Clique e assine a partir de 9,90/mês
Publicidade

Notícias sobre Carlos Ayres Britto

Na avaliação de ex-presidentes do STF e advogados que atuam na Corte, perfil negociador de Toffoli ajudará a contornar tensão crescente entre ministros
Partido tem 30% de “vagas” para candidatos independentes que procuram uma legenda para viabilizar candidatura
A ex-ministra participou de evento da Rede em Porto Alegre; políticos do partido ventilam a possibilidade de Ayres Britto, ex-STF, concorrer à Presidência
Ninguém cuida do que deveria cuidar e o povo brasileiro que se dane!
downloaded_image20160421-29345-1rb5pkp.jpeg
01m20s
play_circle_outline
Brasil

Temer busca ministro da Justiça distante da Lava-Jato

Por Da Redação - Atualizado em 15 set 2016, 17h53 - Publicado em 21 abr 2016, 09h16
Vice não vai nomear advogados que tenham atuado na operação. Acompanhe o comentário.
Segundo o ex-ministro do Supremo, Corte de Contas é órgão técnico que não tem poder de julgar, acusar ou condenar a presidente
downloaded_image20150713-29162-1njfxp5.jpeg
26m54s
play_circle_outline
Brasil

Maioridade penal: ‘Cunha pedalou’, diz Ayres Britto

Por Da Redação - Atualizado em 10 dez 2018, 21h44 - Publicado em 13 jul 2015, 14h58
O ex-presidente do Supremo Tribunal Federal afirma que o presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha fez da medida que reduz a maioridade penal de 18 para 16 anos "um Frankenstein". Na segunda parte da entrevista a Joice Hasselmann, Carlos Ayres Britto detalha a manobra e afirma que é uma "ação imediatista". Confira.
O ex-presidente do Supremo Tribunal Federal afirma que "as instituições precisam ser livres" e relata que ficou "estuporado" com as cifras do roubo gigantesco do petrolão. Na primeira parte da entrevista a Joice Hasselmann, Ayres Britto comenta também a importância das delações premiadas. Assista.
Em junho de 2003, o jurista sergipano Carlos Ayres Britto chegou ao Supremo Tribunal Federal por indicação de Lula e depois de ter sido candidato a deputado federal pelo PT. Nos anos seguintes, até a aposentadoria compulsória em outubro de 2012, ele ensinaria que as decisões de um genuíno juiz não podem ser influenciadas por […]
Brasil

“Não pode haver camisa de força para a cidadania”, diz Ayres Britto

Por Da Redação - Atualizado em 10 dez 2018, 18h18 - Publicado em 31 dez 2014, 16h52
Em entrevista à TVEJA, o ministro do STF afirma que decreto 8.243, que cria "conselhos populares", fere a Constituição. Ayres Britto afirmou ainda que para o PT conseguir censurar a imprensa brasileira seria preciso "fazer outra Constituição". "A liberdade de expressão em verdade é a maior expressão da liberdade", disse o ministro e poeta em entrevista a Joice Hasselmann e Carlos Graieb. Confira os melhores momentos:
Publicidade