Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Retórica de Trump faz Japão temer por futuro de aliança com EUA

O magnata também acusou os japoneses de roubarem empregos e criticou a Parceria Transpacífica, pacto comercial de doze países liderado pelos EUA e que inclui o Japão

Por Da Redação 21 mar 2016, 10h13

A forma como o pré-candidato republicano à Presidência dos Estados Unidos Donald Trump retratou o Japão está fazendo Tóquio temer por danos na aliança com Washington. O magnata recentemente classificou o Japão como “um aproveitador em questões de segurança”.

Há décadas a aliança EUA-Japão é o ponto central da política de segurança do Tóquio, mas nos últimos anos as dúvidas a respeito da disposição e da capacidade de Washington de continuar a defender seu principal parceiro asiático têm aumentado. Os comentários do republicano favorito nas pesquisas de opinião não ajudaram a diminuir em nada tais receios. “Se alguém atacar o Japão, temos que ir e começar a III Guerra Mundial imediatamente, certo? Se formos atacados, o Japão não tem que nos ajudar”, disse Trump em discurso de campanha. “Isso não parece muito justo.”

Leia também

Manifestantes protestam contra Trump em NY e no Arizona

Trump utiliza gramática de uma criança de 11 anos

Mordomo de Trump conta como vive o magnata em mansão de 118 cômodos

Trump também acusou os japoneses de roubarem empregos e criticou a Parceria Transpacífica, pacto comercial de doze países liderado pelos EUA que Tóquio vê como vital por razões tanto estratégicas quanto econômicas. “Se você ouvir os comentários dele sobre segurança, os EUA se tornariam isolados, então acho que há uma grande ansiedade entre os países aliados”, afirmou Itsunori Onodera, que serviu como ministro da Defesa do primeiro-ministro Shinzo Abe.

No ano passado, Abe empregou um capital político considerável para aprovar uma legislação muito criticada internamente, que permite aos militares do Japão defenderem nações aliadas sob ataque, uma grande revisão da Constituição pacifista do país oriental. “É da incumbência do Japão se proteger, e sua defesa é necessária para que a aliança seja mantida com a melhor postura possível”, disse Abe na época.

(Da redação)

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês