Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Golpistas fecham espaço aéreo e fronteiras terrestres do Mali

Por Da Redação 22 mar 2012, 13h01

Bamaco, 22 mar (EFE).- Os militares que realizaram na quarta-feira o golpe de Estado contra o presidente do Mali, Amadou Toumani Touré, fecharam o espaço aéreo e as fronteiras terrestres do país, segundo confirmaram à Agência Efe fontes próximas aos próprios golpistas.

A medida foi tomada pelo autoproclamado Comitê Nacional para o Restabelecimento da Democracia e a Restauração do Estado (CNRDRE), sob o qual se agrupam os golpistas, e permanecerá em vigor pelo menos até a próxima terça-feira, de acordo com as fontes. EFE

Publicidade