Clique e assine a partir de 8,90/mês

Google removerá ‘insultos’ a monarquia tailandesa do YouTube

Representantes da Família Real da Tailândia se encontraram com executivos da empresa de tecnologia para pedir a retirada de conteúdos ofensivos do site

Por Da redação - Atualizado em 24 out 2016, 16h33 - Publicado em 24 out 2016, 16h01

O Google anunciou que removerá todo conteúdo negativo sobre a monarquia tailandesa disponível no YouTube. O anúncio foi feito após uma junta representante da Família Real da Tailândia se encontrar com executivos da empresa de tecnologia e pedir a retirada dos conteúdos ofensivos.

O vice primeiro-ministro tailandês, Prajin Juntong, admitiu ter se encontrado com representantes do Google em Bangcoc na última sexta-feira. Segundo ele, a empresa confirmou que ajudariam a remover os conteúdos do YouTube.

“Nós sempre tivemos políticas claras e consistentes para os pedidos de retirada de governos de todo o mundo. Nós não mudamos essas políticas na Tailândia”, afirmou um porta-voz do Google ao jornal britânico The Guardian. “Contamos com os governos ao redor do mundo para nos informar sobre esses conteúdos que eles acreditam ser ilegais, e vamos classificá-lo como adequado ou não após uma revisão completa”, disse em um comunicado.

A Tailândia passa atualmente por um período de luto nacional após a morte do adorado rei Bhumibol Adulyadej, há duas semanas. O governo declarou luto oficial de um ano e ordenou que todos usem roupas brancas ou pretas durante todo esse período. A sensibilidade em torno da reputação da monarquia também cresceu muito, já que o governo está sofrendo constante pressão dos mais radicais apoiadores da Família Real para que preserve a tradição e o status dos monarcas mesmo após a morte de Adulyadej.

Continua após a publicidade
Publicidade