Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Incêndio na Califórnia já é maior que áreas de Nova York e Boston

Bombeiros enfrentam dificuldades para conter as chamas que já atingiram 230 mil hectares e obrigaram mais de 90 mil pessoas a deixarem suas casas

Por Da redação Atualizado em 11 dez 2017, 13h49 - Publicado em 11 dez 2017, 13h47

Os diversos focos de incêndio que atingem o sul da Califórnia há uma semana já queimaram 230.000 hectares, uma área maior do que as cidades de Nova York e Boston juntas. Um dos principais focos da queimada, apelidado de Thomas Fire, já é considerado o quinto maior da história do estado. Ventos fortes e ar seco têm ajudado as chamas a se espalharem.

Segundo o xerife do Condado de Ventura, onde o fogo começou, cerca de 94.607 pessoas foram obrigadas a deixarem as suas casas e mais de 700 estruturas já foram destruídas. Tanto Ventura quanto o condado de Los Angeles estão sob aviso de bandeira vermelha devido às condições climáticas. No domingo, os bombeiros informaram que conseguiram conter 15% do foco, mas foram obrigados a reduzir para 10% devido ao crescimento das chamas.

Apenas uma morte foi confirmada até o momento. A moradora de Santa Paula, Virginia Pesola, de 70 anos, morreu em um acidente de carro enquanto fugia das chamas, segundo informaram as autoridades locais. Alguns bombeiros se feriram.

Além do Thomas Fire, o Condado de Los Angeles enfrenta o Cheek Fire, que já atingiu mais de 15.000 hectares; Rye Fire, que já queimou mais de 6.000 hectares, e o Skirlball Fire, que queimou mais de 400 hectares. O Lilac Fire já consumiu 4.100 hectares em San Diego. Mais de 75% desses incêndios já foi contido pelos bombeiros.

  • Bombeiro dos estados de Arizona, Colorado, Idaho, Oregon, Utah e Washington estão ajudando a conter as chamas.

    Continua após a publicidade

    Nas redes sociais, diversas celebridades que moram nas regiões atingidas estão compartilhando mensagens de solidariedade e agradecendo por estarem vivas. A apresentadora Ellen Degeneres, moradora de Montecito, tuitou: “Nossas casas estão sob ameaça de serem queimadas. Nós só precisamos resgatar nossos animais. Estou orando por todos na comunidade e agradecida por todos os incríveis bombeiros”.

    O governador da Califórnia, Jerry Brown, visitou o condado de Ventura no último sábado e classificou a situação como “o novo normal”. Segundo ele, grandes incêndios podem acontecer “a cada ano ou a cada poucos anos” por causa das mudanças climáticas.

    Continua após a publicidade
    Publicidade