Clique e assine com até 92% de desconto

Segundo debate nos EUA será virtual, mas Trump afirma que não participará

Presidente americano testou positivo para a Covid-19 poucos dias após o primeiro embate, marcado por interrupções e discussões acaloradas

Por Julia Braun Atualizado em 9 out 2020, 09h53 - Publicado em 8 out 2020, 09h09

O segundo debate presidencial nos Estados Unidos será virtual, anunciou a comissão responsável pela organização do evento nesta quinta-feira, 8, depois que o presidente Donald Trump testou positivo para a Covid-19. O republicano, porém, afirmou que não participará da discussão.

O debate está marcado para 15 de outubro. Segundo a organização, a comissão e o moderador, o jornalista Steve Scully, da rede de televisão C-SPAN, conduzirão as discussões a partir de um centro de eventos em Miami. Já os candidatos participarão por meio de uma transmissão online.

Assim que as mudanças foram anunciadas, porém, Trump afirmou que não participaria. O presidente estava ao vivo em uma entrevista à emissora Fox quando foi questionado sobre o tema.

Depois que Trump foi internado durante o final de semana com um diagnóstico de Covid-19, o ex-vice-presidente e candidato democrata Joe Biden afirmou que não participaria de um evento presencial com o republicano até que ele apresentasse um teste negativo para a doença.

Na noite desta quarta-feira 7, os candidatos a vice-presidente Mike Pence e Kamala Harris participaram de um debate presencial. Os oponentes foram separados por placas de acrílico e se posicionaram a uma distância de quase 4 metros um do outro.

  • No debate da semana passada, Trump e Biden se envolveram em calorosas discussões. O evento, porém, foi marcado por muitas interrupções do atual mandatário ao seu oponente e ao moderador.

    Continua após a publicidade
    Publicidade