguém me responde aí? O que que eu falei para baixar o preço (dos combustíveis)? Nada, zero. O que essa imprensa está fazendo? O novo presidente vai dar uma arrumada lá, pode deixar”, afirmou. “Vocês vão ver como a Petrobras vai melhorar”, acrescentou.

  • Caso tenha seu nome aprovado pelo Conselho de Administração da Petrobras, o general Joaquim Silva e Luna assumirá o comando da estatal em março.  O atual presidente, Roberto Castello Branco, está sendo criticado pelo presidente desde o último fim de semana. Bolsonaro questionou o salário recebido pelo executivo, a política de preços praticada pela Petrobras e o fato de a diretoria estar trabalhando de forma remota (home office) na pandemia.

     

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade